1. Spirit Fanfics >
  2. O laço do destino >
  3. Conflitos.

História O laço do destino - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Oláa, beem, a capa não ficou tão bem elaborada como planejado
não tive paciência kkkk e quis fazer o mais rápido possível, enfim, boa leitura!

Capítulo 3 - Conflitos.


Fanfic / Fanfiction O laço do destino - Capítulo 3 - Conflitos.

 

~Ponto de vista da Bonbon~

 

 

Acordei bem cedo, tinha tempo o suficiente antes de ter que ir para a escola, Loon ainda dormia profundamente ao meu lado e eu tentei levantar tentando não acorda-lo, havia tido um sonho estranho... eu estava flutuando e de repente sentia alguém fazendo uma massagem em minha cabeça, mas sonhos geralmente não fazem sentido, então tudo bem.

 

Fui até a cozinha do Loon e comi um iogurte, depois de terminar eu fui me trocar no banheiro para colocar meu uniforme e comecei a pensar no dia de ontem, eu nem sequer agradeci pelo almoço e pelo dia que passamos.. talvez eu devesse visitá-lo para isso? Descobri que Freddy morava há uns 20 minutos daqui quando saímos ontem, será que vai dar algum problema se eu ir assim sem avisar? 

 

Quando percebi eu já estava saindo de casa e andando pela calçada, caminhei bastante e depois decidi pedir um uber do meu celular,  fiquei me perguntando o que eu diria enquanto olhava a rua pela janela do carro.

 

— Oi.. você.. hã..  — Não, assim não vai funcionar! — Pensei.

 

Droga, eu já estava quase em frente a casa dele e ainda não sabia o que dizer, acho que irei falar apenas um simples ''Obrigada pelo dia de ontem''', mas será que ele não vai achar estranho eu ter ido a casa dele apenas por isso? Eu poderia ter simplesmente mandado uma mensagem de texto! Ah, mas agora já estou aqui...  e já desci do uber.

 

 vou tocar logo essa companhia.

 

Me aproximei da porta e apertei logo sem rodeios, depois de uns 30 segundos ouvi alguns passos se aproximando para atender.

 

— Oi Fre... — Interrompi o que estava dizendo após olhar em choque para ele.

 

—  B-Bonbon? Mas que raios... n-não esperava você por aqui. — Diz Freddy apenas de toalha, se escondendo atrás da porta depois de me ver.

 

— Que Diabos!? Você costuma atender as pessoas só de toalha?! — Disse, desviando o olhar para o lado corada.

 

— Eu moro só com meu pai e não recebo visitas! — Ele diz, ainda escondido atrás da porta.

 

— Bem, é melhor eu ir, depois a gente se fala então! — Eu disse me virando, querendo fugir desse vexame.

 

— E-espera, mas o que você veio fazer aqui? — Ele pergunta.

 

— Em outra ocasião eu te falo. — Me virei, mas sem olhar diretamente para ele. 

 

— B-bem, tchau... — Freddy fecha a porta imediatamente, porém, bate com a porta em seu próprio pé. — Ai, merda! — Nesse descuido todo, a toalha acaba caindo.

 

— Ai, misericórdia... — Ao ver a cena, tapo meus olhos imediatamente e saio correndo.

 

Não sei para aonde diabos eu estava correndo, mas não parei de correr! Havia acabado de ver a parte íntima de alguém e eu estava completamente espantada, eu queria me esconder em algum buraco e ficar por lá bastante tempo.

 

Parei em um ponto de ônibus e subi em um outro que me levaria para perto da escola, por sorte eu não morava tão longe do colégio, o ônibus estava vazio, aproveitei e tirei uma cochilo, mas quase perdi o ponto por causa disso.

 

Avistei Meg e Joy de longe, elas estavam entrando na escola, havíamos chegado praticamente ao mesmo tempo, fui falar com elas.

 

— Oi, Bonbon! — Disse Joy, sorridente.

 

— Eu vi... o Freddy pelado. — Falei, com uma cara assustada ainda.

 

Joy e Meg ficaram se encarando durante um tempo.

 

— Bonbon eu jurava que você era santa, não é cedo demais para falar de pornografia? — Disse Meg.

 

— Pornografia uma ova! Eu fui falar com ele e ele me atendeu de toalha, acabou caindo! — Eu disse, irritada.

 

— Hum, e era grande? — Meg pergunta.

 

— Para de provocar, Meg. — Disse Joy, claramente desconfortavél.

 

— Eu sei lá, cacete! Que raios de pergunta é essa?!  Só sei que sai correndo de lá. — Falei, totalmente indignada.

 

— Para ter saído correndo desse jeito, foi porque era uma gigantona. — Meg deu risada da situação.

 

— Credo Meg, a companhia do Foxy não tem feito nada bem para você. — Joy falou sério.

