1. Spirit Fanfics >
  2. Just Friends >
  3. Procurando pistas

História Just Friends - Capítulo 19


Escrita por:


Notas do Autor


Não tenho muito o que falar aqui,só vamos logo ao capítulo pq eu to ansiosaaaa hehe!

Boa leitura <3

Capítulo 19 - Procurando pistas


Passaram-se algumas semanas e o plano da pequena Chermie era elaborado,de início eles iriam apenas procurar pistas,pois como não tinham a supervisão de um adulto aqueles três teriam que se virar sozinhos.

 

~Sábado,14h...

 

Os três agora se encontravam naquele mesmo parque onde Chermie havia encontrado o senhor misterioso que julgava ser Lúcio...a pequena teve que implorar muito para os seus pais deixarem ela sair sozinha,infelizmente algumas mentiras vindas da garotinha foram contadas para que deixassem a pequena ir,realmente ela estava disposta a tudo para provar que aquele senhor misterioso era de fato Lúcio.

_Chermie,só você pra me fazer vim aqui uma hora dessas. Agora eu poderia estar dormindo,mas estou arriscando a minha vida! .Falava Mark enquanto tentava prender os seus longos cabelos embaixo do chapéu que usava,mas não teve muito sucesso então apenas deixou eles soltos.

_Para de preguiça Mark,só vamos atrás dessas pistas logo .Se pronunciou o ruivo que olhava o amigo sem paciência,ele não ia admitir,mas também estava assustado com a ideia da garota.

_Eu agradeço Mark é muito comovente,mas temos que procurar logo! Eu tenho medo que nós não encontremos nada nessa investigação...O parque foi o único lugar que eu pensei,vai que por uma sorte a gente encontre alguma peça de roupa dele? Pois suas roupas honestamente estavam caindo aos pedaços! Podemos ter essa sorte! Mas preciso de vocês .Dizia animada a garotinha,deixando aqueles dois surpresos,mesmo arriscando a vida a pequena estava disposta a tudo para encontrar Lúcio novamente.

_Você gosta mesmo dele não é? .Perguntou Mark para a pequena,o que a fez ficar envergonhada,bochechas vermelhas eram facilmente visíveis e percebendo isso,o garotinho apenas continuou a falar. Isso tudo me comove sabia? Pode deixar comigo que eu vou ajudar você com isso até o fim! .Falou Mark sorrindo com sinceridade para a garotinha,que em resposta o abraçou,dessa vez deixando ele com as bochechas avermelhadas e um certo ruivo com leves ciúmes.

_E eu? Eu te apoiei desde o começo! E não me lembro de ter recebido um abraço sequer...Sussurrou a última parte cruzando os braços logo em seguida,a garotinha riu com a atitude do garoto.

_Para de ser dramático Luck,apenas admita que essa você perdeu! .Dizia Mark com um sorriso vitorioso e um olhar debochado para o de óculos,que o encarou bravo.

_Mas do que vocês estão falando? .Perguntava a garotinha tentando conter uma risadinha que estava por vir,rapidamente o nervosismo de ambos os garotos vieram a tona. Foi quando o ruivo que havia sido quem tinha começado aquilo resolveu se pronunciar.

_E-então vamos começar? .Tentava disfarçar seu nervosismo,porém até havia falhado ao tentar encerrar a conversa. A pequena viu que o ruivo ficou desconfortável então apenas acenou fazendo que sim com a cabeça para a sua pergunta.

_Eu pensei assim,podemos nos dividir ao invés de irmos todos juntos,a Chermie vai por ali,o Luck vai por aqui e eu vou ali,vamos ter no mínimo 15 minutos de busca,assim que terminamos voltamos aqui que seria o nosso ponto de encontro e assim ninguém se perde,entenderam? .Falava Mark apontando na direção onde seus amigos deveriam ir,deixando os dois surpresos,era impressionante como ele havia planejado tudo,sendo que no começo ele parecia o mais desinteressado em ajudar a pequena.

_Uou...então está bem .Quem se pronunciou primeiro foi Luck,enquanto a garotinha já se preparava para ir na direção mandada.

_Não precisa ficar tão impressionado amigo,um dia você chegará à minha grandeza .Falou o garotinho se exibindo,como sempre com o seu ego ,fazendo o ruivo revirar os olhos.

