1. Spirit Fanfics >
  2. No meu caminho - Noart >
  3. Cap. 12 - "Decepcionar as pessoas..."

História No meu caminho - Noart - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


𝙄𝙢𝙥𝙤𝙧𝙩𝙖𝙣𝙩𝙚!!

Hey guys!!! Como vocês estão?

Tô passando aqui antes do conteúdo do capítulo, pra deixar algumas coisas claras:

-Eu sei que muitos de vocês estão acostumados com escritores que postam capítulos todos os dias. Mas infelizmente eu não posso e não consigo ser assim. Além de ter a escola (porque sim, sou estudante) os afazeres de casa, que não são poucos, tenho a falta de apoio.

Meus pais não sabem que sou escritora, muito menos que leio fanfics, histórias e etc. Por quê? Porque eles não me apoiariam, sei disso porque conheço eles. Então tenho sempre que ser discreta, tento postar os capítulos enquanto não estão em casa, pra facilitar a minha vida. Mas é difícil.

Por isso que é de 𝙚𝙭𝙩𝙧𝙚𝙢𝙖 importância para mim, os comentários de vocês. Pois após um dia cansativo, e muitas vezes ruim, ler os comentários torna tudo melhor!

Saber que seu "trabalho" agrada algumas pessoas é incrível!

Então já deixo avisado que: 𝙏entarei o meu máximo trazer capítulos 𝙪𝙢 𝙙𝙞𝙖 𝙨𝙞𝙢, 𝙤𝙪𝙩𝙧𝙤 𝙣𝙤𝙥. E que se não postar no dia correto, é porque ouve um imprevisto.

Espero que entendam,

𝘽𝙤𝙖 𝙡𝙚𝙞𝙩𝙪𝙧𝙖! ❤

Capítulo 13 - Cap. 12 - "Decepcionar as pessoas..."


Fanfic / Fanfiction No meu caminho - Noart - Capítulo 13 - Cap. 12 - "Decepcionar as pessoas..."

-Si? - ouço a voz de Josh no meu ouvido, então retorno para a realidade. 

Onde Simon Fuller e mais um monte de gente estão parados esperando uma resposta minha. 

-Senhorita? - o homem diz com a voz calma e rouca. 

-Er... E-eu sou-u - respiro fundo - Sou Sina Maria Deinert Beauchamp... - É a única coisa que consigo dizer antes de meu corpo congelar novamente. 

-Sina é minha irmã senhor Fuller... - o loiro toca meu ombro acariciando o mesmo. 

-Hm... Eu vi que estavam todos muito empolgados, aconteceu algo? - Minhas mãos tremem... 

-Senhor mi... - piso no pé do garoto o impedindo de falar - aaai.... - ele gruni baixo. 

-O que o Joshua iria dizer é que - Kyle começa, tento lançar meu melhor olhar de "não conte isso" porém é em vão - Estávamos voltando do pequeno intervalo de quinze minutos e, nos deparamos com algo incrível... -por que ele está fazendo isso?!???? - Sina é uma garota muito talentosa! Dança com todo o coração... - Sr. Fuller semi certa os olhos me encarando. 

"Eu sabia... Devo emanar tanta pobreza e incapacidade que até ele não acredita que eu saiba dançar!"

-A senhorita tem como me mostrar? - quebra o silêncio, ajeitando seu paletó feito sob medida. 

-A-agora? - gaguejo 

-Bom... - ele olha em seu relógio de pulso - É, estou atrasado. Havia passado apenas para ver como está o andamento. - ele se vira para Kyle dizendo algo ao mesmo - Nos vemos no próximo ensaio. Sina, espero que possa me mostrar alguns passos aula que vem. - Diz e se encaminha a porta, saindo do local.

-Uoou! Você tem uma pisada forte! - Josh reclama segurando um dos pés. 

-Sina você está louca? - Sabina exclama-Quase deixou o homem falndo sozinho! 

Muitos começam a falar, resmungam qualquer coisa. Mas não consigo pensar em algo que não seja

"Tenho que ir em bora daqui! "

Esse lugar não é pra mim, todos estão com tantas expectativas, não gosto disso. Pois sei que no final vou decepcionar todos, como minha mãe sempre me dizia... 

Flashback on

Eu estou nervosa, hoje é o dia da medição final. Mais uma vez mamãe me colocou em um concurso de beleza, consegui passar para as top 3. Uma mulher muito alta mede a largura do quadril, o peso e a altura da garota ruiva ao meu lado. 

Estou com medo pois, estou sem comer a mais de três dias, quer dizer apenas comi uma maçã e água... Muita água. Além dos exercícios. Meu corpo está exausto, minhas bochechas doem por conta do sorriso forçado no qual está no meu rosto. Vejo minha mãe na plateia, os olhos semi cerrados e sério, ela mexe os lábios e eu leio os mesmos: "Sempre sorria. Eu quero o primeiro lugar! " Engulo a seco, segurando a imensa vontade de chorar. 

