1. Spirit Fanfics >
  2. Meu Diário Otário >
  3. Capítulo 18 -- Dia dos Namorados

História Meu Diário Otário - Capítulo 18


Escrita por:


Notas do Autor


Oi
;_;
Amo mto vcs seus lindos
<3

Capítulo 18 - Capítulo 18 -- Dia dos Namorados


Hiro

Eram 17:30, Yuki chegaria aqui umas 18:20. Estava deitado no sofá, vendo um filme qualquer, até alguém bater na porta. Fui lá e abri, eram Lally, Emi, Nara e Haru, com uma menininha de uns 10 anos de idade. 

-Bonsoir, Hiro (N/A: Eu não vou precisar traduzir isso ,né?). -- Lally disse.

-Oi maninho, lembra da Kimmy? -- Haru pegou a menininha no colo, a pequenina acenou para mim e eu acenei de volta.

-Mais ou menos, não lembro muito dela, mas enfim, o que precisam?

-Queríamos que você conhecesse ela, ela vai ter que ir no encontro conosco e... -- Haru pausou sua fala e me analisou de cima a baixo. -Por que você ainda não tá pronto?! Nós temos que ir lá até as 18:40! 

-Eu sei! Eu tenho que esperar o Yuki chegar! 

-Vai se arrumar! -- Haru me empurrou para dentro do apartamento e as outras entraram. Eu, Haru e Kimmy fomos para o closet, para elas me ajudarem a escolher uma roupa. Kimmy optou por um shorts azul-escuro, meias que chegavam até metade da minha coxa e uma camiseta preta, e Haru concordou com a ideia. Elas pegaram um shorts meu com uma estampa no bolso de trás, escrito "Press me", era vergonhoso usar ele, mas já que Kimmy escolheu, não poderia dizer não. Depois, elas pegaram uma camiseta preta que quase cobria o shorts, ela tinha uma estampa escrito "I'm Mr Bad Guy " em branco, e atrás havia uma estampa de um óculos e um bigode, era uma das minhas camisetas favoritas. Kimmy pegou um par de meias longas que eram brancas, mas perto das coxas tinham duas listras vermelhas, então finalmente, pegaram um tênis All-Star vermelho e uma coroa de girassóis. Depois de me vestir, fomos para a sala, e Yuki estava conversando com Emi, então Haru chamou a atenção de todos.

-Gente? -- ela disse, todos se viraram para nós e senti meu rosto esquentar violentamente quando Yuki me analisou de cima a baixo.

-Que lindo... -- ele suspirou. Ah, esse coração aqui não aguenta tanta fofura! Senti meu rosto esquentar mais ainda.

-Acho que o Hiro vai desmaiar. -- Lally apontou para mim.

Yuki foi até o closet para trocar de roupa, e eu fui até a cozinha beber água. Haru veio comigo, deixando Kimmy com as garotas.

-Por que você trouxe a Kimmy? Não podia ter deixado ela com a tia Katie? -- Disse, enquanto pegava um copo.

-Hiro, tia Katie morreu há três anos! -- ela sussurrou, dei um pulo surpreso.

-Não sabia, desculpa.

-Tudo bem. 

Yuki saiu do closet, ele estava vestindo uma camiseta branca, uma calça preta e uma blusa azul-escuro amarrada na cintura. 

-É só isso que você sabe vestir, Agakun? -- brincou Emi, Yuki bufou depois do comentário dela.

-Hahaha, como você é engraçadinha, Kato. -- Yuki riu ironicamente, todos no ambiente riram, eu apenas encarava Yuki.

-Então, vamos? -- chamou Haru, saímos do apartamento, descemos do prédio e começamos a andar. O quadrisal e Kimmy andavam na nossa frente, enquanto eu e Yuki andávamos juntos, de mãos dadas.

-Então, como foi hoje? -- tentei puxar assunto.

-Meio estressante, meu chefe planejava liberar todos mais cedo para que pudéssemos comemorar o dia dos namorados com nossos parceiros, mas depois surgiu um problema em um relatório importantíssimo e ninguém foi liberado mais cedo, por isso eu atrasei, pequeno. -- ele me deu um beijo na bochecha, como se quisesse se desculpar. Soltei uma gargalhada leve e olhei para ele.

-Tudo bem. -- acariciei sua mão e o encarei. -Sabe, eu amo esses apelidos bestas que você me dá.

-Eu também amo quando você me chama de "Yukie", ou quando a gente deita no chão da sala e escuta música. São esses momentos bestas que eu mais adoro! -- ele apertou levemente meu nariz, meu coração aquecia toda vez que eu olhava para ele sorrindo, era uma sensação são gostosa e confortável. Paramos de andar e coloquei meus braços em volta de seu pescoço e ele puxou minha cintura para perto dele, depois ele me deu um beijo carinhoso, escutei alguns gritos a nossa volta, não conseguia identificar se eles eram de alegria ou horror, só conseguia prestar atenção no beijo.

-Feliz dia dos namorados... -- ele disse, depois de quebrar o beijo.

-Feliz dia dos namorados... -- disse, antes de selar nossos lábios novamente.


Notas Finais


Tá meio atrasado? Sim
Tá bom? N sei
Espero q esteja bom ;_;
<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...