História Samui One Night - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Lucy Heartfilia, Natsu Dragneel
Tags Nalu Romance
Visualizações 38
Palavras 1.612
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpa por ter demorado.

Eu não coloquei os nomes quando vão falar algo em negrito porque eu queria postar logo esse capítulo.

Desculpem também os erros ortográficos.

Boa leitura.

Capítulo 7 - Sumir


Fanfic / Fanfiction Samui One Night - Capítulo 7 - Sumir

Estou num cômodo muito conhecido por mim, ou melhor dizendo, é a minha antiga casa… 


"De novo esse bendito sonho? Que pecado eu cometi para que isso acontecesse? Quando vou parar de me lembrar? Não aguento mais isso!! Quero morrer nem que for no suicídio!! Não importa mais nada! Pois as pessoas que morrem e nós amamos não vão voltar!"


Ouço passos que parece de um salto alto, minha mãe usava salto mesmo em casa… não… não… não me diga que é ela… não pode ser!!!! Não pode quero sair daqui alguém me ajude!!! Ou vou enlouquecer!!!


Me levanto de minha antiga cama e vou para o corredor… lá está ela… comecei a chorar minha MÃE está na minha frente coisa que não é possível!


Mãe: Juvia como você está?- disse se aproximando.


Juvia: Estou bem minha mãe, mas como você…- ela me interrompe


Mãe: Muito bom está conseguindo se virar sem mim, como está a Levy? O Jellal? O Happy? Mystogan? Sieg? Como eles estão?- me pergunta animada.


Juvia: Eles estão bem, a Levy ela está comprometida com o Jackal Ashley mas ela não está feliz… pois na verdade quem devia ser noiva dele sou eu, Sieg e o Mystogan estão solteiros como sempre… Jellal está noivo da Erza Scarlet, o Happy ele está bem.- digo me soltando do abraço.


Mãe: A Levy está infeliz?- pergunta.


Juvia: Suspeito que sim porque ela ama outro homem.


Mãe: Não tem jeito de fazer com que você nem a Levy sejam noiva desse tal de Jackal?


Juvia: Não por que o pai fez um contrato que faz com que eu ou a Levy se case com ele.


Mãe: Ele não me falou nada disso! Argh!! Nossa olha as horas preciso ir minha filha, haja o que houver eu vou cuidar do seu destino- ela sorriu.


Juvia: Como assim?


Mãe: Tchal minha filha, até algum dia.


Juvia: MÃEEEEEEE!!!!!!!!


Sonho'Off 


Acordei gritando e a Levy em cima de mim.


Levy: Bom dia Juvia, como você está?


Juvia: Levy? O que você está fazendo aqui?! Você não devia estar experimentando o vestido de noiva?


Levy: Você sabe que não quero me casar com ele, mas não tenho escolha.


Juvia: Coff coff… droga fiquei doente.


Levy: Com o que você estava sonhando? Você gritou que nem um bezerro dando a luz- reviro os olhos com o comentário.


Juvia: Sonhei com a nossa mãe- digo entediada


Levy: E o que ela disse?- pergunta meio entediada.


Juvia: Ela ficou meio indignada por nosso pai ter feito um contrato pelas costas dela- respondo com uma certa esperança mas discreta.


Levy: Entendo, você não vai pra o colégio?


Juvia: Sim-respondo me levantando "sendo que meu físico não está bem mas tenho que ter altas notas, pois… meu tio não me perdoaria se não estiver com nota considerável a ele".


Levy: Vamos eu te levo de carro para o colégio.


Juvia: Ok só deixe eu me trocar.


