História My Dear Bad Boy (Imagine Park Jimin 18) - Capítulo 49


Escrita por:

Postado
Categorias 2NE1, 4Minute, Agust D / Suga, Bangtan Boys (BTS), Blackpink, EXO, G-Dragon, Got7, Jay Park
Personagens Park Jimin (Jimin)
Tags Park Jimin (bts)
Visualizações 212
Palavras 1.301
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Cara vocês são demais 406 favoritos, eu amo vocês demais, parece que foi ontem que tinha apenas 12 favoritos, mas vamos para de enrolação e ir pra fic

Capítulo 49 - Acharia ótimo!


Fanfic / Fanfiction My Dear Bad Boy (Imagine Park Jimin 18) - Capítulo 49 - Acharia ótimo!

__Jimin_on__

JM - Sério amor, não brinca comigo meu coração é fraco! 

S/n - To falando sério Jimin, não de 100% das coisas mais me lembro. 

JM - De que se lembra amor? 

S/n - É, de... 

Ela fechou os olhos com um pouco de força. 

S/n - Bom lembro, de quando nós conhecemos, do nosso primeiro beijo, da nossa primeira vez, do casamento e... 

JM - E? 

Os olhinhos dela transbordaram lágrimas, não vem coisa boa por aí. 

JM - Por que tá chorando princesa? 

S/n - Porque infelizmente me lembro de suas traições. 

Ela abaixou a cabeça triste , abracei-a e levantei seu rosto colando nossas testas. 

JM - Mas você me perdoa certo amor? 

Ela sorriu mas pude ver mágoa  seus olhos e ser um certo sorriso falso. 

S/n - Claro, afinal eu te amo. 

Ela levantou-se e foi para fora do quarto, fui atrás dela e ela estava no banho, bati 3 vezes na porta e tentei abri-lá mas estava trancada. 

JM - S/n posso entrar? 

S/n - Não eu já vou sair. 

Ela saiu e ficou parada me olhando, mas não um olhar apaixonado e sim um olhar triste, um olhar magoado. Meu coração disparou e se quebrou ao ver sangue escorrer de seus pulsos. 

JM - S/N OQUE VOCÊ TAVA FAZENDO, FICOU LOUCA?! 

S/n - Jimin, acalme-se, quero te perguntar algo que sempre passou pela minha cabeça. 

JM - ACALME-SE O CARALHO, SEU BRAÇO TA SANGRANDO, VEM VAMOS PRO HOSPITAL AGORA. 

S/n - CALA A BOCA PARK JIMIN. 

Fiquei calado escutando-a. 

S/n - Jimin , eu sou suficiente pra você? 

JM - Como assim? 

S/n - Eu consigo te satisfazer, você é feliz comigo? 

JM - Amor deixa disso, o melhor orgasmo que já tive foram os com você, e é claro que sou feliz com você, a pessoa mais feliz do mundo. 

S/n - É sério?! 

JM - Lógico eu te amo mais do que amo a mim mesmo, só quero que me prometa que nunca mais fará isso. 

S/n - Fazer oque? 

JM - Se cortar eu poderia ter te perdido. 

S/n - Me cortar, do que você está falando? 

Peguei seu pulso e virei para cima. 

JM - Disso que eu estou falando. 

S/n - A isso, eu não me cortei por querer, quando vim ao banheiro fui lavar meu rosto e não vi um gilette em cima da pia e acabei me cortando. 

JM - Ai que bom, não suportaria te perder. 

S/n - Você não conseguiria me perder nem se quisesse, porque não perdemos oque sempre foi nosso. 

Segurei ela pela cintura colando nossos corpos e dando um beijo de tirar o fôlego de qualquer um. 

Quebra de tempo 

Estávamos deitados assistindo um filme que S/n disse que assistia com sua mãe, "simplesmente acontece" Acho que era esse o nome quando lembrei de uma coisa que a deixaria bem alegre.

JM - S/n oque acha de irmos visitar aquela garotinha que você conheceu no shopping? 

S/n - Sério, seria ótimo vou trocar de roupa e vamos ok? 

Ela subiu, trocou de roupa até rápido e fomos para o carro. 

Ela dirigiu afinal, não sei exatamente o caminho , ela que ligou para a mulher que lhe deu as informações para chegar aqui. 

Chegamos e assim que saímos do carro, ela foi surpreendida com uma garotinha que pelo incrível que pareça parecia comigo. 

S/n - Oi amore tudo bem com você? Ela disse pegando a garotinha no colo. - Eu disse que a tia S/n iria vir te ver. 

Aiko - Tava com saudades de você tia S/n, quem é esse moço bonito com você? 

Aproximei-me delas. 

JM - Oi pequena, você deve ser a Aiko certo? 

Aiko - Aiko Harumi muito prazer. 

