1. Spirit Fanfics >
  2. Namorada de Aluguel - Snamione >
  3. Capítulo 31

História Namorada de Aluguel - Snamione - Capítulo 31


Escrita por:


Capítulo 31 - Capítulo 31


Autora

Uma semana se passou e o moreno não se encontrou com Hermione apenas ia para a empresa e voltava para sua casa, estava muito chateado pelo que tinha descoberto, se seu pai soubesse ia com certeza dizer eu avisei, ainda estava revoltado como pode ser tão cego em se tratado de uma mulher? Quando chegava em casa pegava uma bebida e ficava se servido. Nesses dias ele pensou na castanha nos pouquíssimos momentos que passaram juntos, principalmente no seu sorriso, seus olhos e seus doces lábios como sentia falta de toca-las. Realmente Dumbledore estava certo ele deveria dar uma chance para aquela mulher que parecia ser uma boa moça, talvez não seja tarde demais.

Essa uma semana sem ver Snape, Hermione estava animada era como o que tivesse acontecido na casa dos pais não fosse nada demais uma hora ela teria que fazer e estava seguido apenas o contrato.

Ela saiu todos os dias com Krum e cada vez que o conhecia mais se apaixonava, mas os encontros deles tiveram que ser na cidade vizinha, pois a moça tinha medo que alguém conhecido os visse juntos e novamente fosse relatados para seu suposto namorado.

                              -------------------------------------------------------------

Pela primeira vez Hermione estava indo na casa dele, assim que chegou viu que era um sobrado e apertou a campainha uma mulher atendeu a deixou entrar. Vitor estava com um sorriso nos lábios e a beijou, um beijo cheio de ternura e paixão a mesma correspondeu animada quando o ar foi feito necessário se separarem.

- estava preocupado demorou. Falou colocando uma mecha do cabelo dela atrás da orelha.

- desculpe, estava com meu filho brincando e acabei perdendo a hora

O rapaz como sempre era um cavalheiro com ela, pegou na mão a levando até a cozinha onde desfrutaram do almoço, depois a sobremesa escondidinho de abacaxi. Ele a levou até o quarto, deitaram na cama ficaram abraçados e trocando alguns beijos, Krum tinha colocado um filme de romance para eles assistirem.

Quando o filme finalizou ele respirou fundo, pegando numas das mãos da jovem logo em seguida dado um beijo e olhou dentro daqueles  belos olhos que o hipnotiza.

- Hermione a cada dia que passa me sinto mais apaixonado como se possível mesmo com tão pouco tempo que estamos juntos é como se te conhecesse há anos, mas estou incomodado a quero somente para mim, precisa terminar com seu namorado por mais que você contou que as coisas entre vocês estão frias, não quero a dividir com ninguém

- eu não posso terminar sem ter um motivo você tem que me entender, já falamos sobre esse assunto é complicado, mas lhe garanto que não o amo. Disse segurando o rosto dele nas suas mãos. -  sabe de um segredo meu que pode ir tudo pelo ares é a única coisa que me liga a ele

- compre o silencio  dele ver quanto ele quer, eu irei pagar para você ficar livre dele e tê-la somente para mim

- irei conversar com ele. Comentou animada o beijado.

 - se não resolver eu mesmo irei trocar uma palavrinha com esse cara

Eles novamente se beijaram e desta vez foi esquentando até estarem nus e mais uma vez ela se entregou para ele.

                                    ---------------------------------------------

Mais uma vez Hermione estava dentro do carro com Severo, mas ela não queria estar com ele seus pensamentos estava no seu cavalheiro lembrado dele um sorriso saiu dos seus lábios, mas esses pensamentos foram interrompidos por aquele homem o que fez ela olhar pela janela.

- esse vestido ficou muito bonito em você. Falou dando uma olhada da cabeça aos pés. Ela usava um vestido cinza claro tomara que caia e seu comprimentos ia até os joelhos e os saltos eram pretos

- obrigada

Mas o moreno se incomodou pelo fato que desde que tinha chegado, ela não olhou nenhuma vez para o rosto dele, ele estava tentando mostrar para ela que reparou na vestimenta e a elogiou queria que ela o notasse que ele estava mudando seu jeito com ela e não era desde aquele dia, mas sim desde do aniversário de sua mãe.

Mais uma vez ele tentou.

- gosto dos seus cabelos soltos

Mas parecia que nada surgia efeito, ele estava pensando no que mais poderia falar para ter pelo menos um pouquinho da sua atenção.

-  você está bem ?

- sim

Ela queria tomar coragem para conversar sobre o rompimento do contrato, mas não conseguia queria achar o momento ideal, a moça decidiu começar a conversar.

