1. Spirit Fanfics >
  2. Perecível - Alren Vs Camren >
  3. Lar

História Perecível - Alren Vs Camren - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpa ter ficado meio grande, quando eu vi já tinha extrapolado rsrs

Enfim, comentem por favor.

Capítulo 4 - Lar


Fanfic / Fanfiction Perecível - Alren Vs Camren - Capítulo 4 - Lar

Lauren estava no apartamento da mãe comendo salgadinhos e assistindo a reprise do jogo; vestiu uma bermuda do irmão e um suéter, sem calcinha ou sutiã pois adorava ficar sozinha em casa aos sábados.

Pro seu azar a campainha tocou.

Ally estava linda na porta, com um conjunto de short e blusa brancos e o cabelo loiro num rabo de cavalo perfeito, a pele bronzeada especialmente nas pernas brilhava.

-Oi amor - Lauren disfarçou bem a surpresa - aconteceu alguma coisa?

Não é que Lauren não quisesse a namorada ali, mas sábado era seu dia de ficar sozinha com seus programas de TV e comendo besteira com roupas largadas, e a namorada não era disso.

-Minha mãe aconteceu, ela surtou e me acusou de não saber pedir ajuda - entrou e se sentou no sofá - acredita que ela me falou que uma criança feito eu devia ter ligado pra ela imediatamente?

Lauren fechou a porta e sentou ao lado da namorada desligando a TV e limpando a boca na manga do suéter, pro caso de ainda ter salgadinho.

-Tenho certeza que o seu pai te consolou e tentou mediar as coisas.

A loira retirou as sandálias e deitou jogando as pernas no colo da morena.

-Sim, mas essa não é a questão Lauren, eu tenho dezoito anos e não sou uma garotinha que precisa ligar pra mamãe quando a luz acaba.

Lauren queria dizer para namorada valorizar a família unida e amorosa que ela tem, quem nem todos tem isso, não que tenha algo errado em ter uma família diferente, o importante é o amor e isso ela tinha de sobra no lar.

-Ela se preocupou amor - passou a mão no cabelo loiro da amada - acha que a minha mãe se preocupa? Ela tá feliz da vida desde anteontem no mundo.

Ally sabia que a namorada e o cunhado tinham muita liberdade, mas que isso não era tão legal visto de dentro quanto parece visto de fora, e que ambos valorizavam os jantares em família dos Brooke, especialmente Zayn que ama comida feita na hora.

-Tudo bem amor eu vou me desculpar com ela e dizer que ela te deve uma - comentou a loira - agora me dá um beijo!

As duas sabem fazer suas línguas dançarem na boca da outra, Lauren tentou ficar por cima, mas como bi campeã de luta no colégio, Ally rapidamente ia parar por cima da namorada.

As mãos da loira primeiro acariciaram os braços e seios da namorada pelo suéter, mas tão logo isso já não bastou e ela o levantou para chupar o seio da morena.

-Ahh, sabe que mata quando dá essas mordidinhas - a morena olhava nos olhos da loira - arranca minha roupa logo!

O suéter foi parar no chão, e Ally olhava pro corpo da namorada com orgulho e admiração, deitada por cima a loira retirou a própria blusa mas deixou o sutiã e beijou o pescoço da outra lhe mordendo de leve na orelha e maxilar.

Lauren se sentia entorpecida com os seios da outra roçando nos dela com apenas o tecido macio do sutiã os separando, não conteve mais a vontade e colocou a mão dentro da calcinha da outra, um gemido gostoso e sincronizado foi soltado por ambas ao mesmo tempo; e a porta da frente começou a ser destrancada.

Quando Zayn entrou pela visão de trás que ele tinha do sofá o cabelo da irmã no braço do mesmo e Ally sentada apenas de sutiã, conclui que por cima da outra.

-Garotas! Eu trouxe uma visita!

Então uma voz feroz e gostosa de ouvir se manifestou invadindo o lugar.

-Elas tão transando? Diz que sim!

Lauren na hora reconheceu aquela voz e retirou a mão que ainda estava na namorada, se concentrando em procurar o suéter.

-Calma amor - pediu Ally - Zayn espera lá fora enquanto nos vestimos aqui, por favor querido.

Ele concordou.

-Vem Camila, deixa eu te mostrar o corredor - disse ele rindo - saiba que é perfeitamente igual a qualquer corredor comum.

Ela entrou na brincadeira.

-Relaxa Mecânico, quem viu um viu todos.

