História Just Love (DahMo) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias TWICE
Personagens Chaeyoung, Dahyun, Jihyo, Jungyeon, Mina, Momo, Nayeon, Personagens Originais, Sana, Tzuyu
Visualizações 115
Palavras 768
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Adoção


Fanfic / Fanfiction Just Love (DahMo) - Capítulo 1 - Adoção

Pov's Kim Dahyun

-não acredito que vocês fizeram isso sem nem ao menos me comunicar sobre. -eu gritava pela décima vez.

-filha, tente entender, pensei que fosse gostar dessa surpresa. -minha omma responde com sua voz calma e serena.

-surpresa? Vocês estão há quantos meses planejando Isso?

-uns 7 ou 8 meses, adoção é algo que demora para ser resolvido, até que todos os papéis e documentos estejam prontos. -meu appa explicava calmo assim como minha omma.

-não entendo pra quê tanto mistério, podiam ter me explicado tudo. -prendo meu cabelo em um coque e pego as chaves do carro em cima da mesinha da sala.

-aonde você vai Kim Dahyun? -meu appa pergunta sério.

Reviro os olhos e abro a porta da sala, saio de casa me direcionando ao meu carro.

-Kim Dahyun volte já aqui. -meu pai se altera autoritário.

Adentro ao automóvel e ligo o mesmo, ignorando totalmente as palavras de meu pai.

-hoje não Kim SeokJin, hoje não... -falo a mim mesma.

Dirijo até a casa de Sana, ao chegar no lugar toco a campainha esperando a mesma atender.

-Dahyun? -questiona me encarando com expressão de surpresa, esqueci de avisar que viria aqui.

Após alguns minutos eu e ela estávamos frente a frente conversando sobre o ocorrido em minha casa.

-não consigo nem imaginar... -ela suspira e segura minha mão.

-eu queria que eles tivessem me contado sobre... -digo e seguro a mão da mesma.

-vai ficar tudo bem... tente entender o lado deles, tio Jin e a tia Jisoo tentaram lhe fazer uma surpresa.

-eu sei, entendo isso, mas ainda sim me sinto traída!

-só tente entender... e fique feliz você ira ganhar uma irmã! -ela dizia animada, como se isso fosse algo bom.

-dane-se, ela não é minha irmã de sangue e nunca vai ser... -cuspo as palavras com pura arrogância e me levanto pegando as chaves.

-já vai?

-preciso passar na casa de Jimin, ele anda estranho ultimamente, precisamos conversar. -digo com um suspiro e abro a porta. -até amanhã Sana...

-até amanhã Tofu! -ela sorri fofa acenando para mim.

Dirijo até a casa de Jimin, o mesmo é meu namorado. Ao chegar no lugar, minha sogra me recebe com um sorriso no rosto.

-pode entrar Dahyun! -adentro ao local e logo Jimin vir ao meu encontro.

-omma, nós vamos lá pra cima... -ele avisa e segura minha mão me levando para o seu quarto.

-então, como você esta? -ele questiona se deitando na cama.

-eu estou péssima, nunca pensei que meus pais estariam planejando uma adoção bem embaixo do meu nariz.

-te entendo... bom, não sei o que fazer para te ajudar... -ele se levanta e me puxa fazendo eu cair ao seu lado. -ou talvez eu saiba.

Ele sorri travesso e começo a beijar meu pescoço calmamente, fazendo seus beijos molhados entrarem em contato com minha pele fria.

-Jimin... hoje não... eu não estou no clima para isso! -afirmo e ele se afasta.

-está bem... -ele se levanta e o seu celular começa a tocar.

Imediamente ele vai atender a ligação e me deixa ali sozinha, faz alguns dias que ele anda assim. Distante de mim, desconfio que algo esteja errado.

Jimin não seria louco de me trair, sei bem o tipo de cafajeste que ele é, mas me trair? Ai já é demais.

Pov's Hirai Momo

Mal podia esperar para que amanhã chegasse logo, já faz nove meses, exatos nove meses que Jisoo e Jin estão tentando me adotar.

Eu gosto muito deles, já os considero meus pais. Eles virão me buscar amanhã, só não me levaram hoje porque queriam preparar a filha deles para a minha chegada.

Fico muito feliz em saber que terei uma família, uma mãe, um pai e uma irmã. Isso é realmente fantástico e maravilhoso.

A minha vida nunca foi muito fácil, desde pequena eu moro aqui e sempre agradeci pelas coisas que tenho. Todos tem o direito de serem felizes e por isso tentei ao máximo ajudar as pessoas ao meu redor.

-Momo? -a diretora Park chama a minha atenção.

-sim? -questiono tirando minha atenção do céu estrelado e olhando a mesma.

-não consegue dormir? -a mesma se aproxima e se senta ao meu lado.

Eu estava na sacada do quarto, eu divido dormitório com Lisa que já deve estar no décimo sono.

-não... -suspiro ansiosa e nervosa. -será que serei bem aceita pela nova família?

-claro que sim, você é uma garota incrível, todos irão te adorar... -ela sorri passando confiança.

-obrigado Diretora... -sorrio.

-agora vamos dormir, amanhã será um longo dia mocinha... -assinto e volto para a minha cama.

Sem muito demora, consigo pegar no sono.


Notas Finais


Hola, Hola Unis, sussa? Espero que gostem desse meu novo projeto, finalmente #DahMo sendo postada!!!
Beijos da White😚😚

🙃🤗🌹I LOVE YOU🌹🙃🤗


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...