História Chocolate - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias One Piece
Personagens Boa Hancock, Monkey D. Luffy, Nami
Tags Comedia, Luna, Nalu, One Piece, Romance
Visualizações 101
Palavras 1.066
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


- One piece não me pertence.
- Artes não me pertence, retiradas do pinterest.
- História completamente minha, publicada nos sites Nyah Fanfiction e Fanfiction.net

Boa leitura.

Capítulo 1 - Chocolate


Fanfic / Fanfiction Chocolate - Capítulo 1 - Chocolate

 

                                                                                                 .x.


A bela garota de longas madeixas alaranjadas corria pelas escadas em direção ao terraço carregando consigo uma caixinha em formato de coração firmemente entre seus braços. A garota corria animada, havia finalmente ganhado coragem o suficiente para entregar aquela caixinha para o garoto que ultimamente não saia de seus pensamentos.


Era o intervalo das aulas e sabia que ele sempre ia para o terraço tirar um cochilo e ela pensou que esse seria o momento perfeito para dar o chocolate sem ter ninguém para atrapalhar, contudo lá estava o imprevisto, a garota mimada e irritante, Boa Hancock, também apaixonada pelo mesmo garoto que ela, escorada na porta com as mãos na cintura e seu tipico olhar superior que irritava muito Nami.


- Imaginei que viria atrás do meu Luffy para entregar seu chocolate, mas para seu azar ele só comerá os meus chocolates.

A cada palavra dita pela morena, a ruiva franzia mais a testa demonstrando sua irritação com a presença da outra ali.

- Como se você mandasse em alguém aqui, se eu quiser entrega para ele eu vou entrega você querendo ou não.

Dito isso Nami continuou a subir as escadas parando de frente para Hancock.

- Se me der licença.

Passou batendo seu ombro no da outra.

Boa Hancock sempre teve o que queria tanto o possivel como o impossivel, ela queria Luffy então faria qualquer coisa para te-lo, e claro, ninguém ficaria bravo com ela pois ela era linda.

Tomada por raiva e ciúmes a morena puxou o braço da menor para faze-la virar para a sua frente e então bateu com força na caixinha em formato de coração fazendo ir ao chão, antes que Nami pudesse pegar de volta Hancock pisara com força em cima esmagando todo o conteudo de dentro.

- Sabe, eu odeio que cheguem perto do que é meu.

A morena se recompos de seu momento de ira arrumou sua camisa e colocou o cabelo para trás, enquanto Nami olhava para seu trabalho de uma noite inteira destruido no chão, caiu de joelhos arrasada e por um momento quis chorar mas se conteve, não iria na frente daquela cobra, sua vontade era de levantar do chão e meter a mão na cara daquela garota irritante até sua mão cansar porém ainda estava em choque. 

Na noite passada a ruiva ficara acordada até tarde preparando aquele chocolate com todo o seu carinho, gastou seu precioso dinheiro com muitos ingredientes pois todas as vezes que não ficava do jeito que queria lá ia ela refazer até acertar, e foi com gotas de laranja que conseguiu deixar o doce perfeito para o garoto do chapeu-de-palha.

Naquele momento não tinha vontade bater naquela garota, queria recolher o que restou de seu precioso presente e sair correndo. Hancock afastava-se de perto dela e foi a procura de seu amado, olhava em tudo que era direção do terraço mas não o encontrou.

- Luffy, querido, onde você está?!

Sem resposta se virou para a porta pronta para sair dali e procura-lo em outro lugar, mas o que viu não foi somente a porta e a ruiva ainda ali caida mas também seu amado Luffy agachado em frente a Nami.

Nami só percebeu a presença do garoto a sua frente quando o mesmo lhe chamou, ele estava agachado sorrindo largamente para si, alegre como sempre e antes que Nami falasse algo ele a cortou.

- Essa caixinha é pra mim?

Perguntou ainda sorrindo e a olhando nos olhos, a garota se perdia naqueles olhos e sem consegui pronunciar algo fez acenou positivamente com um leve mover de sua cabeça.

- Yosh, certo!

Luffy pegou a caixinha destruida e a abriu vendo todo o chocolate quebrado, pegou um dos pedaços e antes que comesse a ruiva segurou sua mão.

- Não coma, ele esta todo quebrado e agora deve estar horrivel.

- O chocolate é pra mim certo, então eu vou come-lo.

Disse simplesmente para logo em seguida comer o pedaço de chocolate.

- SUUUUGOI, está uma delicia Nami.

Ao ouvir o garoto elogiar seu doce não teve como a ruiva não sorrir feliz, mas logo sua felicidade se foi quando Hancock se jogou pra cima do garoto.

- Querido, aqui esta você, estava lhe procurando pois hoje é um dia para nós dois comemorarmos e por isso fiz chocolates deliciosos.
Luffy se arrumou no chão se sentando mais confortavel e tirando a morena de cima de si.

- Valeu, mas não quero.

- O que... Como assim não quer?! Você tem que querer, pois assim sera a confirmação de nosso noivado.

- Eu não vou me casar com você e nem namorar, não quero outro chocolate pois a Nami já me deu um.

O garoto do chapeu-de-palha disse normalmente, ele viu o que a morena fez a Nami e por um momento quis fazer exatamente o que ela fez com a ruiva, mas mesmo sendo burro para algumas coisas ele sabia que se o fizesse iria ferir os sentimentos dela e ele não queria ser o causador de alguma dor emocional, simplesmente recusar o doce seria o melhor a se fazer, além do fato dele não gostar de Hancock como gostava de Nami e sem duvidas não deixaria de comer algo feito pela mesma.

- Certo, entendi. Você, garota, ganhou hoje a batalha mas não a guerra.

Fez seu tipico olhar superior inclinando sua cabeça para cima e logo em seguida saiu dali.

- Maluquinha hihihi.

Luffy riu gostosamente, Nami só o olhava e estava muito feliz por ele não ter aceitado o doce da outra, preferiu somente o seu e isso queria dizer que ele gostava mais dela, com esse pensamento ruborizou um pouco e olhou para baixo para não deixar o mesmo ver sua face vermelha.

- Sabe, eu sei que você gosta bastante de doces então você podia ter pego o doce dela.

- Não, estou legal somente com o seu.

Com essa resposta ela levantou a cabeça mesmo estando vermelha e viu ele sorrindo e comendo seu chocolate. Ficou admirando-o por um momento, mas logo sentiu algo em sua cabeça e percebeu que era o tão precioso chapéu do garoto, antes que dissesse algo sentiu os lábios do mesmo em sua bochecha.

- Feliz dia dos Namorados, Nami.

Antes que seu rosto queimasse de tão vermelho ela deu um soquinho no ombro do mesmo que somente sorriu.

- Idiota.

                                                                                                            .x.
 


Notas Finais


Espero que tenham gostado!
Reviews são bem vindos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...