Levy: Ok estou te esperando lá em baixo.


~~~~Quebra De Tempo~~~~ 


Aqui estou eu na escola e estou sem força e com sono, mas eu não posso baixar a guarda mesmo que eu esteja morrendo de vontade de ficar dormindo mesmo que seja na sala de aula, mas como eu sou "perseguida" eu seria dedurada por alguém no mesmo instante em que eu por a cabeça na mesa- aff não tinha como me deixar em paz? E tão ridículo, não tem nenhum sentido fazer bulling só porque e diferente e ponto- pensei.


Agora tocou o sinal para a segunda aula que e de geografia e eu odeio essa matéria, não tem muito sentido colocar muito assunto no mesmo, eu não me importaria ir para fora por causa desse professor, mas como a vida e muito injusta e me odeia não iria contra esse professor, pois tem rumores muito estranho dele.


Eu gostaria de não ser o alvo dele essa aula.


Professor: Senhorita Lockser, pode resolver essa questão?- se pronunciou e eu me assustei mas eu não mostrei em minha expressão, logo olhei para o quadro negro.


Juvia: Sim- digo fazendo pouco caso.


No caminho para o quadro negro senti tontura mas não demonstrei maos uma vez, eu resolvi a questão que e muito fácil por sinal.


Professor: Está correto pode se sentar, eu preciso falar com o professor Brain.- disse se retirando da sala.


Na minha sincera opinião não precisava nem dizer isso, no caminho para o meu lugar um filho de uma mal educada mãe colocou o pé na frente de propósito pra mim cair, e foi o que aconteceu.


???: Haha nerd besta- um garoto disse para uma garota.


E todos da sala riram, riram por eu ser uma nerd, riram por eu ser diferente, odeio isso… tratei de me levantar e erguer a cabeça pois eu não fiz nada de errado, sentei me na cadeira.


O pior e que… acho que não vou aguentar até o final do dia, além disso preciso trabalhar hoje é o dia que está mais cheio… e hoje que vou falecer, devia ter ficado em casa até o horário do meu turno.


Vou matar aula 


Ninguém terá falta de Juvia mesmo


Que diferença faria? Agora o sinal tocou e Juvia saiu de fininho e silenciosa, estou fora do colégio  e agora não tem ninguém para me encher, estou indo para minha casa e quando a Juvia vai atravessar um carro quase atropela a Juvia. 


Juvia: EI!!!- Juvia berra e quando olho para o motorista…


Gray: TOME MAIS-JUVIA?!!!- e eu fico tonta e tudo ficou escuro.


Juvia'Off


Gray'On


Meu Deus!! Eu quase atropelo a Juvia se a Levy visse isso ela me mataria na hora, mas o que a Juvia está fazendo fora da aula? Enfim corro ate onde está e a pego no colo, e vejo que ela está pelando de febre e a única coisa que me passou pela cabeça era levar Juvia no hospital aqui perto.


Peguei a no colo  e a coloquei no banco de trás do carro, e liguei para a Levy ela atende depois de 3 chamadas.


Ligação'On 


Gray: Bom dia Levy, mas não tenho boas notícias para você.- digo sério.


Levy: Bom dia e por que você parece tão preocupado?- pergunta me com tom de raiva?


Gray: Sua irmã, a Juvia está com febre alta e estou a levando para o hospital- digo tentando não a fazer-


Levy: COMO ASSIM GRAY FULLBUSTER!!!!?? E COMO VOCÊ CONHECE MINHA IRMÃ!??-berrou no celular e quase sofri um acidente.


Gray: TA MALUCA LEVY!!?? QUASE SOFREMOS UM ACIDENTE!!!!- berro no celular também, affs mulher escândalosa.


Levy: Desculpa, em qual hospital você está indo?


Gray: Para o Hospital Edolas.


Levy: Ok em 40 minutos estou lá.


Ligação'Off 


Eita Juvia, nem pra você não dizer a Levy que não iria para o colégio, o pior e que tenho que estar lá na porta do prédio da empresa daqui a pouco para receber a Senhorita Heartfilia.


Chego no hospital e pego a Juvia no colo e entro no mesmo pedindo ajuda, duas enfermeiras e um médico veio a socorrer.


20 minutos depois Levy chegou com o Gajeel.


Levy: Como está a minha irmã?


Gray: Ela está passando por uns exames.


Gajeel: Como vocês se conheceram?


Levy: Verdade como você conheceu minha irmã?


Gray: Ta ontem…- contei como a conheci ontem a noite, e a Levy parece que ficou feliz- e foi assim que a conheci- terminei de contar.


Levy: Quero que você e ela fiquem juntos!!!- disse com os olhos com corações.


Gray: Levy ta doida? Sua irmã é menor de idade, eu sou muito velho para ela.- digo indignado.


Gajeel: Não chame a minha baixinha assim Gray- reviro os olhos.


Levy: EU NÃO ESTOU DOIDA!!!!-berrou, e nesse momento tive a confirmação que ela não é doida, ela é MALUCA.


Gray: Eu já vou indo pois tenho que ir para a empresa pois teremos a visita "dela"- dei ênfase no "dela" pois assim eles iriam saber facinho.


Gajeel: ELA?!!-ele se toca que falou muito alto ai eu penso " PARA DE GRITAREM CARALHO!! A PORRA DOS MEUS OUVIDOS E SENSÍVEL!!!!"- mas não está cedo demais?- pergunta com a feição preocupada.


Gray: Não acho que até que está meio tarde, e eu tenho que ir trabalhar e até mais- eu me aproximo da entrada- Levy, não se preocupe eu já paguei a conta do hospital e qualquer coisa deixe por minha conta.


Assim que eu sai do hospital eu fui correndo para o carro e acelerei para a empresa, ainda bem que deu tempo para eu chegar antes dela.


Juvia'On 


Juvia acorda e abre os olhos lentamente e lembra que antes de desmaiar tinha me encontrado com o Gray-Sama, e que ele quase me atropelou… que saco eu quase fui atropelada, mas ele parou a tempo e estou bem melhor que antes, hoje vou poder trabalhar tranquilamente só que se eu estou no hospital, quer dizer que a Levy soube que eu matei aula, ela vai reclamar.


