1. Spirit Fanfics >
  2. Sam "Wilk" Wilkinson

Fanfics de Sam "Wilk" Wilkinson

Summer Love

escrita por milasbrien
Fanfic / Fanfiction Summer Love
Em andamento
Capítulos 24
Palavras 71.083
Atualizada
Idioma Português
Categorias AnnaSophia Robb, Jack & Jack, Nate Maloley, Sam "Wilk" Wilkinson
Gêneros Famí­lia, Romântico / Shoujo
Beatrice Parker não fica nada satisfeita quando sua mãe decide enviá-la a uma cidade litorânea para passar o verão com o pai, que não vê há anos. Ela só não imaginava que aquele verão ia ser o melhor acontecimento da vida dela. Um lugar cheio de surpresas; ela encontra novas amizades, um novo amor, e uma possível reaproximação com seu pai e irmão.
  • 22
  • 56

P.S. I need U

escrita por cashewforever
Fanfic / Fanfiction P.S. I need U
Em andamento
Capítulos 2
Palavras 949
Atualizada
Idioma Português
Categorias Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Hayes Grier, Jack & Jack, Magcon, Mahogany LOX, Matthew Espinosa, Nash Grier, Nate Maloley, Sam "Wilk" Wilkinson, Taylor Caniff
Gêneros Aventura, Comédia, Drama / Tragédia, Famí­lia, Romântico / Shoujo, Suspense
" Uma vez me disseram que quando um homem ama uma mulher ele não consegue manter o pensamento em nada mais. Preiso confessar que demorei a perceber que essa era uma consequência do caminho que eu estava escolhendo, é foi numa situação dessas que me encontrei apaixonada pelo pai e filho."
Ps: [email protected] também se apaixonam.
  • 2
  • 3

Dark Lifes

escrita por Lari_Miller e mags20t
Fanfic / Fanfiction Dark Lifes
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 2.800
Atualizada
Idioma Português
Categorias Cameron Dallas, Camila Cabello, Chaz Somers, Christian Beadles, Fifth Harmony, Hailee Steinfeld, Hailey Rhode Baldwin, Ian Somerhalder, Justin Bieber, Little Mix, Magcon, One Direction, Ryan Butler, Sam "Wilk" Wilkinson, Shawn Mendes, Zayn Malik
Gêneros Ação, Aventura, Drama / Tragédia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Policial, Violência
Bethany Evans e Alyson Evans,duas irmãs que são diferente mas ao mesmo tempo iguais,as suas semelhanças giram em torno de serem calculistas,gananciosas,vingativas e frias. Não é atoa que apenas com 16 e 17 anos construíram seus impérios,por meio do tráfico e por serem assassinas de aluguel,para as pessoas normais,isso seria imprudente,ruim,criminoso e pecaminoso,mas para elas é algo divertido,radical e emocionante. Não existem perigos que elas não enfrentam, não existe aventura que elas não vivam,e por isso acabaram entrando em um caminho sem volta,a coisa mais perigosa que já enfrentaram,a coisa que elas mais temiam,o amor e a paixão,se apaixonar por alguém louco iguais elas seria muito perigoso, pode ser letal,ainda mais quando se trata de Shawn Mendes e Justin Bieber,dois amigos que também são do crime,e chegam a ser piores do que elas na maldade e na loucura. O ódio,a raiva,a maldade e o crime andam lado a lado em suas vidas,isso terminaria bem? Quantas mortes cruéis teriam? Haveria um final feliz? Ou o final seria devastador?

™ Copyright © Plágio é crime ⚠
  • 76
  • 40

Lonely - Shawn Mendes

escrita por afzmagcon
Fanfic / Fanfiction Lonely - Shawn Mendes
Em andamento
Capítulos 27
Palavras 47.171
Atualizada
Idioma Português
Categorias Cameron Dallas, Jack & Jack, Magcon, Matthew Espinosa, Nash Grier, Nate Maloley, Sam "Wilk" Wilkinson, Scarlett Rose Leithold, Shawn Mendes
Gêneros Drama / Tragédia, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Romântico / Shoujo, Suspense, Violência
- Jade Scott é uma menina com uma vida extremamente complicada. Por conta das dificuldades que passou, foi necessário que construísse uma armadura para se proteger do mundo, mas com isso afastou não só as coisas ruins, mas também as boas que poderiam acontecer em sua vida. Ao ingressar em uma faculdade, Jade se depara com diversas situações que desafiam sua personalidade. Será que nessa nova fase de sua vida, ela conseguirá suportar toda a dor que a vida lhe oferece e se permitirá conhecer novas pessoas e até se permitir a amar?
-~-~-~-~-~-
PLÁGIO É CRIME
  • 54
  • 62

