História Rebelde - 4 Temporada - Capítulo 86


Escrita por:

Postado
Categorias Rebelde, Rebelde (RBD)
Personagens Alfonso Herrera, Anahí, Christian Chavez, Christopher Uckermann, Diego Bustamante, Dulce Maria, Guadalupe "Lupita" Fernández, João "Giovanni" Méndez López, Mia Colucci Cárceres, Miguel Arango Cervera, Roberta Alexandra Maria Pardo Rey
Tags Anahi, Diego Bustamante, Dulce Maria, Giovanne Mendez Lopes, Lupita Fernández, Mia Colucci, Miguel Arango, Poncho Herrera, Rbd, Rebelde, Roberta Pardo
Visualizações 20
Palavras 1.519
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 86 - Episódio 86



Miguel não havia dormido a noite toda pensando em tudo sobre a Mel, inclusive, reativou as redes sociais que tinha, para poder olhar as redes da Mia.

Ele passou a madrugada toda na sala olhando tudo, desde o perfil do Twitter, ao Facebook, porém ela não era tão ativa nessas redes sociais. Mia usava mais o Instagram, ele olha todas as fotos que ela tinha com a Mel, e fazia careta pras fotos do Antônio.

Miguel: mas que sujeito mais feio. Essa Mia tem mal gosto, eca!

Ele até mesmo chega a salvar algumas fotos da Mel no celular.

Pela manhã, Roberta ainda estava dormindo com Diego no quarto, até que ela abre os olhos e vê Diego ao seu lado, ela então olha para o outro lado e vê o relógio marcando 8:37.

Roberta beijo Diego na testa.

Roberta: hei, tá na hora de acordar.

Diego abre os olhos e fecha novamente.

Diego: mais meia hora só..

Roberta: para de ser preguiçoso, acorda. - ela então o agarra colocando a cabeça dele em seu peito e o beijo nos cabelos.

Diego: isso, fica ai. Sai não, me deixa dormir aqui.

Roberta: besta! Vou pegar uma água e já volto. Você quer?

Diego: quero não.

Roberta: tá bem, já volto.

Ela então coloca um roupão, e vai até a cozinha, quando chega até a sala se depara com Miguel no sofá.

Roberta: acordado a essa hora?

Miguel: não dormi.

Roberta: e o que ficou fazendo?

Miguel mostra o celular, uma foto da Mel.

Miguel: tem bastante coisa aqui, aniversário dela, ela brincando. Tem Tudo.

Roberta o olha e respira fundo.

Miguel: o que mais me dói, e ver as fotos do Instagram em que os três estão juntos, e ele é chamado de pai.

Roberta: não sei se te conforta mas.. alguns fãs fazem montagens tirando o rosto do Antônio e colocando o seu fazendo vocês serem uma família hahaha.

Miguel sorri.

Miguel: não digo isso por querer ser casado com ela, apenas porque me foi tomado o lugar de pai.

Como ela teve coragem de tirar isso de mim? Ela não tinha o direito. - uma lágrima escorre do rosto dele, Roberta vai até ele, limpa.

Roberta: não chora, olha, eu não sei o porquê disso, não deve ter uma justificativa boa pra isso também. Só o que podemos fazer é ir atrás de alguma explicação.

Miguel: ela vai ter que me dar uma explicação muito boa pra eu não levar a minha filha daqueles dois loucos.

Roberta: se você chegar assim na Mia não vai resolver nada.

Miguel: vamos ver se não vou.

Mia também não havia dormido, primeiro porque não conseguia mais dormir ao lado de Antônio, e segundo porque estava aflita e desesperada. Tanto que no meio da noite, se levantou e foi se deitar com a Mel. E logo pela manhã, quando estava quase dormindo, lhe vem um estalo na mente.

Flashback

Roberta: o Giovanni ouviu.

Mia: rs o Giovanni ouviu.. o que mais vocês estão inventando?

Roberta: o Giovanni estava escondido no quarto com a sua sogra, aquele caso estranho que os dois têm. Antônio entrou lá e o Giovanni ouviu da própria boca do Antônio, ele contando que a Mel é filha do Miguel.

Mia rapidamente abre os olhos.

Mia: o Giovanni sabe.. meu Deus!

Ela olha para o lado para ver se não acordou a filha.

Mia: "logo o fofoqueiro do Giovanni! Se ele contar pro Miguel, já era tudo!"

Ela então se levanta, pega o celular, sai do quarto, vai até o quarto que Antônio estava, abre a porta devagar para se certificar que ele estava dormindo ou não, e vê que o mesmo ainda dormia.

Então Mia vai até a sala de estar,

Pega o celular, vai até a agenda e liga para Giovanni, porém o celular do rapaz apenas tocava.

Mia: mas que droga!

Ela tenta de novo, mas sem sucesso.

Mia: droga, eu tenho que dar muita sorte do Giovanni não ter falado isso pro Miguel, a Roberta eu sei que não vai dizer, mas o Giovanni...

Ela liga de novo e nada.

Mia: mas que droga!

Ela então vai ao quarto novamente, e silenciosamente pega uma roupa, sai do quarto, se veste vai até o quarto novamente e pega a chave do carro de Antonio. Ela desce até a garagem, entra no carro e sai da casa de seu pai direto para a casa de Giovanni.

