1. Spirit Fanfics >
  2. Percebi que te amava (Taekook-Vkook) >
  3. Cap 10

História Percebi que te amava (Taekook-Vkook) - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpa a demora rsrs

BOA LEITURAAA❤

Capítulo 11 - Cap 10


Fanfic / Fanfiction Percebi que te amava (Taekook-Vkook) - Capítulo 11 - Cap 10






Pov's Jungkook

Anteriormente...


- Você nao lembra de mim Kook sou eu a Irene. - ela falou e nessa hora eu a reconheci.
- Meu deus Irene, ja fazem 3 anos que eu nao te vejo. - falei surpreso, caramba fazia muito tempo que ela tinha ido embora.
- Bom desculpa ter ido embora daquele jeito, mas agora eu voltei.
- Muita coisa numa noite só, bom preciso ir até depois, tchau. - me despedi e ela foi pra sua casa e eu pra minha.

Irene era uma antiga "amiga" minha, os meninos nunca gostaram dela, ela foi estudar nos EUA, e antes de perceber que eu gostava só de homens eu meio que namorava ela, mas a gente terminou por ela ser muito possessiva e ter muito preconceito e também por umas coisas que ela fez e que até hoje eu ainda não acredito e o irmão mais velho ajudou ela mano eu nao sei o que levou ela a fazer aquilo mas ela fez, pouco tempo depois ela foi estudar nos EUA. Ela tinha dois irmãos, o mais velho JB que pelo que eu soube se envolveu em coisas ai e mataram ele, então agora são só ela a Jennie sua irmã mais nova e o Appa delas. 

Fui pra casa pensando em tudo o que tinha acontecido naquele tempo e isso me deixou arrepiado, lembrar do passado é uma coisa horrível. Cheguei em casa tomei um banho quente troquei a roupa, fiquei algumas horas no celular falando com os meninos, vendo postagens nas redes sociais até que o sono veio e finalmente fui dormir.


⏰🔨 Q.D.T.⏰🔨


Acordei com a porcaria do despertador tocando sem parar, desliguei ele e levantei indo fazer minhas higienes. Tomei banho, escovei os dentes, sequei o cabelo e desci pra comer alguma coisa, peguei algumas torradas e um Toddynho, terminei o meu café da manhã e fui pra escola. Caminhando até la eu fiquei pensando no que aconteceu ontem, ela voltou mesmo mano, o que ela veio fazer aqui ela tava nos Estados Unidos, ela sempre quis ir pra lá e morar lá. Fiquei tanto tempo pensando nisso que nem percebi mas ja havia chegado na escola, fui em direção a minha sala e me sentei no lugar de sempre mas ainda continuei pesando no que aconteceu aquele dia e mais uma vez nem percebi que os meninos ja estavam ali e o professor também. Acho que tô pensando de mais nela...


