História Love Without Borders - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Neighbourhood
Personagens Brandon Fried, Jeremy Freedman, Jesse Rutherford, Mikey Margott, Personagens Originais, Zach Abels
Tags Brandon Fried, Devon Carlson, Jeremy, Jesse Rutherford, Mikey Margott, The Neighbourhood, Zach Abels, Zeeko
Visualizações 11
Palavras 352
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Atualização dupla! Odeio ficar guardando capítulos, rs. Boa leitura!

Capítulo 3 - Hope - Capítulo 3


Eu estava olhando os InstaStories e vi na publicação da Layza, uma garota que eu seguia, que os dias em que as bandas iriam tocar tinham sido divulgados.
Mandei mensagem.

Bia: cara, já queria
Layza: Eu também! Não sei o que eu vou fazer se Lana e The Neighbourhood forem tocar na mesma hora, vou ter que me dividir em duas
Bia: omg, você vai???
Layza: Tô querendo. Tenho que convencer minha mãe e você?
Bia: infelizmente não dá. o ingresso tá muito caro, minha mãe não vai querer comprar, além disso tem passagem e outras coisinhas
Layza: Mas você sabe que tem o Lolla Day, né? Que vale pra um dia de show.
Bia: O QUEEEEE????? COMO ASSIIIIM???? MANDA PRINT DISSO

Ela mandou o print. ESTAVA POR UM POUCO MAIS DE 200 REAIS!!!!
Cara, ganhei meu dia.

Bia: AAAA NÃO ACREDITO! Vou agorinha pedir a minha mãe
Layza: Qualquer coisa, me avisa.


Fui com aquela carinha de cachorro sem dono novamente.

- Mãe... sabe aquela banda que eu gosto muito, muito, muito?
- Hum.
- O ingresso tá por um pouco mais de 200 reais.
- Legal, ainda assim, não vai. Não temos dinheiro.
- Af, mãe!

Voltei para o quarto quase chorando.
Até que me veio a brilhante ideia de pedir para a minha irmã, que mora em São Paulo.
Imediatamente liguei para ela.

- Você sabe que eu te amo, né Pri?
- Diga, Bia.
- Você sabe que eu amo The Neighbourhood, me leva no show?
- Venha que a gente vai! - ela riu.
- Queria muito, mas mãe falou que o ingresso é muito caro.
- Quanto custa?
- Duzentos e pouco.
- Eita! É realmente caro.
- Nem tanto.
- Para uma pessoa, né? Mas como eu também teria de ir, sairia muito caro. Deixa pra próxima Bia, tchau.
- Tchau.

Eu desliguei e as lágrimas brotaram no meu rosto.

Mandei mensagem para Layza.

Bia: não deu. ainda fica muito caro.
Layza: Nossa, que pena! Caso consiga, me avisa.
Bia: beleza.

Sabe quando você tem aquele fiozinho de esperança e ele se vai? Dói muito. 


Notas Finais


Curtinho, né? rs. Desculpem a ausência da capa, não tinha uma legal... enfim, espero que estejam gostando!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...