História Smell of Death - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, TenTen Mitsashi
Tags Gaaino, Hospital, Máfia, Naruhina, Nejiten, Sasusaku
Visualizações 151
Palavras 1.737
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Hentai, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yo, tudo bom? Sejam bem-vindo, desculpem os erros ortográficos, espero que gostem e bem ate mais kissus 🌞🌌

Capítulo 1 - Capitulo I


Fanfic / Fanfiction Smell of Death - Capítulo 1 - Capitulo I

Hinata on:

Olá, prazer tudo bom? Me chamo hinata hyūga tenho 24 anos, sou medica cirurgã e cardiologista, trabalho no hospital H&H hospital esse que é comandado pela familia Haruno e pela familia Hyuuga, em termos de aparência sempre falaram que eu sou muito bela, tenho longos cabelos negros azulados que ultrapassam o meu quadril, tenho uma pele clara como a neve, tenho um corpo bem torneado e com bastantes curvas principalmente seios que incluisive são ate grandes demais, possuo os olhos perolados típicos da familia Hyūga, tenho 1,62 de altura e bem acho que é só a isso a respeito de meu ser físico.

Eu trabalho com a minha melhor amiga e segunda herdeira do hospital juntamente comigo, Sakura Haruno, ela também tem 25 anos, sakura é uma excelente nutricionista e medica cirugiã, em questão de aparencia a sakura concerteza é muito bela, possui 1,67 de altura, longos cabelos rosados que vão ate metade de suas costas, lindos olhos esmeraldinos, ela também possui uma pele branca não chega a ser branca como a minha, mas é uma linda e saudavel pele rosada igualzinha a pele de neném, em questão de corpo a sakura não possui muito seio pelo contrário, mas possui uma cintura fininha digna de modelo, possui belas pernas torneadas e um bumbum durinho e empinado.

∆∆∆∆÷∆∆∆∆÷∆∆∆∆

Já se passavam da 00:00 o céu obviamente já estava negro e naquele dia em especial o céu estava totalmente negro e nublado sem nenhuma estrela ou qualquer sinal da lua, e uma leve garoa caia levemente do céu, eu estava fazendo plantão essa noite no hospital, assim como sakura, nossos plantões acabavam sempre sendo os mesmos, nesse momento sakura estava a realizar uma cirugia de apendicite, enquanto eu estava terminando uma consulta com um de meus pacientes.

Hinata: bem senhor Valdo descanse e não se esforce, não queremos que o seu coração vacile novamente certo? Bem já estou de saida para que o senhor possa enfim dormir, e você senhora Emília fique de olho nele e qualquer coisa é só me chamar ou chamar alguma enfermeira okay? Só não se esforce demais e acabe ficando doente também.

Eu falei por fim sorrindo doce, de certa maneira eu amava o meu trabalho.

Valdo: sim senhora doutora, obrigada.

Emilia: pode deixar doutora, tenha uma boa noite.

Sorri mais uma vez e por fim sair daquela quarto e começando a andar pelos corredores, eu nao possuia nenhuma cirugia marcada para essa noite, admito que eu estava um pouco cansada mais nada demais afinal vida de medica nunca é fácil, ainda tenho que ficar de plantão ate as 05:15, no momento eu estava com uma calça jeans clara, tenis brancos, camiseta lilas e obviamente meu jaleco, meus longos cabelos estavam presos em um rabo de cavalo.

Eu andava calmamente pelos corredores pretendendo ir analisar alguns exames que havia pedido para alguns de meus pacientes, quando começo ouvir uma gritaria vindo aparentemente da recepção, eram gritos de raiva, desespero, não sei ao certo, mas quando se trabalha em um hospital você sabe, gritos nunca são boa coisa, ou significa uma emergência, ou uma briga ou um surto e bem nenhuma dessas coisas são boas. Me pus a andar rapidamente em direção a recepção para ver o que estava ocorrendo.

Quando cheguei ate lá me deparei com um loiro e um moreno que se apoivam um no outro totalmente sujos, molhados e com roupas molhadas, era possivel ver que estavam feridos, ambos discutiam com a recepcionista e alguns do seguranças do hospital estava os cercando.