 

— É o que eu diga. — Falei encarando a Meg.

 

— Ah, tá desculpa. — Ela disse.

 

— Bem, vamos logo para sala. — Respondi.

 

Admito que Meg me dá nos nervos ás vezes, prefiro nunca comentar com ela sobre aquilo que ocorreu no banheiro da quadra quando flagrei ela aos beijos com Foxy, mas agora estava me batendo uma sensação estranha... como se eu tivesse esquecido de algo, certamente tinha algo que eu devia ter feito hoje, deve ser só impressão.

 

Chegando na sala, vi que o Loon já estava lá e não parecia estar com uma das melhores caras... droga, eu esqueci que sempre que durmo lá, costumamos vir juntos para cá.

 

— Oi Loon, desculpe ter ido embora sem ter falado nada. — Falei.

 

— Ainda bem que botei despertador, eu podia ter perdido a hora. — Loon disse, meio chateado. — Eu fiquei preocupado, liguei para sua casa e sua mãe disse que você não estava lá. — Falou.

 

— Eu sou muito esquecida, mas vou colocar logo um sorriso nesse rosto. — Disse, aproximando minhas mãos dele.

 

— Nem vem com cócegas. — Loon fez uma cara emburrada.

 

— Lá vou eu! —  Comecei a fazer cócegas em seu pescoço e laterais. 

 

— Pare! — Ele exclama, em meio as risadas.

 

— Só se ficar de bem comigo, ai eu paro. — Continuei a provocar.

 

— Pff, n-não. — Disse ele, se contorcendo ainda.

 

— Não paro! — Eu disse sério.

 

— T-Tá bom, estamos de bem! — Ele disse, morrendo de rir. — Certo. — Sorri e parei de provoca-lo.

 

Olhei para a porta e Freddy entrava na sala junto com Foxy, mas nem olhava para minha cara.

 

 

~Ponto de vista do Freddy~

 

Por mim eu nem ia para escola, eu estava muito envergonhado com o que aconteceu, nem olhar para a cara da Bonbon eu conseguia, eu queria encontrar um poço, entrar nele e morrer.

 

— Evitar a Bonbon não vai adiantar nada. — Foxy sussurra.

 

— Dá pra calar a boca? — Disse irritado.

 

— Se eu fosse você, teria aproveitado a situação e convidado ela para entrar, e seduzido ela. — Foxy diz, rindo.

 

— Mas que porra é essa, Foxy? Quem você acha que eu sou? — Encarei ele.

 

— Esquece, só fala que você tem uma queda por ela desde que ela entrou na escola e você planejou a bolada, igual um otário. — Foxy disse, colocando os pés sob a carteira.

 

— Eu não dei bolada nela de propósito, eu planejava apenas que a bola encostasse de leve no pé dela, eu ia pedir pra ela jogar a bola de volta para mim e ai ela notaria que eu existo por alguns segundos. — Suspirei.

 

— Em vez disso, afundou a bola na cara dela. — Disse Foxy, segurando o riso.

 

— Eh, eu botei força demais na hora do chute, estava nervoso. — Disse.

 

— Agora que vocês conseguiram se aproximar um pouco, vai botar tudo a perder por causa de um acidente idiota?

 

— Acidente idiota? Ela viu a porra do meu pinto. — Mergulhei a cara na mesa.

 

— Ela não iria ver de qualquer jeito? Você só adiantou as coisas. — Ele ri.

 

— Some da minha presença, Foxy.... vai sentar do outro lado da sala. — Pedi irritado.

 

— Era brincadeira, cara. — Ele diz.

 

— Eu não achei engraçado, é bem babaca na verdade... — Falei, enraivecido.

 

— Tchau então. — Foxy se levanta e vai para outra carteira.

 

Notei que o Loon olhava meio sério para mim, mas diante de tudo eu nem dei importância, só queria saber o que eu iria fazer na hora do intervalo... e se ela viesse falar comigo? Eu simplesmente não sei o que fazer, estou realmente desconfortavél.

 

As horas parecem que demoraram a passar, nem sequer dei ouvidos a nenhuma explicação na aula... um minuto era como se fosse uma hora, fiquei agonizando durante as horas que passavam, será que vão notar se eu afundar a cara na mesa e dormir? 

 

 

 

...

 

 

 

— Freddy, já está quase na hora do sinal tocar. — Disse Chica me cutucando.

 

— Hein? — Perguntei e levantei meu rosto lentamente, a luz da sala irritava minha vista.

 

— Você dormiu na aula, tem sorte do professor não ter pego você. — Ela sorri.

 

—  Ah, valeu... — Agradeci.

 

Eu não estava tão animado para o intervalo assim, penso que a Bonbon deve estar tão envergonhada quanto eu, ao ouvir o sinal tocar forcei meu corpo a levantar e fui andando para qualquer lugar.