- não acredito ainda que estamos indo para o casamento de Lupin com a Chang, você deveria ter alertado que aquela mulher não presta, mesmo não o conhecendo direto parece ser um bom homem

- não é problema meu e muito menos seu, só tem pouco meses que conhece a Chang e mesmo assim decidiu casar é um grande idiota

- não acho que esse casamento dará certo

- todo mundo sabe que ela só está casando com ele pelo dinheiro só ele que não percebeu

- a ideia foi dela ?

- claro, apostei com Lucio que não dou seis meses desse casamento, ele acha que vai durar mais de um ano o que eu duvido

Snape estacionou o carro, ele tentou sair mais rápido do que a mulher mais não conseguiu, pois ele queria abrir a porta para ela, ele pegou na mão dela e levou até os lábios o que a assustou e ela soltou das mãos dele.

- o que está fazendo ? Perguntou nervosa.

- estou demostrando afeto pela minha namorada. Disse ofendido.

- qual é o seu problema hoje ? Perguntou desconfiada.

- estou tentando ser educado. Falou aborrecido.

- até demais sendo que é um ogro

- assim machucará meus sentimentos. E no fundo aquela frase era verdade.

- se é sexo que você quer depois do casamento iremos para algum lugar e faremos, está no contrato lembra? Não precisa ficar me agradado. Falou nervosa.

Ela saiu andando na frente dele, ele alcançou ela e entrou na frente impedindo da mesma de continuar. Severo tocou no seu queixo fazendo olhar para ele e disse:

- não quero que nada seja forçado, apenas natural como foi nossa primeira vez

- se depender disso então pode esquecer. Falou com raiva. -  agora se puder sair da minha frente agradeço

O homem de cabelos negros não esperava uma resposta daquela, apenas abaixou a cabeça e se colocou no lado dela, estava falhando em conquista-la parecia que seria tão fácil, ela não tinha nenhuma consideração pelo moreno, ela só estava por causa do contrato aquilo o magoou muito, parecia que tudo o que fazia nada era bom o bastante.

Os noivos alugaram um sitio para se casar a decoração estava feita, um grande tapete vermelho estava no jardim, cadeiras dos dois lados em fileiras, um pequeno altar feito de madeira e dos lados tinhas um vaso com rosas vermelhas, do outro lado uma grande mesa com uma toalha branca,  as comidas estava colocadas e o bolo era de três andares redondos em cima dele tinha um casal de noivinhos, o marido estava com a esposa no colo e tinha um homem tocando violino.

Ela começou a imaginar como seria se fosse se casar com Vitor e outro sorriso surgiu o que não passou despercebido do homem do seu lado.

Eles entraram na casa Remo estava andando de um lado para o outro estava muito nervoso, assim que o viram vieram ao seu encontro.

- parabéns. Disse Hermione sorrindo.

- felicidades. Complentou o moreno.

- obrigado confesso que estou um pouco nervoso, estou com um pressentimento que algo irá acontecer. Falou passando uma de suas mãos sobre o rosto.

- hoje é um dia de felicidade,  está tudo sobre controle. Comentou Castanha laçando um sorriso.

- espero que seja apenas coisa da minha cabeça, ainda não vi ela hoje, poderia por gentileza dar uma olhada para ver se está tudo bem ou se ela precisa de alguma ajuda?

- claro

- é só subir a escada é a segunda porta

Ela não queria ir, mas não poderia falar não ,sabia que quando chegasse no quarto levaria patadas de Chang já que a mesma não a suportava, ela subiu a escada em caracol devagar, quando chegou no longo corredor estava vazio, as portas eram todas das mesma cor, respirou fundo antes de entrar, mas ela jamais imaginou que quando entrasse veria aquela cena.

- ahhhh mais rápido

Ficou parada na porta em estado de choque com seus olhos castanhos arregalados. A noiva estava de quatro na cama enquanto Cedrico estava por trás a penetrando, os olhos dela estavam fechados, suas mãos estavam segurados os lençóis e a roupas de ambos estavam espalhadas pelo chão, ela rapidamente fechou a porta e começou andar rápido na direção da escada, mas acabou se esbarrando no Severo.

- nossa já falou com ela? Perguntou desconfiado.

- vamos descer agora daqui. Disse o pegando pela mão e descendo a escada.

- não parece que viu uma noiva se arrumado mas sim um fantasma

Ela o arrastou para fora ficando longe dos convidados, não queria encontrar com o coitado do noivo, ela não queria mentir então o ideal era seria se esquivar.

- o que foi ?Perguntou segurado o rosto dela.

- eu entrei Chang estava fazendo sexo com o amante dela

- você tem certeza do que viu ? Perguntou Snape arregalando seus olhos negros.