Hinata: certo, o que esta ocorrendo aqui?

Eu perguntei ao me aproximar daquela confusão.

Recepcionista: senhorita hyuuga, acontece que esses garotos estão exigindo por atendimentos, só que é obvio que não possuem condições alguma de pagar tratamento aqui nesse hospital e eles nem ao menos estão com documentos.

Era possivel notar o desdém na voz na recepcionista, aquilo no momento me irritou, afinal não eramos treinados para tratar toda uma vida como iguais? Aquele desdém todo era só por que os mesmo pareciam necessitados?!

Eu encarei enfim os homens a minha frente.

Hinata: qual o problema de vocês?

O loiro tirou a mão de seu abdome mostrando o obvio e enorme corte, arregalei de leve os olhos, mas logo me dirigi ao moreno.

Hinata: e quanto a você?

Ele apontou pra coxa dele que tambem estava com uma enorme laceração.

E eu rapidamente não demorei a tomar providencias.

Hinata: peguem duas cadeiras de rodas, e levem ambos paro o leito 2 de avaliamento, chequem também se a sakura já esta disponível, se sim, fale para mesma ir ate o leito dois de avaliamento.

Enfermeiro: mas doutora...

Eu olhei serio para ele e falei.

Hinata: mas nada, tem duas pessoas feridas em minha frente, isso aqui é um hospital e eu sou medica, fui treinada para salvar vidas e jamais sobrepor valor sobre nenhumas delas, espero que façam o que pedi nos próximos 5 minutos, desde ja agradeço.

E assim sai andando pelo corredor em direção ao leito 2 de avaliação, era uma sala para avaliar a gravidade de uma situação e também para fazer atendimentos rápidos.

Logo os enfermeiros trouxeram os dois garotos e puseram ambos em camas diferentes, e não demorou muito para que sakura aparecesse.

A mesma estava com o cabelo preso em um rabo de cavalo baixo, usava uma camiseta verde-agua de bolinhas branca, calça jeans rosa bem claro, tenis branco e obviamente o seu jaleco.

Sakura: hinata? Falaram que você me chamou.

Hinata: hai sakura-chan espero não ter atrapalhado a sua cirurgia.

Sakura: sem problemas, só tava faltando saturar o corte, disso as enfermeiras dão conta, do que precisa?

Hinata: sera que teria como você examinar aquele dali?

Falei apontando levemente para outra cama e ela apenas acentiu.

E então por fim me concentrei no homem a minha frente, e quando ele me encarou, meu kami... Que olhos, era azuis cristalinos simplesmente perfeitos e fez surgir algo dentro de mim.... Mechi levemente a cabeça, fechei e abri rapidamente meus olhos, não era hora pra isso, eu só precisava cuidar dele, no momento esse era o meu trabalho.

Hinata: certo, olá, lembra de seu nome?

Loiro: hai, Naruto.

Hinata: certo Naruto-san, vejo que esta com uma bela laceração ai, sabe a sua idade?

Naruto: 25

Hinata: ira me informar como acabou com o abdome assim?

Eu perguntei a ele enquanto o avaliava, e fazia um exame rapido.

Naruto: eu e o meu amigo ali_ falou apontando para o moreno_ estavamos na rua quando fomos abordados por 5 meliantes que provavelmente tinham a intenção de nos matar, talvez para acabar com a concorrência... Mas por sorte saimos vivos, mas infelizmente acabamos feridos.

Hinata: compreendo.

Eu falei meio confusa mas resolvendo deixar isso de lado.

Hinata: enfermeira encaminhe o para a tomografia quero ver a profundidade do corte, depois pegue duas bolsas de sangue O-, ele ja perdeu muito sangue esta começando a ficar pálido também traga souro.

Enfermeira: sim senhora.

Enquanto ela foi realizar o que eu pedi aproveitei para avaliar o exames básicos que havia pedido do ser loiro.

Logo a enfermeira estava de volta e já havia realizado tudo o que eu havia pedido.

Enfermeira: aqui esta doutora.

Ela se pronuncio me entregando as imagens da tomografia, eu as avalier rapidamente mais cuidadosamente, e sinceramente me surprendi com a sorte do loiro, o corte parou a milímetros de seu estomago, pela sorte do mesmo o corte só chegou ate a película que protegia o estomago.