Então as três crianças foram em busca das tão prezadas pistas,cada um em uma direção diferente. Como esperado não obtiveram sucesso de imediato,mas por uma causa do destino,a garotinha achou um pedaço de roupa,muito parecido com os trajes do senhor misterioso. Então quando bateu os 15 minutos,os três foram ao local de início marcado para assim reunir as pistas que haviam encontrado.

_O que vocês acharam? Já adiantando,não consegui encontrar nada .Dizia Mark um pouco desapontado,enquanto os outros dois o observavam.

_Eu também não achei nada,fica difícil procurar algo que nem sabemos o que é,sendo que só a Chermie viu ele .Suspirou o ruivo cruzando os braços, demostrando claramente que queria desistir.

_Pois eu achei! Olhem! .Falava a garotinha animada erguendo o pequeno vestígio de roupa que havia encontrado e os garotos olharam rapidamente,mas não entenderam de imediato.

_Um...pano velho? .Quem se pronunciou primeiro foi Luck,enquanto olhava confuso para o objeto que a garota segurava em suas mãos.

_Não! Quer dizer sim! Mas não é um pano qualquer,esse pano fazia parte das roupas que o senhor misterioso usava! .O sorriso em seu rosto não era difícil de notar e os garotos finalmente entenderam.

_Boa!! Você se lembra onde encontrou? .Falou Mark animado enquanto o ruivo os olhava com expectativa.

_Ah...eu meio que...vim correndo pra cá quando achei isso,eu nem prestei atenção por onde andava . Falava a pequena meio sem jeito,fazendo os garotos olharem para ela desacreditados com aquilo.

_Como você esqueceu tão fácil assim?! .Dizia Mark sem um pingo de paciência,fazendo com que a garota se encolhesse pelo tom de voz que usou.

_Não fale assim com ela! Chermie,apenas vamos na mesma direção que você foi,agora os três juntos,assim será mais fácil de encontrarmos mais alguma coisa .Gritou para o amigo que apenas bufou irritado,logo em seguida recebendo um sorriso da pequena.

 

Então as três crianças foram na mesma direção que a pequena havia sido indicada na primeira vez,agora havia ficado mais fácil de encontrar mais alguma coisa e quem sabe encontrar mais alguém...De fato acabaram encontrando,mas até que foi de um jeito engraçado.

 

_Não consigo encontrar nada! Porque só você é a sortuda? .Falou o ruivo segurando em seus cabelos cacheados como se estivesse prestes a enlouquecer,e realmente ele estava.

_Calma! Só precisamos procurar mais um pouco! .Insistia a garota tentando convencer Luck com a sua determinação,porém não estava dando muito certo.

_Gente já chega,Chermie foi muito bom ficar aqui com você perdendo tempo nessa investigação,  mas só quero te lembrar que não somos detetives! Isso que você encontrou pode ser muito bem uma armadilha desse senhor ai que você jura que é aquele cara! Eu vou te dar uma dica,apenas esqueça que ele existe. Eu tenho certeza que ele vai aparecer a qualquer momento e vai nos sequestrar e isso vai ser culpa sua! .Aquilo tinha sido um pouco malvado de mais,Mark não sabia como tratar uma menina,nem pensou no quanto a garotinha havia se dedicado tanto para encontrar nem que fosse uma pista sequer,apenas para reencontrar Lúcio novamente.

_Você ficou louco?! Não sabe o quanto é importante isso para ela? .Tentava defender a pequena que havia ficado muda com o que o garoto arrogante havia dito.

_Eu apenas fui realista,estamos passando um sério risco aqui e só eu pareço perceber! .Falou Mark cruzando os braços,fazendo o ruivo só se irritar ainda mais com suas atitudes.

_Então você só tratou a Chermie mal por causa do seu medo idiota?! .Se aproximava do amigo,elevando seu tom de voz,surpreendendo o garoto debochado.

_E-eu não estou com medo! E eu não fiz por mal! Eu só quis dar um fim nisso! E todos sabemos que daqui você é o mais bebê chorão! .Tentava esconder do amigo o seu real motivo de desconforto,os dois esqueciam por um momento da existência da garotinha.

_Claro que não está! Apenas admite logo! E...não ouse em falar daquilo na frente dela! .Tentava se recompôr o ruivo de tanto ter gritado e também do amigo ter alfinetado o mesmo ao chamá-lo de bebê chorão.

