História Meu Vampiro - Capítulo 21


Escrita por:

Postado
Categorias A Origem dos Guardiões, Como Treinar o seu Dragão, Enrolados, Frozen - Uma Aventura Congelante, Valente
Personagens A Fada dos Dentes, Anna, Astrid, Banguela, Breu, Coelhão, Elsa, Flynn Rider, Gothel, Hans, Jack Frost, Kristoff, Mérida, Norte, Olaf, Personagens Originais, Rainha Elinor, Rapunzel, Rei Fergus, Sandman "Sandy", Soluço, Stoico, Valhallarama
Tags Dagylfe, Jelsa, Vampiros
Visualizações 31
Palavras 1.620
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente!Breu vai aprontar mais uma para Elsa e seus amigos!
Boa leitura!

Capítulo 21 - Julgamento


Fanfic / Fanfiction Meu Vampiro - Capítulo 21 - Julgamento

Cinco meses depois...

Pov's Elsa

Eu estava no quarto da Punzi,com ela(que experimentava o vestido de noiva) e o resto das mulheres da casa.

-Você está linda,Rapunzel!Não vejo a hora de me casar também!-esbravejou Anna contente

-Isso vai demorar um pouquinho mana-comentei rindo

Emma pulou no meu colo.

-Elsa,eu quero que você se case logo com o meu irmão para ter lindos bebês!-confessou ela me encarando com um brilho em seu olhar castanho

Arregalei os olhos sentindo meu rosto ferver.

Ergui meu olhar vendo Seeylfe e Anna segurarem a risada.

-Ah minha filha,você está tão linda,Flynn é um homem de sorte-disse Esther

-Ou de azar-riu Merida recebendo um soco fraco de Punzi no braço

-Mas que reunião mais linda,só faltava a Vitória e a Talissa aqui presentes-um calafrio percorreu pelo a minha espinha quando reconheci a voz

Me levantei erguendo o olhar pra cima e acabei por soltar um som de espanto quando vi que era Breu de cabeça pra baixo no teto.

-Emma e Anna,pra trás de mim-ordenei às duas que obedeceram

Breu desceu até o chão.

-Que isso?Não sentiram a minha falta?-perguntou com a voz inocente

Tia Valka avançou nele com uma estaca na mão,mas ele a jogou com força de uma forma que fez ela bater a cabeça na parede e desmaiar.

-Mãe!-exclamou Seeylfe desesperada

Fechei o punho.

-Vá embora Breu!-pedi irritada

-Isso é jeito de falar com o seu pai?-questionou mostrando as presas

Velozmente,ele me ergueu pelo o pescoço fazendo Anna gritar.

Senti minha garganta doer,mas eu conseguia pelo menos falar.

Pov's Jack

-JACK!SOCORRO!-pulei assustado quando ouvi o grito de Elsa do andar de cima

Pov's Elsa

Jack arrombou a porta.

-Breu!?!Larga ela!-exclamou empurrando ele com força

Caí no chão com a respiração ofegante.

Jack me puxou me ajudando a levantar e então ergueu meu rosto fazendo encará-lo.

-Você está bem?-perguntou preocupado

Balancei a cabeça em confirmação.

O resto dos homens chegou no quarto.

-Breu-Stoico e Dag rosnaram

-Flynn,saí daqui!A Punzi tá com o vestido de noiva!-ordenou Anna num tom incrédulo

Fala sério!Não era hora de falar isso!

Breu se levantou e nos encarou.

-Eu não vim aqui pra brigar-declarou num tom calmo-Só vim pra avisar que Jack,Elsa,Dag e Seeylfe tem que ir ao castelo amanhã para o julgamento

Jack e Seeylfe arregalaram os olhos.

-Julgamento?-perguntaram bem nervosos

-Julgamento?-perguntei confusa

-Elsa,como princesa dos vampiros,deve saber que existe leis e crimes no mundo dos vampiros-explicou Breu-E você,seu primo,Jack e Seeylfe cometeram alguns e terão que aparecer no julgamento amanhã

-Crimes?Que crimes?-perguntou Dag incrédulo

-Pra começar,você matou o Dagur e para matar um vampiro precisa de uma ordem minha ou da princesa,apesar dele ser um traidor,é lei,até mesmo para um humano.Sem falar em um monte de vampiros que você e Elsa mataram durante esses três anos-declarou-Seeylfe se envolveu com um humano,o que é totalmente proibido e Jack matou Hans e me agrediu,acho que o de Jack é mais grave

Arregalei os olhos.

