1. Spirit Fanfics >
  2. Os sentimentos do garoto errado. >
  3. Perdidos?

História Os sentimentos do garoto errado. - Capítulo 12


Escrita por:


Notas do Autor


Mais um capítulo gente,espero que gostem❤ Beijos da Elly

Capítulo 12 - Perdidos?


Fanfic / Fanfiction Os sentimentos do garoto errado. - Capítulo 12 - Perdidos?


Elizabeth on

Ouço a porta bater e com isso me acordo.

-Ellie?-Pergunta Verônica batendo na porta devagar.

-Pode entrar Verônica.-Digo me setando na cama.

Ela entra no meu quarto e se senta do meu lado.

-Dormiu bem?-Pergunta ela.

Balanço a cabeça assentindo que sim.

-Bem,o café da manhã está quase pronto,vai arrumando sua mochila e se arrumando pra esperar o Meliodas tá?-Diz ela apertando minha bochecha e se levantando.

-Tá bem.-Digo alegre.

Me levanto da cama e vou ao guarda roupas de onde tiro algumas peças íntimas e as coisas que devo levar.

Vou ao banheiro onde tomo um banho demorado e logo depois começo a me vestir.

Vou até a cozinha e começo a tomar o café da manhã rapidinho. 

-Toma cuidado lá.-Diz Verônica cruzando os braços. 

-Nada poderia dar errado.-Digo me levantando a mesa e abraçando ela.

-Obrigada por tudo irmã.-Digo me separando do abraço e correndo pro banheiro pra escovar os dentes.

Verônica on

-Eu fico preocupada com isso Margaret.-Digo intrigada.

-Com ela passar duas noites fora ou o fato dela estar com Meliodas?-Pergunta Margaret enquanto lava a louça. 

Me escoro  o balcão ao lado dela e observo ela lavar as coisas.

-Os dois.-Falo.

-Eles se conhecem desde pequenos e você sabe que ele gosta muito da Elizabeth.-Diz Margaret.

-Mesmo assim,sabemos que ele é o tipo de cara que sempre atraí problemas e isso uma hora ou outra pode afetar a Ellie,por que ela é a única que não percebe como ele é?-Digo soltando um arfar de estresse.

-Talvez ela seja a única que o conhece além de todas essas coisas,deixa eles irem em paz,se você não confia nele confie na Elizabeth.-Diz ela.

-Tá bom,tá bom....mas imagino como vai ser depois que eu for morar com o Griamore,Elizabeth vai morar sozinha com Diane e não sei não viu.-Digo relembrando o quanto a Diane é intensa.

-Duas adolescentea sozinhas,como pode dar errado?-Diz Margaret rindo.

Verônica off

Meliodas on

-Namore muito viu!-Grita Merlin no meio da rua.

Continuo andando e fingindo não conhecer ela,meu Deus,Merlin.

Paro de frente a casa de Elizabeth onde a mesma já está me esperando. Ela está usando uma calça justa e bem colada que deixa a bunda dela enorme,que ressalta bem o tamanho e a forma,sua barriga está exposta enquanto seus seios ficam completamente desenhados pela blusa que ela está usando. As vezes me pergunto se isso é provocação proposital.

-Oi Elizabeth.-Digo olhando o corpo dela.

-Olha só,parece que foi tudo feito sob medida pra mim e olha que a Verônica comprou em cima da hora! Estou me achando bonita hoje,essa roupa fez minha auto estima subir.-Diz ela animada.

Se sua auto estima fosse a única a subir estava bom.

Ela segura minha mão e começa a caminhar me levando em direção a escola.

-Parece que lá é uma área livre e segura,então não deve ter nenhum perigo,nossa vai ser tão bom.-Diz ela completamente empolgada.

-Se anima um pouco vai Meliodas.-Diz ela me encarando.

Acho que já estou animadinho demais te vendo com essa roupa.

-Você parece uma criança no Natal. -Digo a encarando.

Ela mostra a língua e faz uma careta pra mim.

Ao chegarmos no pátio da escola ficamos esperando o ônibus e escutando o professor de Educação física dar dicas.

-Não percam o mapa! E mais inportante não se percam!-Diz ele.

-Fora da zona de segurança onde ocorre a floresta tem animais silvestres predadores.-Alerta ele.

Reviro os olhos pensando em como eu poderia estar dormindo agora. Volto meu olhar pra Elizabeth que presta atenção no que o professor fala. Ou poderia estar fazendo outras coisas....

Por fim entramos no ônibus e fico em pé esperando Elizabeth se sentar na janela.

Quando me sento ela tira o separador das poltronas e se aconchega colocando a cabeça no meu ombro e assim coloco a mão em volta dela.

Dormimos durante a viagem quase toda.

-Meliodas.-Escuto Elizabeth me chamando e então a olho.

Ela sorri pra mim e se senta na cadeira a fim de pegar as mochilas.

-O que tanto você trouxe?-Pergunto ajudando ela a puxar aquela mochila que pesava pra caramba.

