História Lucifer - Mark Tuan - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Personagens Jackson, JB, Jinyoung, Mark
Tags Ahgase, Babygirl, Daddy, Got7, Hentai, Hot, Mark Tuan
Visualizações 245
Palavras 1.545
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Harem, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Depois de tantos problemas estou postando!

Onde tem sangue tem vampiro💋

Capítulo 10 - Doce no começo amargo no final...


Fanfic / Fanfiction Lucifer - Mark Tuan - Capítulo 10 - Doce no começo amargo no final...

《Antes》            
.
.
.
Yug: Oque é isso?
*ele acabou vendo a marca*
Yug: Se considere morto Minhyuk.
*ele desapareceu....*
- Droga Hyuk....
.
.
.
《Agora》
.
.
.
*Tentei abrir a porta, como esperado está trancada*
- Yug...
*Gritei o nome dele, fui ignorada! Me deitei na cama mau percebi mas acabei dormindo*
~ De Manhã
*me levantei vendo o quarto completamente escuro, andei até a cortina porém uma voz me parou*
Hyuk: Não abra, a luz vai me matar...
- Que drama... Espera ele te machucou?
*consegui escutar sua risada, apenas abri a cortina o suficiente para que consiga vê-lo*
- Está machucado...
*ele colocou a mão sobre o machucado no canto da boca*
- Yugyeom quem fez isso?
Hyuk: Você tem um irmão muito ciumento.
- Dizendo assim me faz lembrar de Jinyoung...
Hyuk: E Mark?
- Falar sobre Mark é complicado...
Hyuk: Está falando do anjo que se rebelou contra Deus!
*Ele colocou as mãos no bolso*
- Podemos falar sobre outra coisa?
Hyuk: Claro!
- Seu machucado... está doendo?
*me aproximei dele tocando em sua boca*
Hyuk: Seu doce sangue, eu poderia te morder.
- Não vai me morder.
Hyuk: Como tem tanta certeza?
- Está falando com a irmã de Yugyeom.
*Ele segurou meu pulso levando até sua boca*
Yug: Lee MinHyuk!
Hyuk: Droga, de novo não...
*ele se afastou de mim*
Hyuk: Diga?
Yug: Mesmo sendo meu melhor amigo, minha vontade de te matar ainda permanece se continuar a tocar minha irmã.
Hyuk: Então a mantenha longe de tudo que pode machucar ela, não se esqueça ela está sem o selo.
*Ele saiu do quarto me deixando a sós com Yugyeom*
- Pq fez aquilo com ele?
*me sentei na cama a espera de uma resposta enquanto ele olha os quadros da parede empoeirados*
Yug: Hyuk é um anjo caído, o corpo em que a alma dele está aceita o fato dele ser um vampiro apenas não se regenera rápido.
- Como conseguiu me encontrar?
Yug: Seu doce aroma é forte e doce! Isso me chamou a atenção.
- Meu sangue é tão bom assim?
Yug: Não!
*Ele sorriu*
Yug: Segue doce no final é amargo assim como o meu!
*Ele se aproximou de mim*
Yug: Pode colocar aquela roupa! Te espero ná sala.
*ao ver a roupa em cima da cama e voltar minha atenção ao garoto ele já tinha sumido, apenas entrei no banheiro e deixei a água morna enrrulgar minha pele, ao sair me enrolei na toalha e coloquei a roupa inteiramente preta. Como esperado a porta está aberta segui em direção a luz e as escadas*
- Essa casa é gelada de mas...
???: Claro oque esperava! Está morando com vampiros.
*ele passou por mim mau humorado e com olheiras horríveis*
Hyuk: Não liga pra ele.
*continuei à descer as escadas, até ver Yugyeom encostado no sofá*
Yug: Youngjae é gentil e doce quando não está com sede.
- Então....
Hyuk: Sim ele está com sede agora, ele sabe se controlar.
Yug: Vamos!
- Há... sim, vamos.
*Hyuk sorriu em forma de adeus!*
Yug: Então oque gostaria de fazer?
- Podíamos ir ao parque.
Yug: Como quiser!
*Ele sorriu, Seu doce sorriso*
Yug: Realmente sou um vampiro...
*ele continua reclamando*
Yug: esse sol está me deixando louco.
- Pq não saímos de noite?
Yug: Pela noite você precisa dormir, e eu preciso me alimentar.
- Intendo...
*Apenas observei Yugyeom completamente de preto óculos escuros e uma máscara, junto a tudo isso tamb está com um guarda chuva na mão. Fora a parte em que ele não para de reclamar do sol*
- Podemos parar na sombra.
Yug: Ótimo.
*me sentei no banco e fiquei observando as folhas das árvores serem balançadas pelo pouco vento*
Yug: Seus pensamentos são altos de mais...
- Como?
*Ele se sentou ao meu lado*
Yug: Posso entrar na sua mente! Ver suas memórias...
- Você não está nelas...
Yug: Me desculpe por não ter cuidado de você...
- Não de preoculpe Oppa, fomos separados quando crianças.
*ele ia dizer algo, apenas foi interrompido pelo celular
Yug: Droga... Só um segundo.
*Ele saiu em meio as árvores, me deixando só*
Mark: S/N...
*Essa voz... meu olhar foi em direção a ela*
- Você...
Mark: Precisamos conversar.
- Não, Vc só me machuca... Não temos nada para conversar.
*Ia levantando, até ele segurar meu pulso*
Mark: é minha, sempre vai ser!