- Bom alunos, teremos uma aluna nova hoje.- o professor falou aquilo e eu estava implorando ao meu santo G-dragon para que nao fosse a Irene, mais acho que o universo esta contra mim hoje. - Bom pode se apresntar a turma.
- Oi gente, meu nome é Bae Joo-hyun mas me chamam de Irene, já estudei aqui porém fui morar fora por um tempo mas agora voltei - ela falou isso e olhou na minha direção e sorriu. Eu tentei olhar pra algum outro lugar e percebi que tinha um lugar vago na minha frente, meu deus. - então espero que gostem de mim
- Bom senhorita Irene sente-se ali perto do... - antes do professor terminar de falar o Kim pede licença - Pode entrar Taehyung - ele entra na sala e eu nunca fiquei feliz em vê-lo percebi que ele tava passando por mim para ir sentar com os seus amigos mas fui mais rápido e eu o puxei e o fiz sentar na cadeira vazia a minha frente. - Bom Irene sente-se ali perto do Jimin. - ele disse e assim ela fez.
- Mais que merda Jungkook por que tu me puxou? - o Kim pergunta bravinho. Nunca tinha percebido mas até que ele é fofinho com raiva, ele faz um biquinho que meu deus que fofura. Para com isso Jungkook é sobre o Kim que você ta falando.
- Só cala a boca e fica ai Kim. - Falei e ele virou pra frente e assim ficou até o horario do intervalo.
Sai da sala com os meninos e fomos em direção ao refeitório sentando na mesma mesa de sempre. Ficamos falabdo sobre a Irene, sobre ela ter voltado até que o jin e seus amigos se juntam a nós.
- Oi amor - Jin fala e dá um selinho no seu namorado. - Oi gente.
- Oi - eu e os meninos falamos em uníssono.
-Oi kook - Irene falou chegando e sentando ao meu lado me abraçando. Revirei os olhos com tal ato
-Oi Irene, quanto tempo - Jackson se pronúncia.
- Oi Jack você o Suga e o Jhope eu já estava acostumada por serem gostoso mais poxa Namjoon você ta muito gostoso mano, se eu não fosse do Kook eu pegava. - o Jin olhou pra ela com uma cara nada boa, ja tô vendo que tem mais pessoas na lista que nao gostam dela. Eu iria falar algo mas o sinal toca e somos obrigados a voltar então ficamos eu e Irene andando lado a lado.
- Irene, lembra que quando você foi embora eu tinha dúvidas sobre minha sexualidade? - falei e ela assentiu com a cabeça.
-Calma Kook agora eu tô aqui nao precisa ter mais duvidas.
- Então, eu sou gay Irene, nao sinto atração nenhuma por mulheres, nao vou poder te dar o que quer de mim. - falei simples e ela me repreendeu.
- Isso é só uma fase Kook, você ta assim porque eu fui embora, mas agora eu voltei tá. - entramos na sala eu iria falar so que mais uma vez fui interrompido, só que agora pelo professor mandando todos irem para os seus lugares.


Essa três ultimas aulas eu passei dormindo, eu simplesmente abaixei a cabeça e dormi, acordei por Irene me chamando pra irmos embora. Eu olhei ao redor e vi que ja nao tinha mais ninguem na sala.

- Vamos Kook - ela me chama ja me puxando em direção a saída. 

Estamos conversado/discutindo sobre eu dizer a ela que sou Gay e ela falando que isso é por que ela foi embora ou que ia me fazer mudar, eu já havia falado varias e varias vezes que eu nao iria poder ficar com ela mas ela parecia nao entender.
- Irene por favor, entenda eu nao posso ficar com você, nao seria justo já que eu nao iria servir para nada, eu sou gay Irene não tente se convencer do contrário.
- Você nao é Kook, você me ama eu sei, você fala isso por que ta magoado por eu ter ido embora daquele jeito, eu sei. - ela fala e tenta me beijar
- Nao Irene, eu ja nao sentia mais nada por você quando você foi pros EUA. - falei meio angustiado, eu nao queria magoa-la.
- Você nao é Kook eu sei que não, eu sinto isso. - ela fala e nessa hora eu ja havia perdido a paciência, eu ja havia falado varias vezes que era GAY, meu deus o que essa garota quer... e em questão de segundos veio uma ideia completamente idiota na minha cabeça.
- Eu sou Gay Irene, olha só - Eu me virei e puxei o primeiro garoto que vi na minha frente, sem nem prestar atenção em quem era. 

No começo era apenas um selinho, mas pedi passagem com a língua e o mesmo demorou mas com um certo receio ele acabou cedendo e então começando um ósculo lento onde nossas línguas se moviam em uma completa sincronização e esploravam cada canto da boca um do outro e caralho aquele com certeza era o melhor beijo da minha vida, mais tudo o que é bom uma hora acaba certo, a falta de ar se fez presente e separamos nossas bocas com direito aos três selinhos no final e colamos nossas testa em sinal de cansaço e finalmente quando eu fui ver quem era o garoto dono do melhor beijo, era ele ....................





Termina um suspense chega o outro rsrs.






Notas Finais


Até o proximo capitulo 😁😁😁


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...