História Simplesmente não faz sentido ! - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Lynn, Melody, Nathaniel, Rosalya
Tags Castiel X Nathaniel, Castnath, Yaoi
Visualizações 183
Palavras 685
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Comédia, Ficção Adolescente, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - Colocando lenha na fogueira


Fanfic / Fanfiction Simplesmente não faz sentido ! - Capítulo 5 - Colocando lenha na fogueira

Nathaniel: Você acredita mesmo nisso ? Além de corno você é iludido, que ótimo !

Castiel: Você acha... espera de que merda você me chamou ?

Nathaniel: Oh quer que eu repita ? Corno, chifrudo, cornudo, cornaça, galhudo, cabrão, guampudo...

Melody: Nathaniel calma...

Castiel: Olha aqui seu arrombado do caralho se tá com vontade de conseguir mais marcas e só continuar falando isso !

Melody: Castiel você pode acabar...

Castiel me puxa pela gola da minha camiseta assim me aproximando de seu rosto, e diante de seu olhar obviamente irritado eu apenas consigo fazer uma cara de desentendido e sorrio ligeiramente.

Nathaniel: O que foi C-a-s-t-i-e-l ? Você quer que eu não retruque ? Vá se ferrar

Castiel: Filho da...

Melody: GAROTOS !

Eu e Castiel olhamos para Melody que está claramente nervosa

Melody: Eu já entendi que não se pode evitar que vocês briguem mas vocês podem fazer isso outra hora e em outro lugar ?! Se vocês brigarem aqui isso seria ruim para os dois !

Eu e Castiel nos olhamos, o que Melody disse é verdade, se nós brigassemos iriamos receber uma suspensão e isso não é agradável para ninguém, já que além do tédio de ouvir sobre matérias que já entendi eu teria que ficar na companhia de Castiel sendo que é óbvio que ele também não quer passar mais tempo comigo. Castiel solta minha camisa e se sentou em uma das cadeiras.

Castiel: Arg ! Vamos acabar logo com isso.

E então Castiel pega as advertências que em algum momento colocou encima da mesa e uma caneta, enquanto ele anotava eu resolvi ver as perguntas enviadas pelos alunos que eram referentes a prática dos protocolos do colégio. Eu acabei me distraindo enquanto lia e demorei um pouco para perceber que Castiel me encarava e no momento que encarei ele de volta eu pude sentir novamente a sensação "maravilhosa" de que cacos de vidro rasgaram meus pulmões de dentro para fora e que o ar está cada vez mais rarefeito, obviamente está doendo mas eu faço o possível para não transparecer minha dor e volto a ler as perguntas ignorando o pensamento que diz que a cada vez que vejo esse babaca parece que ele tem menos controle de seus hormônios.

Melody: Ai meu deus Nathaniel ! Você está bem ?

Nathaniel: Sim, porque pergunta isso ?

Melody: Seu nariz...

Inicialmente não consigo entender do que Melody está falando mais ao tocar um pouco a baixo do meu nariz percebo que está levemente molhado e quando meu campo de visão chega a minha mão eu percebo que é sangue, eu estou tendo um sangramento nasal, que ótimo ! Melody pareceu se lembrar de algo como num estralo e encarou friamente Castiel.

Melody: Castiel se você já acabou por favor vá embora.

Castiel parece surpreso pela atitude fria e repentina de Melody mas ele dá de ombros e sai do grêmio, assim deixando as advertências já assinadas em cima da mesa. Ao perceber que ele já saiu eu me permito dar um suspiro aliviado.

Melody: Ai meu deus, me desculpa ! Eu não percebi ! Tá doendo muito ? Um lenço ! E isso que você precisa !

Melody então começa a procurar a seus arredores um tanto quanto desesperada, até que acha uma caixa de lenços de papel em sua bolsa e assim que a pega me entrega um lenço rapidamente.

Nathaniel: Oh obrigado, mas você não precisa se culpar, não tinha como você saber.

Melody: Mas eu devia ! Eu sou a única pessoa que sabe disso !

Nathaniel: Se culpar não leva a nada.

Eu levanto minha mão e acaricio sua cabeça, e tenho impressão que ela cora levemente.

Melody: Você tem que me avisar quando alguém libera feromônios ! Imagina se acontece algo ruim ?!

Nathaniel: Calma, eu consigo aguentar esse nível e além disso você é muito lerda para perceber meus sinais.

Melody: Você estava dando sinais ?

Nathaniel: Agora não mas quando a diretora e o Castiel estavam daquele jeito eu estava desesperado ao ponto de sair correndo daqui.

Melody: Queeeee ? Eles estavam liberando hormônios agressivos ?

Nathaniel: Viu só ? Você tem que lembrar que quase sempre encaradas mortais e fixas entre alfas são quase sempre brigas de hormônios.

Melody: Me lembrarei disso !



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...