História Feito por mim, uma das filhas do universo - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 6
Palavras 593
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Survival

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Contato



Havia olhos me observando quando pensei que estava sozinha, eu não podia vê los pois estes estavam bem escondidos, porém, podia senti los que me fitavam como se a qualquer passo em falso eles pudessem me prender novamente. 


Eu pendia demais de um lado quando era menor ( não de idade mas sim em compreensão do que é ter voz) e isso me fez aceitar quase todas as coisas antes mesmo de cogitar tentar muda las. Eu me arrependo de não saber pedir ajuda e sinto muito que ninguém tenha me ensinado sobre isso antes de precisar aprender da forma mais difícil.


Eu estou tão chateada com tudo que anda acontecendo que bem, eu me sinto revoltada.


Eu não sei se deveria agir assim dessa forma desvairada que minha cabeça quer que eu mostre ao mundo, porque não sei se o mundo aguenta ser agredido dessa forma.


Eu sou um furacão, um desastre natural da qual as pessoas temem e se protegem esperando passar. 


Eu finjo que não posso escuta las por um breve momento, dizendo ou sentindo o medo que possuem, e nada me dói mais do que saber que não cumpro minhas funções da qual vim ao mundo.


É hora de concertos e reformas de toda a minha estrutura. E mesmo assim eu sinto tudo explodir.


O mar é de rosas mas isso não quer dizer que não terá espinhos que lhe rasgaram caso não tome cuidado, então adianta mesmo ter o perfume delas? se tudo que vai sentir é o sangue escorrendo depois?Afinal, foi você quem quis pular de cabeça naquilo que julgou conhecer.


Te declaro culpado e eu não vou passar a mão em sua cabeça dessa vez.


Você não faz de tudo e mais um pouco quando atacam aqueles que você ama?


Então me diga qual é a dificuldade que você anda encontrando em não gritar de como as coisas estão erradas, é erro atrás de erro, pecado até te afundar e mesmo assim você se mantém calada.


Isso te torna tão vilão quanto aquele que o comete o plano.


Você fez sua parte hoje ? Quando escutou alguém dizer algo grotesco contra outra pessoa bem na sua frente ? 


Porque afinal você fez parte, mesmo não tendo dito.


O mundo já está repletos de imperfeições causadas por um conjunto de problemas de pessoas não ruins mas mal instruidas nessa loucura de viver, não faça parte desse conjunto você também.


Eu poderia fingir que escutei o que me disse hoje, que entendi que estava mesmo preocupado comigo, mas desculpe eu estava mesmo ocupada me concentrando em parecer normal naquela sala, repleta de pessoas a me espiar se cometo um deslize.


Grande erro meu achar que estaria tudo bem em colocar uma máscara só porque eu precisava me esconder.


Egoísmo seu, algumas vezes precisamos nos dar uma pausa, você precisa tentar me aceitar antes que eu desista de mostrar quem sou de verdade.


Eu não quero ser a garota que você corre para socorrer a todo momento, que precisa medir o que fala como se fosse uma receita, temendo acrescentar demais palavras que não deveriam ser ditas ou ingredientes de ações, que faltaram de sua parte ao meu ver.


Eu sou como você, melhor ou pior nem o Universo pode dizer, e mesmo assim nos tratamos diferentes.


Apesar de saber quando nos olhamos quem é quem, nos amamos da forma mais pura que pudemos encontrar até agora.


Ainda sim, você não está pronto para saber se eu beberei dessa confiança que você exala. 


Não até você saber me aceitar.
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...