História Os Schoenberg's - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce, Anna Popplewell, Max Irons
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Bia, Kentin, Leigh, Lysandre, Max Irons, Melody, Nathaniel, Personagens Originais, Priya, Rosalya, Violette
Tags Amor Doce, Collins, Drama, Joanamush, Max Irons, Nathaniel, Ricos, Sasha, Schoenberg
Visualizações 86
Palavras 1.529
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Então amores
Eu era para postar ontem mas algo aconteceu na minha familia algo muito triste mesmo e eu por respeito aquela pessoa eu não postei nada nem na sexta e no sábado porque eu me sentia mal assim, mas aqui está o capítulo, fiz questão de fazer um capítulo fofo porque os tristes vão chegar ainda. Prontas para chorar um pouco?
Muito obrigada pelos 25 favoritos amores nos 30 é a surpresa

Capítulo 6 - Capítulo Seis


Fanfic / Fanfiction Os Schoenberg's - Capítulo 6 - Capítulo Seis

Douglas- Ou deixar que ele tenha sua atenção ou não deixar. É simples. Você apenas vai ter de ouvir o que o seu coração está dizendo. O que ele está dizendo agora, Sasha?

Sasha- Que devo me afastar dele e me aproximar dela.

Douglas- E você realmente quer isso?

Sasha- Não quero que nenhum dos dois sofra por minha culpa.

Douglas- Nenhum dos dois certo?- Perguntou e eu assenti.- Mas e você? Você não vai sofrer por estar indo fazer isso? Não se vai machucar no fim de tudo isso?

Sasha- Não. Eu nunca me machuco.

Douglas- Você diz isso porque já se machucou muito na vida e não quer mais que isso aconteça. E se você levar essa decisão em frente vai acabar se machucando e machundo ele também.

Isso é estranho estar ouvindo isso de um Senhor que eu não conheço muito bem mas sinto que ele está correto em tudo o que diz, eu sinto que ele sabe perfeitamente o que diz eu confio nele e muito mesmo.

Sasha- Eu sei que posso me machucar no fim mas ele merece ser feliz.

Douglas- Ele?- Pergunta apontando para a porta.

Nathaniel- Sasha.- Chama entrando na sala, eu já disse que Douglas Schoenberg é vidente sim!



Sasha- Sim? Precisa de mim? É que agora estou limpando a sala, desculpe.

Nathaniel- Sim eu sempre vou precisar de você…quer dizer eu..as meninas precisam de você. Como você é a mais alta delas pode ajudar elas.

Sasha- No que elas precisam de minha ajuda?

Nathaniel- Limpar uma janela que fica em cima de uma estante qualquer que tem lá na cozinha.

Sasha- Eu não sei se consigo chegar a essa janela, Nathaniel.

Nathaniel- Elas pensam que consegue.

Sasha- Elas já tentaram?

Nathaniel- Sim já. Elas já tentaram mas nada aconteceu. Elas realmente não chegam aquela janela.

Sasha- Eu tive uma ideia que pode ajudar muito elas quando precisarem chegar a algo muito alto.

Nathaniel- O que?

Sasha- Uma cadeira.- Ri.- Elas pegam numa cadeira e sobem nela e podem perfeitamente limpar a janela.

Nathaniel- E acha que elas já não tentaram isso?

Sasha-Tentaram?

Nathaniel- Claro que sim mas não conseguiram chegar na mesma.

Sasha- Elas não são tão pequenas assim, Nathaniel.

Nathaniel- A janela é um pouco longe da estante também, Sa. Por favor venha comigo. Só você consegue chegar aquela janela.

Sasha- Tenho de usar cadeira mesmo assim.- Digo sem jeito olhando ele, primeiro dia de trabalho e já tenho de me submeter a este tipo de coisas, as aias mais baixas ficam em casa e as mais altas ficam no jardim é isso mesmo.

Nathaniel- E pode usar. Mas agora, você vem ou não vem comigo para ajudar Priya e Melody.

Sasha. Senhor Douglas?

Douglas- Pode ir, querida. Estarei aqui esperando você.

Sasha- Tudo bem então. Eu vou com você para ajudar elas.

Nathaniel- Obrigado. Venha.- Sorriu puxando minha mão mas que educação não se deve puxar a mão assim de uma garota mas ele é um Schoenberg pode fazer tudo o que quiser.

Vamos até a cozinha quero saber se essa janela é assim tão alta como dizem é apenas uma janela e podiam perfeitamente se esforçar um pouco mas também eu não perco nada em não ajudar elas, me aproximo delas e as olho é só uma janela não é nada demais, Nathaniel coloca um banco perto de mim e eu olho ele, um banco eu vou mesmo subir em um banco fino que pode me fazer cair a qualquer momento, se cair pelo menos que Priya e Melody me segurem eu não quero morrer antes de receber o dinheiro todo que mereço, subo no banco pela primeira estou insegura mas tenho de me lembrar do dinheiro, foca apenas no dinheiro que precisas, fico olhando elas esperando que alguma me dê as coisas de limpeza e Priya foi mais rápida e ainda bem, só de estar aqui em cima deste banco quase caindo me deixa inquieta mas eu não posso estar e sei disso perfeitamente também, começo a limpar a janela e ela não é tão alta assim como elas diziam, ela é alta sim mas com uma cadeira e com um pouco de esforço elas mesmas conseguiriam isso perfeitamente, limpo até ficar perfeito. Me viro para elas ainda em cima daquele banco que por sinal não parava de se mexer por nada me deixando ainda mais inquieta do que já estava, odeio quando isso acontece olho elas e as mesmas sorriem.