A Dangerous Romance [Carter Reynolds]

escrita por clast
Fanfic / Fanfiction A Dangerous Romance [Carter Reynolds]
Em andamento
Capítulos 9
Palavras 6.209
Atualizada
Idioma Português
Categorias Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Carter Reynolds, Hayes Grier, Jack & Jack, Madison Beer, Magcon, Mahogany LOX, Matthew Espinosa, Nash Grier, Nate Maloley, Sam "Wilk" Wilkinson, Shawn Mendes, Taylor Caniff
Gêneros Ação, Aventura, Comédia, Drama / Tragédia, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, LGBT, Luta, Romântico / Shoujo, Violência
“Um suspiro pesado escapou dos lábios de Maxine assim que o sol quente bateu contra seu rosto, a garota se remexeu embaixo das cobertas afim de voltar a dormir, mas o sono já havia ido embora.

Já desperta, a garota se levantou da cama e caminhou até sua janela, uma movimentação estranha na casa ao lado chamou sua atenção, rapazes entravam e saíam da casa, carregando caixas pesadas e móveis que aparentavam ser novos. Maxine fechou sua cortina e caminhou em direção ao banheiro, ignorando quaisquer pensamento sobre seus novos vizinhos. Sua vida já está turbulenta demais para se preocupar com a vida alheia.”

Maxine não imaginava que encontraria o amor da sua vida na casa ao lado...

[Essa é uma história FICTÍCIA]
[Plágio é crime!]

  • 10
  • 6

Church Boy

escrita por m41u_
Fanfic / Fanfiction Church Boy
Em andamento
Capítulos 10
Palavras 45.571
Atualizada
Idioma Português
Categorias Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Magcon, Matthew Espinosa, Nash Grier, Sam "Wilk" Wilkinson, Shawn Mendes
Gêneros Comédia, Drama / Tragédia, Festa, Ficção Adolescente, Romântico / Shoujo
Fico o resto da manhã me perguntando de onde está vindo esse impulso que me faz querer ficar perto de Nash o tempo quase todo. Não faz o menor sentido que eu me interesse por ele. Tudo bem, ele é lindo, mas ele é da igreja e deve ter até um pacto de sangue com Jesus.
Terminei o painel com os garotos e, com a ajuda dos outros, o carregamos para dentro. Allison nos indicou onde deveria ficar e o posicionamos. Depois disso, estávamos livres e faltavam apenas alguns minutos para o fim da manhã. Estava na arquibancada com Aaron, Johnson e Cameron, então Shawn chegou com Carter e Gilinski.
-Olá, princesas. - digo à eles, que sorriem para mim.
Shawn senta-se ao meu lado e me coloca em seu colo.
-Já terminou o que tinha pra fazer? - pergunta e eu passo os braços por seus ombros - Eu levei uma vida para pendurar todas aquelas faixas.
-Já terminei. - ri, com seu exagero.
-Vamos lá pra casa? - sugere, ajeitando meu cabelo.
-Eu... - pensei em como descrever a situação de uma forma não-esquisita - Eu vou andar de skate com um amigo meu no parque hoje.
-Qual amigo? - ele ri.
-O Nash Grier...? - respondo, tentando manter uma expressão natural e não estranhar o que eu mesma estava dizendo.
-O... O Nash? - Shawn me encara como quem não entende o que eu estava falando - É com ele que tem saído todos esses dias?
-Nós nos divertimos andando no parque. - dou de ombros - Ele é legal.
-Ok, só tome cuidado pra não voltar batizada e casada com Jesus. - rimos.
O sinal toca e nos dirigimos à saída. Sigo com Johnson até meu carro e encosto no capô para esperar por Nash.
-Como isso aconteceu? - o loiro questiona, também desacreditado ao saber do meu programa à tarde - Tipo assim... Você é.... VOCÊ! E ele é crente!
-Eu sei... - rio com suas observações - Mas nós nos demos bem, o que eu posso dizer?
-Esse mundo é muito esquisito, viu...
Vejo o moreno passar pela saída e andar em minha direção, se aproximando com um sorriso no rosto.
-Oi. - acena para mim e para Johnson.
-Oi... - o loiro responde.
-E aí?
-Eu já vou, ou o Carter vai me largar aqui e não vai me dar carona. - Jack comenta, virando-se para mim e me abraçando - Vejo você amanhã, te amo.
-Okay, vai lá. - dou um beijo em sua bochecha - Amo você.
-Tchau, Nash. - acena.
-Tchau, Johnson.
Nos encaramos e sorrimos um para o outro, achando o momento engraçado.
-Vamos? - pergunto, apontando para o carro.
-Vamos.
Primeiro vamos até sua casa, em carros separados e ele estaciona o seu na garagem, me acompanhando no banco do carona. Dirijo até o parque e vamos conversando sobre o colégio e assuntos triviais pelo caminho. Quando chegamos ao Tony's, sentamos do lado de fora, onde não tinha ninguém. Pedimos nosso almoço e ficamos apenas encarando um ao outro por algum tempo, mas não parece estranho.
-Sua sobrancelha esquerda é um pouco mais para o centro que a direita. - ele constata, me fazendo rir.
-O seu nariz não fica no meio do seu rosto. - respondo, ainda gargalhando com ele.
Rimos por mais alguns minutos, então voltamos a ficar em silêncio.
-Isso é estranho? - pergunto - Digo... Nós dois, saindo juntos...
-Eu sinto que devia ser estranho... - ele começa.
-Mas não é.... - completo e ele faz que sim com a cabeça.
-Exatamente.
  • 3
  • 0