_O que foi? Está escondendo alguma coisa? O que acontece se eu falar na frente dela que você... Para a sorte ou não de Luck,o amigo foi interrompido por um grito vindo da garota.

_CHEGA VOCÊS DOIS! CALEM A BOCA! .Gritava a pequena sendo finalmente notada por aqueles dois,seus olhos estavam cheios de lágrimas,porém dessa vez ela segurava para elas não caírem.

_Muito bonito viu? Parabéns .Falou o ruivo falando em seu tom normal de voz novamente,culpando o de cabelos compridos pela garota estar chorando.

_Eu? Mas o que eu fiz?! .Perguntava confuso e assustado,não gostava de ver ninguém chorando,ainda mais se a pessoa que estiver naquele estado for uma garota.

_Você não aprendeu ainda que palavras machucam? .E após dizer isso,Luck deixou o amigo  pensativo e rapidamente foi tentar acalmar a garotinha,mas foram surpreendidos por um certo alguém...

 

????

_Não ousem se aproximar dela .Assim que o ruivo ouviu a voz misteriosa,se afastou da garotinha em um pulo,Mark que estava perdido em pensamentos assim que ouviu a voz começou a tremer dos pés a cabeça. A garotinha então,estava tão distraída que nem percebeu o homem se aproximando dela.

_D-d-deixe ela em p-paz! .Falou Mark com a sua voz trêmula,Luck olhava a cena sem saber o que fazer ou o que pensar.

O homem apenas ignorou os garotos e se agachou atrás da garota,logo pousando sua mão na cabeça dela,fazendo finalmente a garotinha o notar ali. Sua aparência era indecifrável,pois o homem vestia algo que lhe cobria dos pés a cabeça,só a sua boca que era visível.

_Hm? Você de novo? .Perguntou a garota assim que se virou para ele,o maior apenas iniciou um carinho em seus cabelos enquanto garotos olhavam atentamente.

_Não se preocupe,vai ficar tudo bem .Dizia o homem enquanto fazia carinho nos cabelos da garotinha,os garotos só imaginavam uma coisa "Ele vai sequestrar ela e depois vai nos matar por sermos testemunhas!" era o que parecia mesmo...mas as aparências enganam.

 _Já c-chega! Você não vai sequestrar a nossa amiga! .Luck tentava mostrar coragem diante da situação,mas sua voz o denunciava,o homem olhou atentamente para os dois garotos,era assustador não poder olhar os olhos dele. O homem então deixou a garotinha para trás e começou a se aproximar dos dois garotos,que tremiam ainda mais.

_Se vocês dois fossem amigos dela não teriam a feito chorar...principalmente você .Ficou na frente de Mark,que não soube como reagir,apenas deu dois passos para trás,quando Luck ia tentar ajudar o amigo,o homem agiu,segurando o garoto de cabelos compridos pela camisa,suspendendo ele até a altura do seu rosto. Você a fez chorar com suas palavras cruéis,merece ser punido... Disse apenas,porém quando ia fazer alguma coisa,a pequena se pronunciou.

_Espera! Não machuque ele! .Falou a garotinha indo na direção do maior,segurando em sua roupa,interrompendo o mesmo de fazer algo contra o garoto.

_Hm? Por que está defendendo ele? .Falava o maior com sua voz grave,Luck olhava assutado para ele,enquanto a garotinha segurava mais forte nas roupas do senhor.

_Eu sei que ele me machucou,mas ainda sim ele é o meu amigo ainda! E amigos perdoam um ao outro! De qualquer jeito ele só estava tentando me ajudar .Dizia a garotinha soltando o maior,agora se encolhendo um pouco,fazendo os garotos a olharem impressionados.

_Como assim te ajudar? .Soltando Mark no chão,o maior se aproximou da garotinha novamente,se agachando para ficar na sua altura.

_Estávamos aqui procurando o senhor...eu perdi alguém que amava muito e já fazem várias semanas,mesmo assim eu nunca parei de acreditar que um dia ele voltaria. Quando encontrei o senhor naquele dia,achei sua voz bastante idêntica a dele...achei que ele poderia ser o senhor,mas é apenas imaginação .Dizia a garotinha e de algum jeito,aquilo afetou muito o maior...talvez sua imaginação não fosse tão boba assim. De qualquer jeito desculpa incomodar o senhor com os meus problemas,ah! Acho que isso te pertence .Falou a garotinha entregando o pedaço de roupa que havia encontrado a alguns minutos,ele era idêntico a peça de roupa que o maior usava.