Sasha- Sim, de nada.- Digo olhando elas e banco se mexe mais uma vez.

Olho para baixo e vejo que uma perna do banco está quase se partindo como os Schoenberg’s tem um banco destes assim, tento sair do banco mas me desequilibro e a perna que se estava quase partindo parte de vez e eu não sei mais o que acontece, eu vou cair. Fecho meus olhos é agora que vou ter uma faixa branca que os médicos usavam antigamente na cabeça das pessoas que se machucavam, em vez de sentir o chão duro e gelado sinto umas mãos macias e geladas também, alguém me segurou, abro meus olhos para agradecer as meninas por isso mas em vez de ver elas, vejo uns olhos dourados preocupados e assustados, um nariz um pouco grande, um rosto com uma expressão assustada, confusa e preocupada, Nathaniel me apanhou ele na segurou na frente da namorada, eu estou em seus braços neste momento não literalmente ele não está me abraçando mesmo mas eu nunca senti ele assim tão perto de mim e ainda mais na frente da namorada, sua futura esposa, não podemos continuar assim, quando penso em me levantar Nathaniel é mais rápido e me levanta ele mesmo, quando ia dizer algo ele me abraça aflito como se precisa-se daquele simples abraço para continuar vivo não acredito que ele está fazendo isso o quão estranho isto é, preciso de respostas para todas as perguntas que ocupam muito a minha cabeça, não quero acreditar nisto.

Nathaniel- Por Deus. Você está bem. Está machucada? Se machucou? Sente algo? Alguma tontura? Precisa de parar um pouco? Você está mesmo bem, Sa?- Pergunta falando bastante rápido enquando me abraça ainda. olho com meu olhar perdido para as meninas e também parecem preocupadas,

Olho para Rosalya e ela está tão ou mais assustada que Nathaniel, ela realmente está preocupada comigo? Com a garota que o namorado dela está abraçando neste momento, eu quero muito entender essa garota, ela quer se aproximar de mim ou está apenas agindo assim pelo Nathaniel e por Priya e Melody. Quero respostas para minhas perguntas quero entender o que está acontecendo nesta casa, tem um casal que gosta de mim e eu não posso separar eles nem posso me aproximar dele, tem um avô vidente, ele não é psicólogo profissional ele é vidente, tem uma garota que todos dizem que ela não é simpática mas elas foi uma simpatia comigo, tem a bruxa e os pais dos gêmeos, não sei o que está acontecer mas as pessoas que conheci estão me tratando muito bem e eu sou uma Collins!

Nathaniel- Sa? Você está bem? Sa responda por favor.- Disse desesperando e eu finalmente sai-o de meus pensamentos e fico encarando Nathaniel.

Sasha- Sim, eu estou bem sim, não estou machucada nem sinto algo de mal, não preciso de parar não graças a você eu não preciso parar e estou mesmo bem. Muito obrigada, Nathaniel.

Nathaniel- Você está mesmo bem. Mesmo mesmo? Tem certeza que não precisa parar?

Sasha- Sim, tenho certeza sim. Eu vou continuar a limpar a sala Nathaniel. Se precisarem outra vez de mim podem me chamar. – Digo olhando Priya e Melody que assentem as duas ao mesmo tempo.- Obrigada mais uma vez, Nathaniel.- Digo olhando ele e apenas assente me olhando com um olhar completamente perdido.

Rosalya- Se não estiver bem por favor me diga.- Pediu e eu apenas assenti.

Saí da cozinha e cada vez que dava um passo a frase da Rosa passava em minha cabeça não era a frase completa e sim o fim da frase “por favor me diga” ela realmente está preocupada comigo, não posso acreditar que ela não me odeie, ela é tão diferente das outras garotas, normalmente uma garota ficaria com ciúmes e iria fazer de tudo para me demitirem mas ela é muito diferente, ela não parece ser uma pessoa assim, não mesmo.

Nathaniel- Sa, espere.- Pediu me seguindo e eu me virei em sua direção e logo a porta principal é aberta, que não seja a bruxa por favor, que não seja ela mesmo, a porta se abriu mais e revelou um homem de cabelo e olhos escuros, com um fatinho muito formal quem é ele. – Papai?- Pergunta confuso olhando o homem, o famoso Francis Schoenberg, meu tio emprestado então.

Francis- Olá Nathaniel. Sim eu voltei mais cedo desta vez. Desculpa não ter avisado ninguém antes mas queria fazer uma surpresa.

Nathaniel- Tudo bem pai.

Francis- Vejo que nada mudou aqui.- Riu e depois me olha, me arrumo e encaro ele não tenho medo do meu tio emprestado.- Quem é você garotinha?

Sasha- Eu já tenho dezoito anos.- Resmungo encarando ele e Nathaniel sorri.

Francis- Que bom. Já tem a idade adulta.- Riu.- Sou Francis Schoenberg.

Sasha- Sim eu sei quem o Senhor é.

Francis- Resmungona.- Sorriu.- Gostei de você, querida. Quem é ela, Nathaniel?

Nathaniel- Ela é Sasha, papai. A nova…

Francis- Sua nova namorada?- Sorriu maliciosamente, o que!?


Notas Finais


Foi metade metade mas está longo eu acho kk eu sei que voces gostam de capítulos longos. {Eu acho}
Francis chegou, podem odiar, gostar tanto faz e sim ele é o tio emprestado da Sasha mas isso já foi explicado em outro capítulo.
Comentem para eu saber o que acharam
Espero que gostem! 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...