Hinata: preparem-o para cirurgia, quero o pronto em 10 minutos.

Enfermeiras: sim senhora.

~ em outro local...

Sakura on:

A hinata havia pedido para mim cuidar do paciênte que se encontrava deitado na cama, me aproximei dele e dei um leve sorriso.

Sakura: ola, tudo bem?

Ele direcionou seu olhar pra mim e bem seu olhar extremamente escuro dizia obviamente algo como "o que você acha?"

Sakura: certo ja compreendi, qual o seu o nome?

Moreno: sasuke.

E meu Deus que voz era aquela? Uma voz rouca baixa, misteriosa por um momento me perdi em sua voz, mas logo me recompôs.

Sakura: certo sasuke-san, qual a sua idade?

Sasuke: 26

Sakura: e então o que aconteceu?

Eu perguntei enquanto começava o avaliar, checando os seus batimentos, sua respiração e vendo o nivel de consciência do mesmo.

Sasuke: fui abordado por "meliantes" que queriam "eliminar" eu e o loiro ao lado, nessa confusão acabei levando uma facada na região da coxa.

Ele falou de maneira simples, e então comecei a avaliar o corte em sua coxa.

Sakura: de 0 a 10 o quanto é a sua dor?

Sasuke: 6 ou 7...

Sakura: e fala isso dessa maneira calma?

Eu perguntei arqueando levemente a minha sombrancelha.

Sasuke: prefiria que eu estivesse gritando de dor? Foi mal doutora mas nao faço o tipo expressivo.

Ah jura? Nem tinha reparado...

Sakura: traga uma bolsa de sangue O- ele esta ficando palido, peça uma tomografia e o prepare para a cirurgia.

Eu falei me dirigindo a enfermeira que acentiu e foi fazer o que eu pedi.

Sakura: ate daqui a pouco senhor sasuke.

Dei um tchauzinho e me dirigi em direção a ala de cirurgias para me preparar, vesti a minha roupa e fui higienizar as minhas mãos, logo me deparando com hinata que estava a lavar as mãos, claramente se preparando para a cirurgia.

Eu a olhei e a mesma tambem me olhou, sorrimos uma para outra e ela falou:

Hinata: hora da ação.

Sorri e a respondi:

Sakura: pode crê.

E assim cada uma seguiu para uma sala...

Quebra de tempo

Hinata on:

Enfim havia terminado a cirurgia de naruto, sai da sala cansada mas satisfeita com o sucesso da cirurgia, me encontrei com a sakura-chan no corredor.

Hinata: oe saky, como foi a cirurgia?

Sakura: graças a kami foi bem sucedida, e quanto a sua?

Hinata: foi tranquila, por mais que não estivesse esperando realizar cirurgias hoje.

Conversavamos enquanto caminhavamos em direção ao refeitório, ja eram 04:35 da madruga, tinhamos que aproveitar o pequeno tempo leve para ingerir algum alimento.

Sakura: é mesmo, você não havia cirugias marcadas para hoje, a vida de uma medica é cheia de surpresas.

Hinata: de fato.

Rapidamente chegamos ao refeitorio, lá só havia alguns enfermeiros e pouquíssimos pessoas que não trabalhava no hospital.

Hinata: o nosso plantão esta quase no fim, o que ainda tem para fazer?

Sakura: tenho só que olhar alguns pacientes que passaram por cirurgia recentemente, avaliar alguns exames, e bem so isso se nenhuma emergencia ocorrer, alias Pretendo voltar mais tarde para ver como o moreno fico, e quanto a voce?

Me perguntou enquanto comia o seu sanduíche de franco e eu bebia a minha vitamina.

Hinata: tenho só que da olhada em alguns de meus pacientes, avaliar exames, também pretendo ver como o loiro esta, irei voltar mais tarde, irei decansar por volta das 08:00 eu volto.

Sakura: entendo, e então vamos voltar a ativa?

ela falou sorrindo, sorri para ela também e concordei.

Hinata: vamos.


Notas Finais


Tchau minna é isso, bjs 😘❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...