História New Life - Capítulo 53


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), CNBlue, SHINee
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jinki Lee (Onew), Kang Min Hyuk, Min Yoongi (Suga), Minho Choi, Niel, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Jikook, Kang Minhyuk, Kim Soohyun, Minho, Niel, Onew, Suga
Visualizações 5
Palavras 1.419
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Saga, Yaoi (Gay)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha eu de novo ...
Gente.
Se eu to chorando por dentro, falta nove capítulos
Somente nove( tem pelo menos 3 extras)
mas são nove dias
Amores boa leitura

Capítulo 53 - Capítulo 46


Seoul, South Korea

Sam


Acho que todas as garotas sou a única que mora atualmente sozinha já que Naomi e Melody moram juntas para cuidar de Hara, Ju atualmente está no Brasil para um evento junto com Luana, e Lisa mora com o marido.

Podemos dizer que muita coisa aconteceu desde que estreamos depois do acidente que sofremos, Mel praticamente se focou em outras coisas e aos poucos foi se desligando do mundo artístico, mesmo que ela ainda vá a alguns programas e participe de alguns dramas, mesmo que ela tenha saído do grupo a anos, porem era a mesma coisa, e ela raramente via o Onew graças a isso.

Já eu continuo quase a mesma coisa, o que segundo até mesmo um dos meus instrutores, continuava indecisa.

O que de fato era, verdade e dava para ver isso, quando a um ano mais o menos havia feito uma promessa de não ver mais Daniel e ali estava eu de novo. Acho que até mesmo as meninas já tinham dito que eu devia tomar uma decisão e não ficar nessa de tudo para mim está bom.

– Samantha dá para você me escutar! – Niel me chama meio impaciente.

– Desculpa Oppa estava lembrando de algo – falo tentando não prestar atenção no que ele dizia – Mas o que você disse

– Eu disse que eu e a Hana voltamos – ele fala com um sorriso no rosto.

Me lembro dela aos poucos quando cheguei na Coreia ele e ela estavam namorando porem por ciúmes de mim e de Mel eles se separam e quem teve que sair catando e remontando o que sobrou do mais velho foi eu. Às vezes penso que Niel nunca entendeu a verdadeira razão de ter me distanciado dele esse tempo todo muito menos o fracasso de namoro que tive.

– Que bom Niel, espero que dê certo e que vocês sejam felizes – digo tentando ao máximo disfarça a ironia e a magoa na minha voz

– Obrigado Sam – ele fala exibindo um sorriso, que a muito jurei odiar

– Bom já que era isso vou indo a Irmã da Mel chega hoje e quero vê-la. Até mais Niel-Subaenim. – Falo me levantando sem nem olhar para ele.

Segui para fora do restaurante onde estávamos, quando consigo chegar ne um ponto onde o mais velho não me escutaria ou veria, sinto uma lágrima correr pela minha bochecha seguida de outra. Saio do restaurante e vou caminhando até meu carro, entro neste e desabo ali mesmo. Escuto passos perto de mim, mas nem ligo até uma mão encostar em meu ombro e outra levantar o meu queixo

– Por que você está chorando Sam? – mesmo com os olhos embasados pelas lágrimas aquela voz seria irreconhecível para mim – Samantha me responde, porque você está chorando?

– Não e – solto um longo suspiro e retomo – Nada

– Se fosse nada você não estaria chorando – ele fala tentando enxugar as lágrimas que desciam pelo meu rosto – me diz o que te deixou assim.

Tento cessar meu choro, mas não adianta já que as lágrimas ainda caem pelo meu rosto e sendo amparadas pela mão de Niel. Levanto meu olhar para fitar seu rosto o que faz com que minhas emoções entrem em colapso, fazendo com que mais lagrimas brotem de meus olhos

– Será – começo e tento respirar um pouco – que muito difícil – falo com dificuldade – você percebe que – olho para cima e me foco em seus olhos – eu gosto de você.


❤❤❤


Mesmo que eu insistisse que ele não precisava me levar para minha casa, Niel me levou ao chegarmos nela ele entra junto comigo e se senta no sofá. Entro no meu quarto pego uma roupa de dormir e vou tomar um banho.

– Você vai tomar banho quando um homem está aqui? – O mais velho pergunta

– Pelo visto você não se lembra mesmo que já fomos para cama – falo

E logo entro no banheiro e fecho a porta atrás de mim, retiro minhas roupas e vou para debaixo do chuveiro, com certeza o barulho dele deixaria com que eu chorasse mais, por que além de tudo eu nunca vou passar da amiguinha querida do coração de Niel.

Me sento no chão conforme as lágrimas aumentam, sim parece que no fim eu me tornei um bebe chorão, mas fazer o que. Fico ali naquela posição chorando nem sem por quantos minutos, até que escuto uma batida na porta, escuto a mesma ser aberta.