...

 

Sem avisar,o senhor abraçou a garota com força,fazendo a mesma ficar sem ar de tanto aperto,os garotos olhavam confusos apenas observando a cena e reagiram quando fosse preciso. A garotinha assim que o maior a soltou,ficou observando sem entender,até que tocou em sua bochecha através do pano que o homem usava para cobrir o seu rosto. Rapidamente o maior ficou com as bochechas avermelhadas com aquele toque,foi quando delicadamente segurou o braço da garota,o afastando de seu próprio rosto.

 

???

 

~Eu tentei me controlar...quando percebi já tinha o feito...Ver ela falando daquele jeito,talvez eu tivesse me entregado de vez,mas eu precisava tocá-la...céus,os cabelos dela continuam tão macios...abraçar ela é o mesmo que abraçar uma almofada fofinha e...se controla! Eu tenho que me controlar...~

 

_Por que o senhor me abraçou? .Perguntou a garota tentando conter um sorriso,com a sua pergunta todos que ali estavam perceberam que o maior ficou desconfortável.

_E-eu só achei que um abraço poderia a-ajudar .Falava o maior tentando conter o seu nervosismo "Droga! Se controla! Você é mais forte que isso!" pensava o senhor,a essa altura sua identidade já havia sido descoberta.

_Sério? Ou então quem sabe o senhor me abraçou por causa...disso! .E em um ato,a pequena puxou o pano que cobria o seu rosto,revelando alguém conhecido pelos três ali,seus olhos bicolores continuavam os mesmos,seu cabelo havia crescido um pouco,mas ainda era castanho,a única coisa que faltou foi o seu chapéu. Assim que o viu a garota o abraçou em fração de segundos,o maior então apenas retribuiu,seu disfarçe havia sido arruinado.

_Lúcio! .Gritou o ruivo animado,finalmente a garotinha havia o encontrado,mesmo assustado a poucos segundos,ele sabia que a pequena estava muito feliz e aquilo bastava.

Assim que terminou de abraçar a garotinha,o maior foi na direção dos garotos,abraçando o ruivo que ficou até sem reação.

_Luck! Obrigado por cuidar da minha Cherry,sei que você é uma pessoa de bem .Falou Lúcio sorrindo amigável para o de óculos,que sorriu igualmente para ele. Agora você! Você fez a minha Cherry chorar! Eu não vou te perdoar por isso .Se referia a Mark que tentava demostrar raiva,mesmo que estivesse tremendo a minutos atrás.

_Eu só fui realista .Falou Mark arrogante com o maior,que riu do jeito do garoto tentar parecer ameaçador.

_Eu vou te mostrar o realista .Dizia Lúcio já se aproximando de Mark enquanto o mesmo sem perceber dava um passo para trás.

_Meninos! E Lúcio,agora que você voltou podemos ir pra casa? .Falava a pequena,novamente fantasiando as coisas,o maior apenas suspirou e sorriu gentilmente.

_Cherry,preste atenção e tente entender,eu não posso ir para a sua casa,seus pais não querem me ver nem pintado de ouro! .Falava Lúcio lembrando da ameaça que a mãe da garota fez a ele.

_Pois então vamos fugir! Eu só quero ficar com você .Falava a garotinha enchendo os olhos de lágrimas de novo,o maior a abraçou.

_Chermie,eles são seus pais,eu também estava com muita saudades de você,mas não podemos fazer isso .Falou o maior tentando fazer a garota compreender,a mesma sorriu em meio ao abraço,mesmo que Lúcio não podesse ver.

_Deve ter outro jeito...por favor...eu não quero te perder de novo Lúcio Sussurrou naquele abraço, mesmo assim dessa vez o maio ouviu e sorriu,se afastando da garota para assim olhar em seus olhos.

 

_Não importa o que eu tenha que fazer,eu jamais vou te deixar esperando de novo,te amo Cherry .Sussurrou o maior,com o objetivo de apenas a pequena ouvir,e de fato ela ouviu,respondendo ele logo em seguida.

~Também te amo Lúcio ...

 


Notas Finais


Ta ta bem,todo mundo sabia que era o Lúcio ksks
Até o próximo!
Finalmente ein kzkz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...