- claro que tenho

- nossa essas mulheres de hoje a maioria tudo vagabundas não pode ver um macho que já vai abrindo as pernas, pior no casamento dela

- tem gente que não tem vergonha na cara

O moreno acabou lembrando do dia que pegou a Senhora Potter transando com Cedrico não conseguia tirar aquela imagem de sua cabeça. Ele se ofereceu para pegar bebidas para ambos deixando a moça sozinha alguns minutos

                         ----------------------------------------------

Os Potters tinha acabado de chegar e a ruiva  tinha se afastado do marido e do filho relatou que precisava ir no banheiro. Antes de procurar qual quarto era da noiva, a mulher decidiu pegar duas taças de vinhos para levar no quarto, subiu a escada olhou para o lado e viu que não se encontrava ninguém tomou um gole de sua taça deixando a marca do seu  batom vermelho e  a outra tirou da sua pequena bolsa preta um vidrinho e despejou todo o conteúdo na taça que seria da noiva,guardou o vidrinho de volta ao seu lugar, começou a andar como se nada tivesse acontecido, abriu a primeira porta era somente estante com produtos de limpeza,  abriu a segunda porta e encontrou Chang estava se olhando um grande espelho, tinha acabado de colocar o vestido suas costas estavam a mostrar, ela precisava de alguém para ajuda-la ,a mulher deixou as taças na comoda e fechou a porta e se aproximou.

- se quiser posso fechar?

- sim por favor. Disse sorrindo.

Ela subiu o zíper do vestido, voltou para pegar as taças. Cho acrescentou a tiara e os brincos.

- podemos fazer um brinde o que me diz querida?

 A moça sorriu e virou-se para Lilian e pegou a taça.

- e iremos brincar o que exatamente?

- sucesso no seu casamento

- sucesso

A ruiva abriu um largo sorriso quando viu que sua vítima estava tomando o vinho todo em um gole.

- precisa de algo mais ?

- não obrigada, só vou colocar o sapato

Potter não pegou a taça de volta e saiu do quarto levando consigo somente a dela, voltou para perto do seu marido e filho que estava conversado com Sirius, eles estavam no jardim.

- Lilian querida como é bom lhe ver

- digo o mesmo amigo. Disse sorrindo.

A ruiva não estava prestando atenção na conversa dos homens olhou ao redor e viu Snape conversado com sua namorada, o que fez os olhos verdes da ruiva faiscar de raiva.

- o próximo serão vocês. Disse baixinho para si mesma.

        --------------------------------------------------

Todos os convidados estavam sentados esperado a cerimônia começar o noivo estava no seu lugar, mas as pessoas começaram a estranhar a demora da noiva estava atrasada há uma hora da celebração o que as pessoas começaram achar suspeito. Hermione ouviu uma mulher atrás dela dizer para outra

- a noiva deve ter dando no pé e deixou todos nós aqui esperando

- será mesmo que ela é capaz de fazer isso com meu sobrinho ?

-  e por que a demora ?

- noivas demoram

- mas essa está demorando mais do que o normal

Ela olhou para o moreno e falou:

-  por que ela ainda não apareceu?

- ela deve ter fugindo algum amante e nós aqui com cara de idiotas a esperando, é uma vadia mesmo, é bom que Lupin  aprende a se envolver com mulher decente

Ela achou  Severo muito cínico sendo que o mesmo se envolvia com uma puta e falando do outro vai entender homens. Revirou os olhos não iria comentar nada não era problema dela.

- Chang não duvido nada mesmo, mas coitado do Lupin pagou por todo esse evento para ser humilhado e as pessoas saírem falando do casamento se ainda pode ser chamado assim sendo que a noiva desistiu de última hora, para castanha fazia muito sentido ela ter pulado fora do própria casamento já que a mesma estava com outro homem na cama  no dia de sua celebração e ainda para piorar no mesmo ambiente que iria acontecer o evento.

Sirius apareceu desesperado indo até Remo contando o que tinha acontecido e o mesmo saiu correndo o que deixaram os convidados sem  entenderem nada.

- um minuto da atenção de todos por favor, como a noiva estava demorado para aparecer decidir ir conferir e a encontrei deitada na cama, mas infelizmente tentei a acordar sabe pensando que deve ter bebido demais, mas a mesma não abria os olhos, senhores ela estava sem pulsação, liguei para a ambulância agora o noivo dela foi aguardar. Sinto muito não teremos casamento, ainda estou tentando entender como ela faleceu,mas a análise será feita e teremos a resposta. 


Notas Finais


Será que Snape irá conseguir conquistar a Mione ou será que é tarde demais?
E ai leitores, mais uma vítima morta pelas mãos da Lilian e digo que ela não irá parar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...