Chegando até o local, ela desce do carro, tenta ligar mais uma vez para ele, mas sem sucesso. Então ela olha pela fresta do portão e vê que o carro dele estava lá.

Mia: ele não deve ter saído de casa.

Então ela toca a campainha.

Giovanni dormia a ponto de roncar, e seu celular estava na sala, por isso não ouviu as ligações.

Mia tocava a campainha sem parar, até que Giovanni assustado acaba acordando.

Giovanni: meu Deus, quem será o desesperado que veio aqui a essa hora? - ele olha pelo quarto - deve ser a pervertida da Aurora haha então se levanta e olha pela janela, e vê Mia tocando a campainha lá embaixo.

Giovanni: meu Deus, é a Mia! O que eu faço? Mas que droga.

Ele então coloca uma calça e corre para a sala de estar, procurar o celular.

Mia: GIOVANNI, EU SEI QUE VOCÊ TA AI!!!

Giovanni: mas que droga. - ele pega o celular e liga para Roberta.

Roberta atende.

Roberta: Oi, Giovanni. O que foi?

Giovanni: Roberta, a Mia tá aqui!

Roberta: a Mia tá aí?

Miguel na mesma hora olha para ela.

Roberta percebe que tinha feito coisa errada.

Roberta: Miguel, não!

Miguel apenas se levanta, coloca o tênis e sai andando.

Roberta: merda! Giovanni, faz a Mia ir embora daí agora! O Miguel tá indo pra aí.

Giovanni: meu santo pai. Tá bem eu vou ver o que eu faço.

Miguel vai até o quarto do Diego.

Miguel: Diego, vou usar a Lamborghini.

Diego: a chave tá ali no chaveiro, cara. Vai pra onde?

Miguel: até a casa do Giovanni.

Diego: Giovani? Essa hora da manhã? Fazer o que?

Roberta entra no quarto, enquanto Miguel saia com a chave.

Roberta: você deu a chave de algum dos carros pra ele?

Diego: sim, ele pediu, disse que ia na casa do Giovanni e...

Roberta: mas que droga! A mia tá na casa do Giovanni!

Diego: merda! - ele rapidamente sai da cama e corre até a garagem, o portão estava aberto e Miguel acabava de sair com a Lamborghini.

Diego: porra!

Roberta: eu vou acordar o Pabllo, vamos atrás dele.

Diego: isso vai dar muito ruim!

Mia batia insistentemente no portão até que Giovanni abre.

Giovanni: NÃO TEM NINGUÉM EM CASA! - ele fecha novamente.

Mia: Giovanni, abre. Para de palhaçada. Eu preciso conversar com você.

Giovanni: Mia eu não posso abrir, eu tô com... Eu tô com sarampo! Se você entrar você vai se contaminar.

Mia: "maldito mentiroso filho da mãe" - Giovanni, é urgente. É sobre a Aurora, eu vi ela com outro rapaz, e vim correndo te contar...

Giovanni rapidamente abre o portão.

Giovanni: o que? Ela está com outro?

Mia invade a casa dele.

Mia: sarampo nada, seu mentiroso!

Eu quero falar com você, e é muito sério!

Giovanni: eu não acredito que eu cai nessa! Mia por favor, vai embora, eu não posso ficar com você aqui.. por favor. Outra hora a gente conversa.

Mia: não, vai ser agora, Giovanni!

Giovanni: Mia, você não entende, eu não posso ficar com você aqui, você precisa ir, vai ser melhor pra você e..

Mia: que história é essa que você está espalhando por aí que a Mel é filha do Miguel heim? Aquilo tudo era uma brincadeira, era uma peça que Antônio estava pregando na mãe dele! Será que você não entende? E ainda sai contando pra todo mundo. O que você tem na cabeça heim? Você quer estragar meu casamento?

Giovanni: Mia, vai embora, agora, eu tô falando sério, eu falo com você mais tarde.

Mia: eu só vou sair daqui quando você me disser porque está fazendo isso e...

Giovanni: Mia, Mia! O Miguel, ele tá vindo pra cá.

Mia para na hora.

Mia: M-Miguel tá vindo pra cá?

Giovanni: ele já sabe da Mel. Vai embora agora, ou você vai dar de cara com ele aqui.

Mia: aí meu Deus... - seus olhos se enchem de lágrimas enquanto Giovanni olhava sério pra ela - e-ele sabe da Mel? - para ela nem importava mais saber se Giovanni sabia ou não a verdade. Ela estava muito assustada.

Giovanni: ele sabe.

Mia começa a querer bater em Giovanni, e começa a chorar.

Mia: eu não acredito, seu fofoqueiro de uma figa, desgraçado, o que foi que você fez!? Você vai acabar

comigo Giovanni, vai acabar comigo!

Giovanni: Mia, não foi eu que contei, ele acabou descobrindo sozinho e.. mas que droga, vem eu vou levar você embora daqui agora antes que ele chegue.

Mia: meu Deus, ele vai... Ele vai querer levar a Mel de mim e..

Giovanni: Mia, rápido, vem logo!

Os dois vão até o portão novamente, e quando Giovanni abre o portão acaba dando de cara com Miguel, pronto para tocar a campainha.

Miguel: oi, Mia.

Enquanto olhava para os dois.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...