Isso não é pra mim! Eu nunca gostei disso! - Eu só queria ter coragem de dizer isso. Mas ninguém iria ouviria uma jovem de quinze anos... - 

A mulher chega a mim, medindo meu quadril e meu peso. Após anotar o número a mesma torce o nariz. Meu coração acelera já pensando na possibilidade de ser desclassificada. Todos na plateia aguardam ansiosos. Olho para a ruiva, e para a morena, ambas sustentam um sorriso tão forçado quanto o meu. Então, a mulher com os grandes cabelos castanhos se posiciona em nossa frente para anunciar o resultado. Minhas mãos soam, tremem. 

-Sarah Mclay... - a menina da pele morena e um lindo cabelo cacheado, da um passo a frente - lamento mas você está fora. - algumas pessoas discordam da decisão, e outros empinam mais seus narizes. Antes que a garota pudesse sair oussso a mulher sussurrar para a mesma - Você nem deveria estar aqui, olhe a sua cor e esse cabelo... - disse  e logo após colocando o sorriso mais falso que já vi. A pobre Sarah desceu as escadas cabisbaixa, torcendo para conseguir segurar o choro. - Sina Deinert - respiro fundo me aproximando. - Lana Payton. - a ruiva também se aproxima, empurra meu ombro fazendo com que se sobre saia. - Temos duas garotas muito bonitas, pele clara, olhos claros e uma estrutura corporal magnífica. Porém, uma delas está um pouco... Gordinha... Lamento mais não foi dessa vez... Sina Deinert. - Gordinha? Eu fiquei praticamente sem comer por três dias inteiros, fiz exercícios dos mais dolorosos! Minha vontade de chorar é imensa, volto a realidade por mais um empurrão da "vencedora" que exibe  de forma convencida o seu prêmio. 

Desci do palco e minha mãe já me esperava, com o olhar de desaprovação. 

-Mamãe eu... - sou interrompida por um estalo em meu rosto. Toco o lugar onde a mão com alguns anéis foi parar a segundos atrás. 

-Eu não te criei para ser uma perdedora! Você viu o vexame que me fez passar? Será que não consegue fazer nada direito? - ela coloca as mãos na cintura indignada - Você só serve para isso Sina! Decepcionar as pessoas... - a mesma sai andando, me deixando estatística e abalada mó mesmo lugar. 

Flashback off. 

Minhas lembranças acabam quando sinto me  chacoalharem. 

- Hey... Você está bem? - Heyoon, Josh e o resto do pessoal me encara. Sinto minhas bochechas molhadas "droga! Eu chorei! " Seco as mesmas rapidamente, colocando um sorriso no rosto. 

-Sim, sim está. Eu só... Preciso de um ar... - Eles comprimem os lábios não convencidos com a resposta. - É sério gente eu só... Vou ir ao banheiro! - me esquivo dos corpos, pasando por cada um calmamente. Chego a porta e ando pelo corredor. 

"Talvez eu esteja sendo uma boba... Todos me dizem coisas que eu não consigo, que eu não posso ver. Vivo em um mundo onde a Sina, não é nada mágica ou " Talentosa " eu apenas aceito que não posso ser como meu irmão. E as vezes, o que minha mãe fala, passa a fazer mais sentido. Sou só uma garota medrosa que não consegue fazer nada. "

Sento na calçada - após passar pela recepção me dirigi a rua - a brisa fresca bate em meu rosto fazendo os meus fios dourados dançarem no ar. Fecho os olhos tentando pensar em tudo, e em nada ao mesmo tempo. Será que estou me perdendo? Será que sou só o que minha mãe diz, ou posso ser o que os outros dizem? 

-Sabia que a história de ir ao banheiro era mentira... - não me dou o trabalho de virar. - Se queria tomar um ar, é porque algo esta acontecendo... O que está acontecendo? - o mesmo se senta ao meu lado. 

-Nada... Não se preocupe. - puxo o ar, fungando um pouco. 

-Aaah Deinert! Qual é... Somos amigos de porta baby. - sorrio com nosso apelido. - pode contar comigo. 

-Eu não sei... Eu só... - abaixo a cabeça. Logo sinto seus braços rodearem meu tronco. 

-Tudo bem, não precisa me dizer nada agora - ele puxa mais meu corpo, fazendo com que eu descanse minha cabeça em seu peito - Só saiba que estou aqui para o que precisar... Amiga de porta. - Noah deposita um beijo em minha cabeça, apoiando seu queixo na mesma. 


Ficamos ali, eu e meu amigo de porta. Apenas no silêncio. E de uma certa forma, a sua proximidade me faz sentir segura.. A sua presença deixa tudo calmo, divertido e bom... 

Aaaah... Amigo de porta... 


Notas Finais


Aaaa olha eu mais uma vez, se não leu o recadinho lá em cima, peço que leiam. Galera é sério! Eu amo tudo isso aqui. Mas estou com alguns probleminhas então não quero decepcionar vocês... Espero que entendam. Vou tentar ao meu máximo okay?!

E ai, as aulas de vocês? Paralisaram? Me contem tudinho!!!

Até o próximo capítulo!!!

ꀘ꒐ꇙꇙꏂꇙ😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...