1. Spirit Fanfics >
  2. The Legend of the Signs >
  3. Secret Club of Graffiti Artists

História The Legend of the Signs - Capítulo 4


Escrita por: MademoiselleWatts

Capítulo 4 - Secret Club of Graffiti Artists


Fanfic / Fanfiction The Legend of the Signs - Capítulo 4 - Secret Club of Graffiti Artists

 

Como se costume, Fridge, Madison e Karen estão se arriscando por diversão.  

DIANA: Se eu não colocasse mais os sentimentos em ação, deixaria vocês lá mesmo. 

KAREN : A gente sente muito.  

. . . : Tudo bem, além disso, não precisamos punir vocês, pois já apanharam do grupo de Hip Hop.  

FRIDGE : Não tem nada de engraçado. 

DIANA: Bem, eu não vou ficar perdendo meu tempo discutindo com todos. 

MADISON : Então o que faremos? 

DIANA : Cadê os outros, Harry?

O garoto que, segundo, é amigo de Diana e, finalmente seu nome foi revelado: – Eles estão na Secret of Club Graffiti Artists e querem falar conosco. 

DIANA:  E você sabe qual é o assunto? 

HARRY : Não sei bem, mas deve era algo importante. 

 

 

Apartamento abandonado - 33

 

Entramos pela porta do apartamento, dentro está um elevador a nossa espera, havia também escadas, entretanto, decidimos ir de elevador.  Subimos para o 11° andar, quando as portas do elevador se abrem, revela um corredor com paredes brancas e piso de porcelanato de madeira forrado com um longo tapete vermelho, enquanto as portas de correr são de madeira embutidas.  Entramos pela terceira porta, onde se encontra uma pequena sala com sofás e poltronas sintéticas, piso de porcelanato de madeira na cor–Cinza, mesinha de vidro se encontra no centro da sala,  e uma TV grande de parede, acima do raque amadeirado e embutido. Os quadros foram pintados pelos mesmo proprietários (pichadores) do apartamento.    A sala está dividida com a mini cozinha moderna que tem um balcão de madeira imbuía, centrada ao lado da parede da TV.     

Fridge e Madison se jogam no sofá após se cansarem de correr do grupo de Hip Hop

DIANA: Filiph, Jeon eun?

HARRY : Jeon, continua no nosso grupo?  – perguntou, curioso. 

DIANA: Parece que sim. 

HARRY: Eu pensei que ele esteve na aula de violino.  

MADISON : E Jeon continua na aula de violino, e, ultimamente ele não tem tempo para nós. 

FRIDGE : Vocês ainda acham que Jeon e Filiph vão sair de Nova York? – perguntou–nos para saber se a notícia ainda está confirmar. Entretanto, é trágico saber que há dois membros terão de sair do grupo por causa da mudança.   

Harry suspira tristemente depois que Fridge faz todos nós voltarmos a se lembrar da notícia de Jeon e Filiph.  

Mas a porta é aberta, e os dois resolvem aparecer. 

JEON EUN: 안녕하세요 여러분

 (Oi pessoal).

FRIDGE : Fala aí! 

Fridge levanta sua mão para aperta a mão do Jeon eun como um cumprimento. 

FILIPH : Vocês sumiram, aonde esteve? 

JEON EUN: É, Filiph e eu tivemos que procurá–los pela  

DIANA : Melhor não saberem disso. – encaro Fridge, Madison e Karen que, num instante, desviam seus olharem para mim.  

FILIPH :  É, talvez devemos deixar esse assunto para lá. 

Quando o silêncio reina na sala, eu decido quebrar o gelo. 

DIANA : Bem, que tal irmos ao que interessa. 

FILIPH : Oh, sim.  

Agora todos prestam atenção em Jeon eun e Filiph.  

FILIPH : Jeon e eu não queríamos contar para mais ninguém exceto a vocês. 

 JEON EUN : Enquanto Filiph e eu estávamos vandalizando os muros de Parke Center, inesperadamente encontramos um rapaz que vinha em nossa direção, e sem muita enrolação ele nos entregou essas pedras comuns.  

DIANA: Um desconhecido? Ele não fez nada com vocês?   – fico preocupada com ambos que, felizmente, negam com as cabeças. 

FILIPH : Não. Mas eu achei tudo isso estranho. 

Fridge agarra um das pedras nas mãos de Filiph, e diz: 

FRIDGE : Realmente isso é estranho, mas, olha o lado bom, essas pedras já são nossas armas de defesa contra os malditos dançarinos de Hip Hop, tipo, a gente pode jogá-las nas cabeças deles como um aviso deles ficarem longe de nós.  

 Jeon eun, Madison e Karen riram de graça. 

DIANA: Da próxima vez fiquem longe de desconhecidos, eles são estranhos.

JEON EUN : Dessa vez vamos tomar mais cuidado.  

Eu suspiro de braços cruzados.

MADISON: Olha isso está ficando estranho, mas não dou muita atenção a essas coisas. – disse em deboche. 

FRIDGE : Concordo com Madison.

Diana: Enfim, eu vou pichar mais lugares públicos. – colho meu casaco em cima de uma das poltronas e, antes que eu saía da residência, escutei Filiph falar: 

FILIPH : Ah fala sério, vocês não vão acreditar em nós?

HARRY: Éh, então. . . 

JEON EUN: Precisamos de alguma prova para que vocês acreditem em nós?

DIANA: Vamos acabar logo com isso. – colho a pedra Granada. – Agora parem de falar sobre isso, por favor. Se alguém quiser me acompanhar para a praça de alimentação para pichar as barracas de alimento.

JEON EUN : Pode ser. 


 

 

 

 

 

 

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...