História I will find you - Vmin - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Namjoon (RM), Kim Taehyung (V), Park Jimin (Jimin)
Tags Bangtan Boys (BTS), Jimin, Taehyung, Taemin, Vmin
Visualizações 29
Palavras 1.056
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, LGBT, Luta, Suspense, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Capitulo único


Fanfic / Fanfiction I will find you - Vmin - Capítulo 1 - Capitulo único

03.12.2019 - Coréia do Sul



P.O.V Kim Taehyung 



-Poxa Chim, você prometeu me esperar e não ir embora assim…tão rápido e sem mim.-Fecho meus olhos deixando as lembranças consumir minha memória


Flashbacks


1° Beijo 


-Taetae, como será que é beijar? - Diz Jimin encarando o Kim que estava ao seu lado o encarando atentamente.


-Eu não sei chim, mas deve ser algo legal, né? Mamãe sempre fala que o primeiro beijinho deve ser com uma pessoa que gostamos - O Kim fala de modo esperançoso.


-Então o Chimchim pode dá beijinho no TaeTae?- Jimin fala de um modo bem alegre esperando a resposta de seu melhor amigo.


-Você q-quer me beijar?- Taehyung fala ansioso.


-Sim..você não? - Jimin fala com um bico em seus lábios.


-ah, claro que eu quero- Tae se aproxima mais do menor e segura a mão rechonchudinha do mais velho.


-Tá bom - Jimin diz com uma voz risonha e fecha seus olhinhos esperando o Kim.


Tae se aproxima mais de Jimin e junta seus lábios com os do Park, era o primeiro beijo de ambos, ele sentiu seu corpo estremecer, seu coração acelerar e cada pelinho de seu corpo arrepiar. E essas sensações não foram sentidas apenas por ele o Park também sentiu cada uma dessas sensações. E foi ali que eles souberam que tinham encontrado seu grande amor.


1° Briga 


-Jimin, você não pode simplesmente sair assim e me deixar sozinho. - Fala o Kim praticamente correndo atrás do Menor, e ao alcança-lo o puxa pelo braço.


-Você não prefere ficar com esses seus novos amiguinhos? Então vai lá com eles e me esquece. Eu não vou ficar no mesmo ambiente que esses homofóbicos ridículos e te ver querendo entrar na onda deles, para não perder a sua fama nessa escola. - Jimin fala já com lágrimas nos olhos, ele olha para o céu para tentar controlar a vontade de chorar, ele se negava a chorar naquele local.


-Jimin…não fica assim, me desculpa, eu não queria agir dessa forma, eu só quero ficar com você. Por favor me perdoa - Tae se aproxima do menor e contorna o corpo do mesmo em seus braços em um abraço apertado, deixando beijinhos sobre a cabeleira do mais baixo. - Eu não vou mais andar com eles, eu quero apenas você.


-Eu só queria meu namorado de volta…-Jimin fala baixinho e limpa as lágrimas.


1° Noite 


E mais uma vez Kim e Park decidiram experimentar as sensações de prazer juntos. Eles estavam simplesmente amando cada sensações que estavam descobrindo sobre seus corpos. E foi ali naquela noite, no dia do aniversário do Taehyung de 19 anos que eles resolveram dá mais um Passo na relação.


Jimin tinha planejado tudinho, porque ele queria que aquela noite fosse a mais especial para os dois. Junto de seu melhor amigo e irmão de Taehyung, Kim Namjoon, ele conseguiu organizar tudo, de decorações a lugar para ficarem.


-Está tão lindo.- Jimin fala orgulhoso de si mesmo ao observar o local com orgulho, ele se ajoelha no chão para começar a acender as velas que faziam uma trilha até a cama improvisada que ele tinha feito com seus lençóis.


-Está mesmo, Chim, espero que vocês se divirtam e usem camisinha, a pomada já está separada, ali em cima da mesinha - Namjoon fala com um sorriso malicioso e termina de formar a frase “parabéns TaeTae” com pétalas que o menor tinha planejado.


-Aish, saí daqui Nam - Jimin fala sentindo as bochechas queimarem de vergonha e se levanta para empurrar o Kim mais velho para fora do quarto.


Mais tarde Jimin já estava pronto sentado na cama, esperando o Taetae chegar e não tardou muito.


-Jiminie o Nam falou qu..- Ele deixa a frase morrer ao ver toda aquela produção no quarto e encaro o menor ali dentro.- Uoh!


-Você gostou? - Jimin se levanta apreensivo e mordo seu lábio inferior esperando a resposta do aniversariante.


-Eu amei - Ele tranca a porta atrás de si para evitar futuras interrupções, e se aproxima de Jimin juntando seus corpos e acabando com aquela distância entre os dois, colando suas bocas em um beijo rápido e intenso.


E foi ali no quarto do Taehyung, na fazenda de seus avós que ocorreu a primeira e talvez última noite deles juntos.

 

Fim dos flashbacks


Eu me apaixonei pelo Jimin quando éramos apenas duas crianças, mas não sabia que aquilo que eu sentia era realmente amor, meu irmão, Namjoon, foi o único familiar que nos apoiou. Eu morava com meus avós, infelizmente eles tem pensamentos ruins sobre o relacionamento homossexual….e os pais do chim? Ah eles são bastante religiosos e simplesmente piraram quando acabaram descobrindo sobre nosso relacionamento escondido...eles conseguiram separar o Jimin de mim durante um ano e três longos meses. O Jimin conseguiu fugir quando sua mãe morreu, mas ele já não era mais o mesmo, ele já tinha sofrido muito nas mãos de seu pai e eu? Bom eu só queria o meu pequenino de volta. Era difícil arrancar algum sorriso dele ultimamente, mas quando eu conseguia, a sua risada era o som mais lindo que eu escutava, seus dentinhos tortos eram as coisas mais fofas que eu já tinha visto na minha vida inteirinha. 

Mas isso não foi suficiente, a voz dele falando o último Eu te amo, ainda é presente em minha mente. Mas eu não pude falar de volta porque a ligação caiu e quando ela foi retornada, eu acabei recebendo a pior notícia da minha vida, meu primeiro e único amor tinha sido encontrado sem vida naquela maldita banheira.


-Sei que nunca mais vou te ver em vida, mas para sempre vou te ter em meu coração e sei que vamos nos encontrar. Não esqueci da sua promessa para nós casamos na praia em! - Me levanto ao colocar a rosa branca, que era a preferida dele sobre aquele túmulo maldito. E vou andando sem rumo na vida, até encontrar um local que eu estava olhando a bastante tempo e sem pensar duas vezes subo alí. - eu vou te encontrar Park Jimin, eu prometo - Sem pensar muito pulo dali, deixando a escuridão me consumir.



-Eu te achei - sorrio ao ver o Jimin se aproximando, ele apenas sorriu de lado e segurou minha mão me puxando com ele.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...