História Meus Dias - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Meus Dias, Nayssa Vic
Visualizações 25
Palavras 830
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Crossover, Drabble, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, FemmeSlash, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Orange, Poesias, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Do inicio já peso desculpa por este capitulo.

Capítulo 15 - Um mês antes da decepção


Enquanto estava dormindo meu sonho me levou a um mês antes de eu ir ao Acre ... 

UM MÊS ANTES ...  

 

Lá estava eu discutindo com minha mãe sobre meu caso de amor bobo 

Mamis_Mas Toria ele não e o cara certo pra vc, e vc sabe disso, vc e inteligente e ate seu melhor amigo ja te disse, ja disse pra tu que ele não era o cara 

Eu_Ai mãe ta bom, não quero ouvir sermão hoje - Mesmo sabendo hoje em dia que ela estava certa - Então mãe a blusa  azul ou o preto  

Mamis_Se vai por o salto cinza, com total certeza o azul, e tambem o azul vai destacar seu lindos cabelos negros 

Eu_Ai ai em mãe só vc mesmo em, mãe eu amo vc e não queria te desobedecer mais eu amo ele, me desculpe por amar ele 

Mamis_Se sabe qui sou contra porque não me esculta , filha a mãe so fala isso pro seu bem, vc e linda e não merece um homem vivido com uma filha, ele e velho pra vc, vc ainda e minha menininha 

Eu_Mae eu amo vc mais eu preciso quebrar a cara pra mim tomar vergonha nela ne 

Mamis_Menina vc puxou um pouco do seu pai, mas eu não gosto que vc se aventure a mae ama vc

Eu_Mae eu sei, tbm amo a senhora

Mamis_Senhora meu *Pau*, anda pega a blusinha cinza 

Eu_A mãe olha a musica que ele me mandou que linda - Fui liguei o som - Mae a musica e do Matheus Alvez, Te Trouxe Esta Canção 

*Então vem que eu quero amar você
Sem ter os pés no chão
Dona do meu sorriso
Te trouxe essa canção
Contigo quero me perder
Num sonho em que te guardei
Meu mundo ficou mais bonito
Desde que te encontrei
Tapete, mãos e pés
Noite, chuva, sorriso
Você é o resumo de tudo que eu preciso * 

Mamis_Bunita a letra da musica, mas filha ele vai te  magoar ele ta te enganando acredite 

Eu_A mae ta bom to saindo ta, te amo ta - Dei um bejinho na testa dela e olhei pra ela, ela me olhava preocupada - Mae não se preocupa, a bença mãe 

Mamis_Deus te abençoe e te guarde minha menininha 

Desci me olhei no espelho me vi de calça jeans rasgada e a blusa azul com um salto, fui ate a cozinha e o capacete da moto tava la peguei a chave da minha mera moto, minha moto e uma Yamaha YZF-R1 de cor preta, de vez deu levar a blusa cinza peguei minha jaqueta de motoqueira, então fui ate a garage peguei minha mochilinha abri e peguei minha bota sem salta ( que no caso esta e a bota que eu uso pra dirigir ) pus o salto na bolsa e a mochila nas costas, subi na moto e apertei o botão pra garagem abri, enquanto abria coloquei o capacete, quando a garagem abriu sai rapidinho e empinei a moto só pra me dar um pouco de emoção, o vento batia forte em meu rosto o restaurante não era longe e com minha moto tambem eu chegaria ate que rapido, dei seta para entrar no estacionamento do restaurante  e quando entrei o moço que fica na portaria ficou me olhando meio estranho 

Eu_Moço ta tudo bem ? 

Moço estranho_ T-ta a senhor-ra 

Eu_Moço respira, então onde posso encostar a moto 

Moço estranho_Ali no canto 

Eu_Ta bem, mas ei eu não vo deixar a chaves da minha bb aqui ta 

Moço estranho_Ta bem senhora 

Encostei a moto, tirei o capacete pus encima da moto tirei o salto da bolsa coloquei, arrumei o cabelo peguei um paninho umidecido na bolsa e limpei meu rosto pra tirar a poluiçãofui indo e cheguei a portaria 

Eu_Moço eu poso deixar minha mochila ai ? 

Moço estranho_Senhora dentro do restaurante tem armários 

Eu_E o capacete posso deixar encima da moto ? 

Moço estranho_Isso sim pode 

Dei um sorriso a ele e fui pro restaurante, a recepcionista me olhou e falou

Recepcionista_Senhora gostaria de por suas coisas no armário 

Eu_Sim gostaria onde eu ponho ? e quanto e pra colocar ?

Recepcionista_Para que vc vire nossa melhor cliente e grátis 

Eu_Ue tem certeza ? 

Recepcionista_Tenho sim, por favor não questione 

Eu_Ok não direi mais nada

Tirei a jaqueta de motoqueira, pus na bolsa e coloquei tudo no armário 7, ajeitei a blusa e então disse 

Eu_Então eu estou esperando um moço de olhos verdes, cabelos curtinhos e espetadinhos, um tanto gordinho 

Recepcionista​_Ele ja esta aqui faz uns minutinhos 

Então ela me leva ate a mesa dele, ele muito educado se levanta me da um selinho e diz 

..._Você esta linda amor - eu olho pra ele e sorrio meio timida então ele diz no meu ouvido - Se esta linda com a roupa sem ela deve esta perfeita 

Nem dando tempo que eu respondesse sinto algo

Sinto algo estranho, então abro os olhos sonolenta e me espanto 

 

 


Notas Finais


...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...