Na sala a coisa estava esquentando, mas não do jeito bom.

-O que essa selvagem está fazendo aqui?

Ally falou baixo mas numa entonação de raiva.

-Não faço ideia amor, eu não tenho nada com isso.

Lauren temia por uma crise de ciúme da namorada, seria a primeira da relação já que Ally controlava tudo e era muito segura.

-Tudo bem, vamos pedir ao Zayn que entre e explique isso.

Lauren ficou parte orgulhosa e parte desapontada pela namorada não ter dito mais nada.

Xxx

Os quatro jovens estavam sentados na sala vendo uma reprise de Saidie J.

Camila parecia confusa esclarecendo tudo.

-Então eu invadi a casa da sua cunhada enquanto ela estava com a sua irmã que é namorada dela e fui parar na sua oficina - ela riu - era meu destino conhecer você, tem razão ter sido uma transa mágica.

O rapaz ficou sem jeito e as garotas se olharam incrédulas enquanto Camila retirava as botas.

-Esta na cidade a pouco mais de doze horas e já arrumou alguém pra fazer sexo? Que classe, sem ofensas Zayn.

Ally destilando veneno com sutileza.

-Que assunto mais desagradável, a vida sexual do meu irmão, vamos falar de outra coisa? Aquecimento Global? Oriente Médio? O fim de iCarly? Quem aqui gosta do Gibby?!

Camila olhou pras duas garotas, ou pro meio entre elas que estavam de mãos dadas.

-Eu corro atrás do quê e quem eu quero, quado eu quero e acho que esse é um bom jeito de viver.

Ela mordeu o lábio inferior disparando para Zayn um olhar muito safado.

-Sem planos ou ordem, invadindo a casa dos outros, e dormindo com estranhos, sem ofensa Zayn, mas isso parece um jeito bom de para na lista de desaparecidos.

Lauren riu do comentário da namorada.

-Essa é a viagem da minha vida, é um risco eu sei, mas - ela pensou - um pouco do bom e velho caos fazem bem a alma Zangadinha.

Lauren olhou pra Camila como se ela fosse a Viúva Negra ou a Tókio de Lá Casa de Papel.

-Eu tenho um nome sabia? - Retrucou Ally.

-Eu sei, é Ally - Camila pronunciou como se tivessem trinta letras - mas eu posso conhecer muitas Ally's pela estrada, mas só uma Zangadinha.

A loira virou a atenção e o rosto para Lauren ignorando o comentário da outra.

-Vamos pra minha casa amor?

-Claro, eu vou só trocar de roupa.

-Então é minha vez e do Zayn de transar no sofá? - Comentou Camila aproveitando a deixa.

Ally nem se quer olhou pra ela pra responder.

-Que comentário vulgar.

-Diz a garota que tava quase procurando pérola na ostra da namorada no sofá da sala - Camila responde rindo.

-Garotas, qual é? Camila quer conhecer o meu quarto? - Convida Zayn na tentativa de acalmar os ânimos.

Mas Ally empurrou ele.

-A Lauren tá trocando de roupa no quarto de vocês Zayn.

-Relaxa aí Lucrécia, eu não avanço em toda garota que eu vejo sem roupa!

Zayn ficou entre elas.

-Minha irmã não é um pedaço de carne.

-Se eu fosse seria filé mignon, Vadio - Comentou Lauren voltando pra sala, sem dúvida uma troca de roupas rápida.

-Meu pedaço de filé mignon - complementou Ally - estamos de saída - laçou o braço da namorada - Zayn, Intrusa.

As duas não chegaram nem na metade do corredor antes de Ally soltar veneno.

-Não suporto essa garota.

-Porque ela fica flertando com todo mundo igual a Viúva Negra?

A outra olhou feio pra namorada.

-Não, porque ela apareceu do nada e fica agindo como se não existisse uma ordem natural.

Mais uma vez Lauren se decepcionou pela namorada não ter demonstrado ciúmes dela, seria Ally uma dama tão evoluída? Ou apenas não via ela como uma pessoa desejável?

-Alem do mais, ela fica olhando pra nós como se fosse começar uma orgia e eu não tenho olhos para mais ninguém.

Foram felizes para a casa de Ally, mas Lauren ficou com a pulga atrás da orelha.

 

 


Notas Finais


No próximo capítulo, alguem vai terminar com alguém, e um certo alguem vai ficar putaça e querer tirar satisfações.

Obrigado pelos comentários gente, cada um é especial pra mim viu

Comentem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...