JM - Sou Park Jimin, prazer pequena, você é muito educada sabia? 

Aiko - Obrigada Sr. Park. 

S/n - Aiko oque acha de irmos brincar um pouco no parque aqui perto? 

Aiko - Se a tia Lucy deixar eu quero. 

Lucy - Vai querida, mas tome cuidado e S/n, se possível traga a antes de escurecer. 

S/n - Claro, vamos Jimin. 

JM - Pode ir na frente amor, vou resolver umas coisas aqui. 

S/n - Certeza? 

JM - Aham vai se divertir, a Aiko já tá impaciente. 

Ela veio até mim e me deu um selinho e Aiko um abraço. 

S/n e Aiko - Tchau. 

Lucy - Então oque quer tratar comigo Jimin? 

JM - Acho melhor irmos a sua sala. 

Lucy - Claro Siga-me. 

Mini quebra de tempo

Estou me sentindo culpado mas é para o bem de S/n, ela é muito ansiosa e estragaria a surpresa, pra ela e pra a Aiko. 

Lucy - Jimin... 

JM - Sim? 

Lucy - Entendeu bem, não é fácil assim adotar uma criança elas precisam de atenção, cuidado,amor e carinho, sem contar no processo jurídico que demora um tempo, pra ser terminado e você poder realmente ficar com a criança. 

JM - Quanto você quer? 

Lucy - Do que fala? 

JM - Eu te dou uma quantia necessária, para você fazer da sua vida uma vida de princesa, mas eu quero levar a Aiko hoje comigo. 

Lucy - Não é assim que as coisas funcionam senhor Jimin. 

JM - 183.2937 de wons. 

Lucy - Fechado, pode ir a vontade que eu cuido da papelada, e terá o dia em que o conceito tutelar irá a sua casa para saber se Aiko pode ou não abitar na sua casa. 

Levanto me e aperto sua mão 

JM - Foi um prazer negociar com você. 

Lucy - Igualmente, vou fazer as malas de Aiko e o senhor pode ir. 

Ela me entregou a mala da pequena que era muito leve e um urso de pelúcia. 

Fui ao parque que a S/n disse que estaria e a encontrei correndo junto com a Aiko, ambas sorrindo e gritando como duas criancinhas. 

Ah S/n ainda não inventaram palavras para poder expressar o amor que sinto por você e mesmo quando inventarem elas não chegariam aos pés do que sinto por você. 

__Jimin_off__

__S/n_on__

Estava amando passar o dia com a Aiko, conversamos bastante ela é um amor de criança, estávamos brincando de pega-pega, quando vejo Jimin encostado no carro nós observando, algumas outras crianças que estavam no Parque chamaram Aiko para brincar. Fiquei observando a brincar com um sorriso bobo no rosto. 

Jimin veio andando lentamente até mim. 

JM - Você realmente gosta dela né? 

S/n - Sim, queria poder ficar com ela para sempre, cuidar, dar amor e carinho, mas não posso e já está na hora de leva-lá embora. 

JM - Você ficaria feliz se eu te falasse que não precisamos levar ela? 

S/n - Você não ta falando em sequestrar ela não né? 

JM - Claro que não, as vezes você me assusta garota, segura esse papel aqui pra mim que vou pegar a Aiko. 

Ele me entregou um papel e foi atrás de Aiko, mas antes gritou.

JM - Só não lê. 

"Só não lê" Ele sabe que sou curiosa e que se queria que eu não lesse era só não falar nada. Esperei ele se afastar e comecei a ler o documento

" Contrato de adoção

Eu Park Jimin ,sei de minhas responsabilidades e venho por meio desse documento alegar que estou ciente que de hoje em diante a criança/adolescente Aiko Harumi , está sobre total responsabilidade minha e de minha esposa S/n/c.  ( Seu/nome/completo). 


Assinatura da diretora do orfanato : Lucy Vives. 

Assinatura do responsável : Park Jimin. "



JM - Eu disse que não era pra você ler curiosa. Ele veio até mim e secou minhas lágrimas que rolavam como uma cachoeira pelo meu rosto. 

Aiko - Não chora tia S/n.

Ficamos ambos abraçados, até me acalmar um pouco e Jimin perguntar a Aiko. 

JM - Pequena oque acharia de morar com nós dois? 

Aiko - ..... Acharia ótimo


Notas Finais


Ta ai gente sei que falei que ainda teria muito mais dessa fic, mas dessa vez está realmente chegando ao fim, mas não poderia deixar vocês triste, claro que não, então quando essa acabar e eu já tiver começado a do Tae vou fazer a segunda temporada, contando a história mas pelo lado da Aiko, que agora se chamará:
Park Aiko Harumi.

Bjs meus bolinhos de arroz 😘❤❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...