*uma vontade enorme de gritar com ele o empurrar porém não fui capaz*
- Sim, sempre vou ser sua.... mas vc consegue ser meu!??
*ele fica calado, olhando em meus olhos*
- Isso mesmo Mark, seu silêncio só confirma oque eu já sabia.
Yug: S/N...
*O doce olhar de Yugyeom desapareceu*
Yug: Atrapalho?
- Pelo contrário, vamos Yugyeom!
*me soltei de Mark e comecei a andar*
Mark: Volta pra mim... Jinyoung JB e eu precisamos de você!
- Você não é nada meu!
Mark: Jinyoung é seu irmão.
- Meu irmão se chama Kim Yugyeom!
Mark: Droga S/N!
*Ele segurou meu pulso o apertando*
- Está me machucando...
*Ele suspirou fundo me soltanto*
Yug: Deixa ela Tuan
Mark: Que se foda! Vá se ferrar sangue suga.
*Ele saiu andando todo irritado*
Yug: Vem, vamos pra casa!
*Ele abriu seu guarda chuva colocou seus óculos e passou seu braço em volta do meu pescoço. Não demorou até chegarmos na casa*
- Esse lugar continua gelado...
Jae: Não se preoculpe, quando a casa perceber que você está aqui ela irá deixar o clima mas agradável.
- A casa?
Yug: É uma casa de vampiros, tudo pode acontecer!
*Ele beijou minha bochecha subindo para os quartos*
Hyuk: Tudo exceto Yug pode mudar.
- Do que você tá falando?
*encarei o garoto sentado na escada*
Hyuk: Você vai descobrir por conta própria.
Jae: Já se alimentou Hyuk?
Hyuk: Eu que devia te perguntar isso!
Jae: Devia disfarçar melhor sua sede pelo sangue dela.
Hyuk: QUE?
*Ele se levantou irritado*
Jae: Você não estava aí antes dela chegar! Veio rápido quando sentiu o cheiro dela.
Hyuk: Não enche.
*Ele começou a subir os degraus*
- Vocês são sempre assim?
Jae: Ainda estamos de bom humor, converse conosco pela manhã e irá se arrepender.
*Ele ia se levantando do sofá*
Jae: Há, mas uma coisa! A casa vai trancar a porta do seu quarto para que ninguém entre.
- Podem se tele - transpostar.
Jae: Podemos! E você não pode sair.
- Yug iria matar vocês.
Jae: Exato! Então eu vou estou saindo, preciso me alimentar se é que me entende.
*Ele sorriu e saiu da casa, me sentei no sofá e suspirei fundo*
Hyuk: Cansada?
- Há, merda!
*Hyuk quase me matou do coração, ele está tranquilamente deitado com a cabeça na minha coxa*
- Você não tem noção do perigo garoto?
Hyuk: O único perigo aqui sou eu! E tenho noção do que sou capaz.
Yug: Se afasta dela.
*Hyuk se arrumou rápido, e Yugyeom nem nos olhou apenas passou reto*
- Onde está indo?
Yug: Resolver alguns assuntos.
*Ele parou*
Yug: Se tocar nela ou ficar de gracinha eu mato você.
Hyuk: Tá!
*Ele Apenas revirou os olhos, Yugyeom desapareceu me deixando aqui com a casa paranormal deles e um vampiro folgado.*
Hyuk: Não precisa ter medo de mim.
- Não tenho.
*Na mesma hora ele me puxou para o seu colo*
- Oque está fazendo?
Hyuk: Disse que não tinha medo!
- Não tenho você que é um tarado, sangue suga.
*Ele Não disse nada, apenas ficou quieto*
- Oque? Vai fazer drama agora?
*perceb o sorrisinho de lado dele*
- Oque está pensando?
Hyuk: Em calar essa sua boca.
- Ouse!
*Hyuk me deitou no sofá segurando meus pulsos a cima da minha cabeça sem poder toca-lo, os olhos dele estão vermelhos... Ele não resistiu e acabou me beijando, a cada beijo ele solta meu pulso, sua mão deslizou até minha camisa e entrou por dentro dela*
- Oque está fazendo?
*Ele começou a chupar meu pescoço*
Hyuk: Nada que você não queira!
*apenas senti ele me morder uma sensação de dor e prazer... O empurrei me levantando no canto da sua boca está escorrendo meu sangue.*
- Você é um idiota!
*comecei a subi pro meu quarto*
Hyuk: Nunca confie em um vampiro meu anjo!
*Coloquei um bandaid tentando cobrir os dois furos feitos pelas presas de Hyuk...*
Yug: Quer que eu mate ele?
*Não me assustei, apenas olhei ele sentado no sofá*
- Não precisa.
Yug: Sabe que faço qualquer coisa por você!
- Você vai acabar machucando alguém assim.
Yug: Não me importo! Não pensaram se estavam ou não me machucando quando te tiraram de mim.
*Yugyeom sofreu ficando longe de mim, nem ao menos eu sabia da existência dele*
Yug: Saiba que eu te amo! E não me importo de machucar alguém p/ te proteger.
*Ele se levantou me puxando pra um abraço*
- Pensei que vampiros não tivessem sentimentos...
Yug: Sou assim apenas com você.
*Ele me levou ate a cama se deitando comigo*
Yug: Queria ter acompanhado sua infância... Assim eu poderia ter cuidado de você...
- Para de se torturar Oppa, Só... aproveita o agora.
*Ele me cobriu e deu um beijo na minha bochecha*
Yug: Durma bem... ninguém mas irá nós separar!



 


Notas Finais


COMENTEM
C O M E N T E M
incentiva a escrever e a continuar.

~♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...