1. Spirit Fanfics >
  2. Gripe

História Gripe


Escrita por: MinMei

Fanfic / Fanfiction Gripe
Sinopse:
Estou com frio, mesmo sentindo a febre queimar-me o peito. Como posso viver com este meio termo?
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 45.689
Favoritos 8.124
Comentários 368
Listas de leitura 1.408
Palavras 100
Concluído Sim
Categorias Histórias Originais
Tags Amei, Amor, Doente, Drabble, Febre, Gripe, Lírica, Metáfora, Minmei, Originais, Sentimentos

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Drabs, Drabble, Droubble, Lírica / Poesia

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1
Febre
368
45.689
100

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por Kisara
Capítulo 1 - Febre
Usuário: Kisara
Usuário
- Ouvindo as músicas românticas e bobas dos anos 2000, que eu amava e que falava sobre primeiro amor, amores, platonismo, afins.
Motivo: saudades (não do que a gente não viveu, só saudades hihi.)

- lendo textos bobos e apaixonados, coisas fofas e melosas que deixam o sorriso no rosto.
Motivo: simplesmente gostar desses textos.

"Mas este calor aqui dentro se acende cada vez mais forte e faz pulsar mais uma vez aquele que estava prestes a morrer"
Motivo: gripe.

Porque, menina, que os deuses nos livrem de os motivos serem amor né?
hihih.

Lindo texto, Mei. <3 Um amorzinho bem como você própria o é, não estou realmente surpresa.
Postado por Pumpkin-_
Capítulo 1 - Febre
Usuário: Pumpkin-_
Usuário
Menina, tava dando uma voltinha por aqui, e decidi entrar nessa maravilha novamente, pois não importa quantas vezes eu leia, minha gripe por ela não melhora.
*sniff

Ah, um detalhe. Como consegue ter tanta paciência com esses comentários arrogantes que li por aqui? Senhor, é tanta insensibilidade... Chego a ficar triste lendo coisas assim.
É incrível como as pessoas não se importam com o impacto que palavras rudes podem causar, elas apenas jogam tudo, e saem. Achando que o que fizeram foi certo.

Sinceramente, se não gostou, nem abre os comentários. Não somos obrigados a gostar do que não nos convém, porém, respeito é uma coisa que todos devemos ter. Se essa fic tá destacada, é porque o autor merece tal destaque sim. Incomodado? Reclame com a equipe do spirit.

Desejo muita paciência a ti ♥
Eu já teria metralhado esse povo hhajshauhajh
Mas pelos outros comentários amorzinhos, vale a pena, não?

Parabéns, mais uma vez, pelo destaque ♥♥
Desejo todo carinho a ti!
Te gripo ♥ hauhdhha
*sniff*
Postado por gialuir
Capítulo 1 - Febre
Usuário: gialuir
Usuário
Hey, Mei.
Não lembro qual das suas histórias eu li primeiro, só sei que me apaixonei pela sua escrita de uma forma inexplicável, tive que clicar no espaço "seguir", e ler todas as outras maravilhas que você tinha escrito. E continua escrevendo.
Quando eu vi que "Gripe" estava nos destaques, eu surtei. Não ficava tão empolgada e feliz assim havia um bom tempo.
Minhas palavras não são da boca pra fora, acredite. Apesar de não conversamos muito nem nada, estamos sempre trocando favoritos - acho que você deve entender -, e nos falando pelos comentários. Eu, fiquei surpresa com todo o meu contentamento pela conquista de outro alguém. Por vezes, eu me acho insensível, egoísta. Na verdade, eu sou confusa demais e nunca consigo desvendar o meu amontoado de sentimento, ou arrumar a minha bagunça. Mas, ficar feliz por você fez com que eu me sentisse bem comigo mesma. Não sei se isso faz algum sentido pra você, porém, foi assim que eu me interpretei.
O que eu quero mesmo dizer é: Parabéns, fico extremamente feliz por você. Uma simples frase, que eu acho que não vai fazer muita diferença em meio a tantas outras que você recebe. Mas é imensamente verdadeira.
Sua escrita é algo lindo de se ler, ver, ouvir e sentir.... principalmente sentir. Suas belíssimas palavras me passam tanto sentimento que eu fico, não sei, arrepiada. O mundo está mesmo precisando de mais pessoas assim, sabe, que dêem tudo de si e coloquem tudo o que sentem em coisas que gostem e queiram fazer.
Pelo que eu pude perceber, você ama escrever. E o faz tão, tão, tão, tão bem - só não acrescento mais "tão" aqui, porque a preguiça de digitar fala mais alto.
Agradeço ao universo por ter te colocado por aqui. Ler é uma das coisas que me tiram da minha realidade pacata e totalmente sem sentido, e a sua escrita me faz tão bem que eu fico alguns ótimos instantes viajando, mesmo depois de ter terminado de ler algum de seus textos.
Mais uma vez te parabenizo por essa conquista, você a merece mais do que ninguém.