1. Spirit Fanfics >
  2. Liga da Justiça: Luta pela Paz >
  3. Voltando à Ativa

História Liga da Justiça: Luta pela Paz - Capítulo 35


Escrita por:


Notas do Autor


Início de temporada. Espero que gostem.

Capítulo 35 - Voltando à Ativa


Fanfic / Fanfiction Liga da Justiça: Luta pela Paz - Capítulo 35 - Voltando à Ativa

GOTHAM CITY, 23:30 PM

A programação do canal 5 é interrompida. "Novos detalhes sobre o sequestro de uma socialite que participava de um evento de caridade que acontecia hoje à tarde na Fundação Wayne. Os terroristas fizeram uma transmissão na televisão, dizendo que queriam 5 milhões de dólares em uma hora, do contrário jogaram a moça no mar. Essas são todas as informações. A Polícia está se mobilizando". No céu escuro, dois helicópteros voam em direção à baía. Um deles está com a vítima. O outro está de apoio, caso a Polícia tente alguma coisa. Dentro do helicóptero principal, detecta-se alguma coisa.

Piloto: Aí, tem alguma coisa vindo atrás da gente. Fiquem ligados.

Lá embaixo, o comissário Gordon está com 2 polícias observando o movimento.

Gordon: O que está vendo, sargento?

Sargento: Três helicópteros indo em direção à baía, senhor.

Gordon: Três? O Falley disse que eram 2.

Atrás dos helicópteros dos terroristas, vinha um modelo BK-117 D2 preto, com armamento militar acoplado. Era o Batman. 

Batman: Alfred, o que está vendo no radar infravermelho? 

Alfred: Dois atiradores no helicóptero da frente e outros dois com a moça, no de trás. 

Batman atira no helicóptero da frente com a metralhadora Browning .50 do helicóptero até explodir a hélice e derrubar a aeronave. No outro, o atirador prepara a arma e abre a porta. O veículo vira de lado e o homem começa a atirar no helicóptero do Batman. Este acelera.

Batman: Alfred, assuma o comando.

Alfred: Considere sob controle.

O para brisa do helicóptero se abre e o Batman pula dentro do helicóptero dos terroristas. Ele chuta o atirador pra fora do helicóptero e segura o outro, e em seguida o arremessa pelo vidro no outro lado. Ele segura a moça e pula do helicóptero. Ele deixa cair lá dentro uma granada. O piloto vê e tenta segurar, mas ela explode. O Batman cai com a mulher dentro de seu helicóptero. Ele desce até o alto de um prédio e deixa a moça lá.

- Obrigada.

Ele só olha pra ela e volta pro helicóptero. Voltando à bat-caverna, ele tira a máscara e houve o som da TV. "Acabamos de receber a informação de que a mulher que foi raptada hoje à tarde está segura com a Polícia. Segundo ela, o Batman a salvou. Ele também derrubou os dois helicópteros, o que faz as autoridades, incluindo o próprio comissário de Polícia, que sempre o apoiou, questionar suas atitudes.

Gordon: Ele não é assim. Deve ter algo errado com ele. Isso é tudo.

Bruce: Bom, pelo menos resgatamos a vítima. Que era a prioridade. Agora, o que temos pra descobrir quem ordenou o sequestro?

Alfred: Bom eu poderia hackear os celulares dos sequestradores mas o senhor fez o favor de explodir eles com tudo.

Bruce: O que eu ia fazer? Deixar eles vivos pra me atacarem depois?

Alfred: O senhor tinha uma .50, dava pra contra-atacar com folga. E não vou dizer que o senhor está agindo por impulso por que sei que essa é uma regra essencial da Liga dos Assassinos.

Bruce: Que bom que sabe disso. E os celulares não eram o único jeito. Passei o dia ver ficando câmeras de segurança nos arredores do local do sequestro e encontrei duas ou três imagens de um homem sem qualquer máscara.

Bruce acessa os arquivos e exibe as imagens. Ele usa o sistema de reconhecimento facial.

Bruce: E temos... Abner Krill. Cara normal. Sem passagens pela Polícia. Analisando algumas transações no nome dele, vi que ele andou comprando armas de guerra.

Alfred: Como ele conseguiu isso? 

Bruce: Não sei, mas ainda vou descobrir.

Bruce vai em direção ao elevador.

Alfred: Patrão Bruce! 

Bruce: Sim?

Alfred: Aconteceu alguma coisa naquela Ilha que o deixou mal?

 Bruce: Nada relevante. Vou dormir.

ORFANATO DA FUNDAÇÃO WAYNE, NO DIA SEGUINTE.

O diretor do orfanato estava acabando de arrumar a decoração para a Páscoa. A tesoureira guardava as últimas arrecadações para o evento de Páscoa do orfanato quando entrou um homem, com um traje branco cheio de bolinhas coloridas e uma máscara vermelha que cobria os olhos e o nariz. Ele aponta um revólver pra tesoureira. Ela entrega todo o dinheiro pra ele e ele sai. As crianças ficam curiosas com o homem. O diretor aparece.

Diretor: Ei!! Quem diabos é você?!

- Eu sou o Homem das Bolinhas.


Notas Finais


Apesar de parecer ridículo à princípio, eu quis resgatar um vilão por muitos esquecido do Batman e introduzí-lo como uma mente mais engenhosa, algo mais profundo. Próximo capítulo amanhã.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...