– Samantha – escuto a voz de Niel

Assim que olho para o mais velho, ele pega um dos roupões que tinha ali, sem nem se importa com as roupas dele, ele entra dentro do box e desliga a água e me embrulha com o roupão, só observo os respingos de água enquanto ele me leva para o quarto e me deposita em cima da cama.

– Você realmente sente repugnância por mim – falo sem mediar as palavras

– Não sinto, só estou preocupado se você vai pegar um resfriado – ele fala – Eu realmente queria te falar que sim eu me lembro daquela noite eu nem estava tão bêbado assim para falar a verdade, só que depois você se afastou de mim então pensei que tivesse sido um erro fazer aquilo.

Sinto que ele fica apreensível, enquanto pensava o que falar, mesmo que eu gostasse do silencio, esperava escutar o que ele iria dizer agora, e saber o motivo disso tudo.

– Pensei que você estivesse com raiva de mim, e como você se afastou e toda vez que nos encontrávamos baixava o olhar ou me olhava como se fosse um erro por completo.

– Não foi por isso que me afastei – falo

Ele me olha e passa mãos na minha cabeça, ele se levanta da cama e vai no banheiro e pega uma toalha, e começa a tirar o excesso de água do meu cabelo.

– Mel acabou me contando o motivo a alguns meses – ele fala – mas antes que brigue com ela, ela só falou isso quando disse que eu e Hana tínhamos voltado, Mel disse que eu era um idiota por não enxerga que você gostava de mim e por ter sido um babaca e não ter ficado ao seu lado depois de tudo, que por minha culpa você e seu namorado tinham terminado.

Ele termina de secar meu cabelo e coloca a toalha no cesto de roupa suja, pega um pente que estava na estante e um creme e passa-o em meu cabelo e começa a pentear o mesmo fazendo com que os cachos fiquem um pouco organizados e ganhem vida.

– Para falar sério, nunca tinha visto ela tão irritada aquele ponto – ele fala com o som de riso no final.

Olho para ele que volta a pentear meus cabelos coisa que nunca dava certo com um pente, mas é fofo ver ele tentar.

– Desculpa-me Sam, mas não queria nada disso para você – ele fala

– Eu aceito suas desculpas, mas acho melhor voltar para sua namoradinha – falo enfim pegando a toalha da mão dele

– Bom acho que Hana não se importa onde estou desde que não estamos juntos – ele fala – eu disse aquilo para ver se você falar algo, mas ao invés de me xingar ou me bater você preferiu se esconder e ficar longe de mim. Acho que quem devia estar magoa sou eu.

Ele termina de organizar meus cachos, e volta ao bainheiro pegando outra toalha, e começa a me secar.

– Como assim? – Falo saído do meu devaneio

– Eu não voltei com Hana, só queria ver como uma garota morena linda que entrou na minha vida para me ajudar como anjo iria agir – ele fala

– Niel você estava brincando comigo – olho para ele como se fosse arrancar a cabeça dele e do amiguinho dele a qualquer momento.

Ele passa as mãos no meu cabelo e abre um sorriso prevê, e me abraça e começa a esfregar minha costa além de fazer carinho na minha cabeça.

– Aí está a reação que eu queria naquele restaurante. – Ele fala – seria muito cliché eu falar para você que eu gosto de você, agora?

Olho para ele inserta com as últimas palavras que ele havia dito, continuo o encarando até que ele se aproxima novamente só que invés de me abraçar ele deixa um leve selar em meus lábios.

– Acho melhor você ir dormi, foi um dia longo.

Depois que eu me troquei e me deitei na cama, Niel se deita ao meu lado e me abraça até que eu caia no sono. Quando acordo levemente escuto o mais velho se levantar e sussurrar algo para mim.

– Eu volto amanhã de manhã para conversamos, só durma agora – ele diz acariciando minha cabeça o que me faz ser levada ao reino dos sonhos novamente.


Notas Finais


Niel e Samantha.. o casal complicado da fic.
O pessoinhas difícil de ficarem juntos, e sempre por conta de um passado.
Eu estou vendo minha morte vindo com o Extra de amanha
Um pedacinho só para ter uma pessoa me mantando antes mesmo ...

"Extra 7' Resolução de um erro'

Niel

Mesmo que eu soubesse que chamar a mais nova ali não tinha sido uma boa decisão, deixar ela ir também nao era uma das mais fáceis, sei que ela estava frágil, e mesmo assim ver como os olhos dela ainda brilhavam ao me ver, era sem palavras..."

Bom amores mio, espero que gostem
e dem uma olha em New Dream..
Ate amanha


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...