-Apareçam no castelo amanhã e sugiro que cada um leve seu irmão ou irmã,se não...bom,terão o mesmo destino que Talissa teve ao me trair-riu ele

Franzi a testa irritada.

Ele se transformou em vários morcegos e saiu pela a janela.

Abaixei o olhar.

-Nós vamos ter que voltar naquele castelo?Nem morta!-exclamou Anna indignada

-Ele vai matar a gente,Elsa?-perguntou Emma assustada

Me virei a encarando.

-É claro que não querida-declarei

Nem eu tinha certeza da minha resposta.

(...)

Na noite seguinte...

Eu estava na frente do espelho encarando meu reflexo.

Minhas mãos suavam e meu coração disparava.

"Sempre a boa menina deve ser".Era a frase que minha mãe falava pra mim quando eu era pequena.

Quando ela e papai morreram,eu havia feito uma promessa de matar o rei dos vampiros e proteger Anna.E hoje?Eu descubro que sou metade vampira,estou namorando um vampiro que mudou a minha vida,descobri que sou filha do cara que odiei minha vida inteira e agora ele quer Anna com uma forma de eu pagar pelos os meus erros.Como posso chamar esse monstro de pai?

Me virei quando Jack abriu a porta.

-Tá pronta?-perguntou

Suspirei assentindo.

(...)

Entramos no castelo vendo vários vampiros ao redor.

Eu,Jack,Seeylfe e Dag ficamos alertas.Qualquer passo em falso e os vampiros poderiam querer avançar em Anna,Punzi,Emma,Soluço e Astrid.

Quando começamos a andar,os vampiros foram se curvando em reverência.

-Porque estão se curvando pra gente?-perguntei pra Jack

-Pra gente não,pra você-respondeu ele

O encarei de olhos arregalados.

-Pra mim?-questionei

-Sim,todos já sabem que você é a princesa dos vampiros-explicou

Uma coisa que eu nunca quis ser...

Nos aproximamos de Breu.

-Estamos aqui,para definir a pena de Seeylfe Spantosicus Strondus III,Dag Marie Hofferson,Jackson Marie Frost e Elsa Marie Black-começou ele

-Snow-corrigi

Ele me lançou um olhar de mágoa e após isso,suspirou.

-Começaremos com Elsa,princesa dos vampiros e minha filha-pediu ele-Elsa,você matou centenas de sua espécie desde dos 18 anos de idade como caçadora de vampiras.Além de trair sua espécie,não teve autorização.Tem alguma coisa à dizer em sua defesa?

Cruzei os braços indiferente.

-Sim,eu virei caçadora de vampiros porque eu queria me vingar daquele que matou minha mãe,por isso matei um monte de vampiros até chegar a ele.Depois eu fui descobrir que ele não era só chefe dos caçadores,mas sim o rei dos vampiros e meu pai biológico-expliquei-Os vampiros que eu matei,foi às suas ordens,então praticamente eu tive a sua autorização

Os vampiros murmuravam entre si.

-Praticamente,mas você rejeitou quando eu tentei te transformar por completo,rejeitou uma ordem do rei dos vampiros-declarou

Arregalei os olhos.

-A sua punição será assistir o sofrimento de sua meia-irmã.Tragam Anna Snow aqui!-ordenou ele

Dois vampiros se aproximaram e agarraram Anna pelos os braços.

-NÃO!-berrei tentando impedir,mas Jack me segurou

Os olhos dourados de Breu encararam Anna que se tremia de medo.

De repente,minha irmã começou a gritar com os olhos fechados.

Fechei os olhos não querendo ver.

Quando os gritos pararam,abri meus olhos vendo largarem Anna que caiu no chão.

Me abaixei a sua frente segurando seu rosto do qual tinha várias lágrimas escorrendo.

-Minha cabeça parecia que ia explodir...-confessou com a voz trêmula

-Já passou,passou-afirmei abraçando ela-Me desculpa Anna...

-Seeylfe,além de me enfrentar,transformou Merida Dunbrooch e Julianne Crystal sem permissão de um membro da família real,e tem um relacionamento com um humano-declarou Breu-O que tem a dizer em sua defesa?

-Eu enfrentei você sim Black e não me arrependo-afirmou Seeylfe num tom ameaçador-Eu transformei Merida e Julianne porque eu tinha autoridade pra isso já que eu fui a princesa dos vampiros.