~~~~Quebra de Tempo~~~~ 


Depois que recebi as broncas da Levy me deram alta, e quando chegamos em casa eu e a Levy discutimos sobre eu ir para o trabalho ou não, e eu como sou teimosa fui do mesmo jeito pois não estou com vontade de ficar em casa e agora estou indo para o trabalho a pé mesmo e quando eu for voltar vai ser a mesma coisa também.


Ser recepcionista não é fácil tanto que e quase impossível aguentar os clientes tarados que deixam bilhetinhos para mim, eu simplesmente ignoro isso e o meu patrão fala para deixar pois eles vão voltar só para "me ver", aff isso e um saco.


Não tem nada de interessante, mas hoje está cheio como previsto aff… esses ricos não tem mais o que fazer não? Tanto faz eu vou receber mesmo, só não admito tarado para cima de mim.













To me sentindo tonta…












Essa não… vou desmaiar…












Não posso desmaiar…












Não quero preocupa los…












Tenho que ser forte…












Mas parece impossível, por isso me odeio não tem como eu ir em frente… não consigo ser mais forte, por isso quando for amanhã e também aniversário do Gajeel…










Não aguento mais…











Eu irei sumir… Sem mais Sem menos…











Continua…




Notas Finais


Desculpe mais uma vez por ter demorado tanto para postar e não tive tempo e nem net.

Desculpe mais uma vez por eu ser um ser humano não muito sociável.

E ai gostaram do capítulo? O que será que aconteceu para a Juvia ficar desse jeito? Essa nem eu sei…

Eu disse aquilo no 1° capítulo mas vocês podem comentar se quiserem não tem problema ok?

Se tiverem alguma sugestão para o próximo capítulo pode me falar Tá? To meio sem criatividade.

Sintam se a vontade ok?

Bom é isso e obrigado por lerem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...