 

— Ei, Freddy. — Bonbon me chamou. 

 

Olhei para trás, Bonbon estava com o Loon.

 

— Achei que íamos passar o intervalo juntos com Golden, Chica e Foxy, até chamei o Loon para participar. — Ela disse fisgando o chão.

 

— Ah, c-certo, vamos passar sim. — Respondi

 

— Loon, vai indo lá e me espera, preciso ir ao banheiro. — Bonbon pede e logo se retira.

 

Loon ficou 10 segundos me encarando quando a Bonbon se retirou.

 

— Bem, acho que nunca nos falamos ou apresentamos direito, né? — Falei, diante de sua cara séria.

 

— É o seguinte, eu te acho um tremendo tarado e pervertido, estou apenas participando desse grupo pela Bonbon, se tentar alguma gracinha ou pisar no meu pé, eu não respondo por mim. — Ele fala, bem direto.

 

— Oi? — Perguntei incrédulo, o garoto que eu jurava ser o tímido da sala e que nunca fala, realmente havia me ameaçado naquele momento?

 

— Já falei o que tinha para falar. — Ele vai embora, passando por mim quase me empurrando.

 

Eu fiquei parado apenas tentando digerir o que aconteceu, pelo visto aquele cara mudava totalmente quando se tratava da Bonbon, eu não sei qual era a ligação deles mas eu estava muito surpreso e um pouco receoso naquele momento, como eu deveria lidar com isso?

 

— Voltei, achei que já estava junto com o resto de todo mundo — Bonbon apareceu.

 

— Ah.. é que, eu decidi te esperar? — Falei.

 

— Me desculpa por hoje mais cedo, eu só queria te agradecer por tudo que fez ontem e errei de não ter avisado que iria aparecer. — Ela falou, parecendo envergonhada.

 

— T-tudo bem, foi sem querer e nem me abalei muito. — Disse, sendo um péssimo mentiroso.

 

— Eu sempre tive problemas em me enturmar... e demorei a fazer amizades desde que me mudei do japão para cá, fico feliz do meu grupo de colegas estar aumentando. — Ela sorri.

 

— Nem parece que estava bem relutante em ser minha amiga. — Eu disse rindo.

 

— Não fui com a sua cara de início, culpa da bolada. — Ela diz me olhando séria.

 

— Supera isso, vai. — Cruzei os braços e ela ficou rindo da minha cara.

 

— Bora Freddy, já está todo mundo te esperando. — Apareceu Chica, me puxando.

 

— Ei. — Falei.

 

— Vamos logo. — Fala Chica, me apressando para ir me juntar com os outros.

 

— Tinha até me esquecido disso. — Bonbon comenta.

 

Fomos até o local, acho que deixei minha paranoia atacar e quase me isolei de todo mundo, por sorte a Bonbon havia falado comigo e quebrado isso, Meg estava junto com o nosso grupo e com certeza era por causa do Foxy, Golden contava piadas estúpidas enquanto Foxy batia um papo com a Meg quase não interagindo com a gente, eu tentava conhecer a Bonbon melhor enquanto Loon lançava olhares sobre mim e Chica estava mais agitada do que o normal.

 

— Você não é de falar muito né? — Chica pergunta ao Loon.

 

— Acredite, ele é assim desde os 8 anos de idade, mas depois se solta mais. — Bonbon ri.

 

— Que fofinho. — Chica fala.

 

— Credo, odiaria ser chamada de fofinho. — Golden comenta.

 

— Eu também. — Comentei.

 

— Anotado então, nunca irei te chamar de fofo. — Bonbon finge escrever em uma agenda imaginária.

 

— Que bom. — Respondi.

 

— Até porque você não é, não vai ser difícil. — Bonbon sorri.

 

Loon até riu.

 

— Porque você sempre tenta acabar comigo? — Perguntei.

 

— Porque é legal. — Ela responde.

 

— Amanhã tem conselho de classe, a gente podia fazer alguma coisa. — Bonbon sugere.

 

— Eu não vou poder. — Chica responde.

 

— Vou estar ocupada. — Diz Meg olhando para o Foxy.

 

— Fiquei de sair com meu pai. — Golden responde também.

 

— Tenho compromisso. — Foxy pisca para Meg.

 

— Ah... então vamos sair eu, Loon e Freddy mesmo. —  Bonbon diz.

 

Olhei para o Loon e ele parecia bem descontente com a sugestão, apenas me olhando para saber o que eu iria responder.

 

— Eu topo. — Sorrio.

 

— Ótimo! — Ela exclama.

 

— Ótimo... — Loon sussurra ironicamente.

 

 

Basta ver aonde tudo isso vai dar.

 


Notas Finais


Por hoje é só o/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...