-Não era a legítima princesa dos vampiros e sim Elsa.Nunca deve desafiar o seu rei e nunca deveria ter se envolvido com um humano-rosnou Breu-A sua pena será ver eu arrancando o pé do seu irmão

Arregalei os olhos chocada.

Os vampiros seguraram todos nós de novo e dois arrastaram Soluço até Breu.

-NÃO!SOLUÇO!-berrou Astrid desesperada

-NÃO!BREU POR FAVOR!FAÇA O QUE QUISER COMIGO!DEIXA ELE!-pediu Seeylfe com as lágrimas de sangue nos olhos

Breu pegou Soluço e mostrou suas presas.

Jack se soltou e abraçou Emma que escondeu o rosto em seu ombro.

Fechei os olhos virando o rosto.

Um soluço escapou da minha garganta quando ouvi o irmão de Seeylfe soltar um grito.

Abri meus olhos vendo Soluço sem parte da sua perna esquerda e um monte de sangue no chão.

Seeylfe se soltou e correu até o irmão.

Pov's Seeylfe

Levantei o rosto de Soluço.

-Não-solucei-Soluço,me perdoa-pedi enquanto mais lágrimas desciam pelo o meu rosto

-Não foi sua culpa-murmurou com a voz fraca

Encarei sua perna.

Soltei minhas presas e rasguei um pedaço do meu pulso e botei na boca de Soluço que bebeu meu sangue.

Segundos depois,a ferida foi fechada,mas ele ficou sem a perna.

Astrid correu até mim e me ajudou a levantá-lo.

Pov's Elsa

-Agora você Dag,como namorado de uma vampira,agora você faz parte deste nosso mundo.Todos os vampiros que você matou foi com minha permissão,exceto Heather Caitlyn e Dagur Skrill-declarou Breu-Sua pena é ver sua irmã ter uma lembrança dolorosa:A morte dos seus pais

Astrid ficou com os olhos dourados quando Breu a encarou.

-Desgraçado-rosnei

As lágrimas escorreram pelo o rosto da minha prima.

-Acho que a dor dela é pior do que a minha foi-comentou Anna em voz baixa

-Também acho-afirmei

Os olhos de Astrid voltaram a ser azuis.

Dag correu até a irmã abraçando-a.

-Jack,você matou Hans Silvys por causa de uma humana,mas será perdoado por isso pois essa humana é metade vampira e é minha filha-confessou Breu-Mas o crime que cometeu é pior do que o de Elsa,Dag e Seeylfe

Ajudei Anna a levantar enquanto encarava meu pai.

-Você sabe que para namorar a princesa dos vampiros tem que pedir permissão para o rei ou para a rainha-explicou ele-E você não pediu,o que é o maior crime de todos

Arregalei os olhos.

-A sua pena será provavelmente a estaca no coração-comentou

Me meti na frente de Jack.

-Vai ter que matar primeiro-declarei mostrando as presas

Breu parecia se impressionar,acho que nunca me viu usando minhas habilidades que herdei dele.

-Provavelmente eu disse,mas ele receberá apenas duas penas-avisou

Suspirei aliviada.

-A primeira será ele ver a irmã Rapunzel dar o sangue dela para Toothiana que está grávida-riu Breu

Toothiana se aproximou velozmente e mordeu o pescoço de Rapunzel que gritou.

Jack tentou avançar,mas segurei seu braço.

Punzi caiu no chão quando Tooth a soltou com a boca suja de sangue.

-A sua segunda pena é...-Breu me encarou antes de declarar-Tragam Emma Frost aqui.

Tooth arrastou Emma até Breu.

-O que você vai fazer?-questionei assustada

Breu mordeu o pulso de Emma que soltou um grito.

-NÃO!-berramos

Ele soltou o pulso de Emma que caiu no chão gritando de dor.

-Logo terão mais uma vampira na família,considere mais como um presente-sorriu Breu

Meu sangue ferveu.

-Desgraçado!-exclamou Jack irritado

-SEU MONSTRO!ABERRAÇÃO!DEMÔNIO!EU ODEIO VOCÊ!-berrei furiosa

-Segurem eles,a transformação tem que se completar-ordenou Breu

Senti segurarem pelos os braços.

Fechei os olhos enquanto eu ouvia os gritos de Emma. 


Notas Finais


Até!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...