-Comida,lanterna, tudo que era pedido na lista.-Diz ela pegando o mapa o qual guardou na mochila também. 

-Chegamos,desçam rapidinho e logo comecem a procurar os itens da lista,vocês tem até dois dias pra chegarem até o fim da corrida,divirtam-se e não façam nada errado!-Diz o professor saindo do ônibus e assim todos o seguem.

Coloco a mochila nas costas e pego na mão de Elizabeth a guiando pra fora do ônibus. 

-Olha como aqui é bonito.-Diz ela com seus olhos oceânicos brilhando.

Sorrio ao ver ela assim e quando ela me percebe também sorri.

-Olha Meliodas.-Diz ela apontando disfarçadamente pra um casal popular da escola. 

-Por que será que estão aqui?-Indaga ela curiosa.

-Acho que só uma desculpa pra se pegarem.-Digo olhando pra Deirere e Monspiet.

-A maioria vem pra cá pra isso.-Digo voltando o olhar pr Elizabeth. 

Bem que você e eu também poderíamos fazer isso.

-Vem.-Diz ela abrindo o mapa e seguindo o caminho das instruções. 

Colecionamos os itens e continuamos a entrar mais ainda na floresta.

-Meliodas....acho que você deveria ter ficado com o mapa.-Diz ela olhando pro chão. 

-Estamos perdidos?-Pergunto cruzando os braços. 

-Eu não diria assim é que....-Diz ela voltando o olhar pra mim.

Ergo a sobrancelha a fim e a fazer confessar. 

-Sim.-Diz ela.

Pego o mapa e tento ver onde estamos.

-Isso não serve.-Digo rasgando o mapa depois de me irritar e o jogando fora.

-N-Não.-Diz ela tentando pegar o mapa falhamente.

-Daqui a pouco vai anoitecer e certamente não estamos na zona desse mapa.-Digo argumentando.

-E o que vamos fazer,aqui tem animais tipo ursos,lobos ou sei lá....-Diz ela se assustando.

-Tá de boa.-Digo caminhando até perto de um rio.

-O que vai fazer?-Pergunta ela me olhando. 

-Tomar banho,fazer uma fogueira e dormir até alguém achar a gente.-Digo olhando pra ela.

-Ah.-Responde ela sem parar de me olhar. 

-Você vai ficar me olhando trocar de roupa?-Pergunto com uma expressão séria. 

-Q-Que n-não,desculpa.-Diz ela com o rosto ficando vermelho e por fim virando de costas.

Começo a rir sem parar.

-Não se preocupa mulher,eu vou tirar só a blusa,eu tbritavancando.-Digo ainda rindo.

-N-Não tem graça.-Diz ela ainda tímida. 

Coloco a mochila no chão e começo a pegar alguns gravetos e ela me ajuda a fazer uma fogueira.

-Eu fiza gente se perder.-Diz ela se sentando no chão.

-Não fica assim,eu também nem te ajudei.-Digo sentando do lado dela.

-Você vai tomar banho?-Pergunta ela voltando o olhar pra mim.

-Você tá bem abusadinha hoje né Elizabeth,meu corpo não pode se expor assim,você pode se apaixonar com tanta beleza.-Digo brincando. 

-Eu não....é só que...-Diz ela envergonhada e fazendo que não com a cabeça. 

-Está ficando frio...-Diz ela se encolhendo.

Ela sempre foi frienta e quanto mais for anoitecendo mais frio vai fazer. 

Escutamos um barulho vindo de uma moita e isso a assusta.

-Meliodas?-Diz ela se levantando assustada.

-Calma Elizabeth eu te protejo. -Digo colocando a mão na bunda dela.

-Tem alguma coisa apertando minha bunda.-Diz ela mais assustada.

-Sou eu.-Digo sem a olhar.

-Ai que bom!-Diz ela mais tranquila.

Um coelho sai da moita.

-Era só um coelhinho,mas perai,bom como Elizaneth?-Pergunto a olhando com malícia. 

-Não eu não quis dizer que é bom é que...-Diz ela corando enquanto me olha.

-Então você não gosta quando eu te toco?-Pergunto a olhando sem tirar a mão da bunda dela.

-Eu gosto mas é que aaaaa.-Diz ela confusa.

-Você gosta é?-Digo me levantando e a puxando pra mais perto.

Ela cerra os olhos com o rosto completamente vermelho. 

-Vou parar de mecher com você antes que você exploda de tão vermelha.-Digo tirando a mão da bunda dela.

Me afasto mais dela um pouco e começo a baixar o zíper do casaco que estava usando.

-O que vai fazer?-Pergunta ela me olhando.

-Tirar a roupa,você vai ficar com frio a medida que for anoitecendo então é melhor você ficar com isso.-Digo a olhando. 

-Seu desejo está para ser realizado.-Digo zoando.

-Para de me provocar.-Diz ela corando mais ainda.

Quem me dera fosse você tirando.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...