Sick love and business.

escrita por juliedallas
Fanfic / Fanfiction Sick love and business.
Em andamento
Capítulos 11
Palavras 31.728
Atualizada
Idioma Português
Categorias Cameron Dallas, Jack & Jack, Nash Grier, Sam "Wilk" Wilkinson, Sandra Bullock, Sebastian Stan, Shawn Mendes, Zendaya
Gêneros Ação, Comédia, Drama / Tragédia, Ficção, LGBT, Literatura Erótica, Mistério, Suspense, Violência
Samantha Julie Dallas cresceu órfã de seus pais biológicos. Adotada por Sierra Dallas aos dois anos, nunca se preocupou muito com o seu passado e de onde veio. Se tornando então uma garota com olhos mais críticos para injustiças que testemunhou e extremamente grata pela sorte que teve em encontrar tão cedo uma família que lhe deu acesso a educação de ponta. Educação que lhe fez; Inteligente, destemida e um tanto quanto egocêntrica, cujo ela diria que na verdade, seu ego inflado lhe salvou de situações humilhantes.

Com o seu destino incerto após se formar na faculdade, Samantha se vê na obrigação de aceitar uma imperdível proposta - ou promessa - que Cameron Dallas, um parente tão distante e ausente de sua família lhe faria na noite de sua formatura. Ir para New York, adquirir conhecimento e experiência em uma empresa de verdade. Seu primeiro emprego.

Ao fazer de tudo para não se separar de seus melhores amigos e ir para outra cidade. Samantha Julie passa a viver no mesmo teto que o persuasivo empresário Cameron Dallas.

E com o encaminhar de sua vida profissional as alturas, Samantha descobre que seu destino na empresa Dallascoming estava na verdade escrito muito antes de sua adoção ou sequer existência, e que talvez, ela devesse se importar mais de onde veio do quê para onde estava indo.

E o amor? Vira apenas uma tripla obsessão. Uma coisa da qual não se consegue fugir ao longo de sua história, por mais que ela tente. Já que ele tem rostos e toques diferentes mas sempre, sempre traz a mesma bagagem para vida de Samantha. Grandes problemas.

Uma má sorte no amor, ou karma, chame como quiser. Essa coisa está sempre lhe aproximando de pessoas que querem tomar a única herança que sua mãe lhe deixou antes de morrer: um segredo de estado.
  • 43
  • 44