1. Spirit Fanfics >
  2. Membros >
  3. Naliet

Naliet

Naliet
Nome: ㅤ♡͢  ﹫mαlu ¡ nαliᥱt! ♡☃️ᶻᶻᶻ  bonjour mon petit! ✧₊˚ ㅤ
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo - SP
Aniversário: 9 de Fevereiro
Cadastro:

Naliet


♡!ˀˀ . . . 𝒆𝒏𝒕𝒉𝒖𝒔𝒊𝒂𝒔𝒕 ━ 𝑦𝑜 𝑡𝑒 𝑞𝑢𝑖𝑒𝑟𝑜 𝑎𝑠𝑖

— { ☃️ } 𝒘𝒆𝒍𝒄𝒐𝒎𝒆 𝒕𝒐 𝒍𝒐𝒗𝒆 𝒄𝒊𝒕𝒚 ↳ @minnielist @otsukareworld ...

writing for myself ...

editing for @moonchildesign, @citylightx @twicetales ...

♥︎_𝒍𝒐𝒗𝒆 𝒇𝒐𝒓 𝒎𝒚 𝒅𝒂𝒓𝒍𝒊𝒏𝒈𝒔 ˃ ³ ˂

Por favor, sem divulgação e pedidos por MP.

Portfólio: http://itsnaliet.tumblr.com

Sobre flores que crescem, nascem e morrem

Postado


Escreveu Sobre Naliet, a flor

Olá a todos, sou a Naliet, mais conhecida como Malu.
Creio que se você está lendo este jornal ou publicação no meu Tumblr você deve ter o mínimo de consideração por mim, ou é apenas curioso e não resistiu em ver o que essa maluca está fazendo.
Vou falar de um assunto que venho pensando a algum tempo na minha vida, uma coisa que não é muito agradável de falar, porém que é extremamente necessária.
Primeiramente, não, eu não vou largar o Spirit, a escrita e/ou a edição; continuarei no site, podem ter certeza.
Segundamente, espero que entendam que este não é um jornal breve, após muito pensar ele foi decidido e planejado, agradeço a @airolg por me incentivar a fazer isso e por betar o jornal!
Terceiramente, eu vou realmente abrir meu coração e contar algumas fases da minha vida, envolvendo o Spirit ou não, espero que me entendam!
Como a boa frescurenta que sou, pretendo explicar tudo em partes, como a lua, espero que amem todas as minhas fases.




Escreveu Germinar

Comecei no site em 2015, não com este nome e muito menos com essa conta. Minha primeira conta foi a com nome de “maeia”, uma garotinha de onze anos com problemas de autoestima que encontrava um bom refúgio em fanfics com escrita ruim.
Me senti maravilhada com a quantidade de histórias que o site possuía, então decidi começar a fazer parte daquele meio também!
Escrevi minha primeira fanfic, era extremamente horrível, então apaguei. Depois vieram outras e outras, todas apagadas também, naquela época eu não conhecia o mundo do kpop ou algo do gênero, eram apenas histórias que minha mente de pré adolescente criava, e, bem, como eu tinha apenas onze anos e não era nenhum gênio, todas as fanfics escritas eram horríveis.


Escreveu Sobre crescer

Em 2017 criei esta conta, o nome maeia permaneceu por pouco tempo, após alguns meses MarmotArrota tomou o lugar e deu vida a um nova história.
“Intercambista” foi a primeira história em que realmente me dediquei a escrever, mesmo não sendo a melhor escrita e nem mesmo o melhor shipp, eu decidi continuar. Ela teve sofridos trinta e sete capítulos, porém com um bom engajamento, era atualizada regularmente e possuía leitores fiéis. Hoje em dia com 480 favoritos é uma fanfic que me deixa ver todo o meu avanço.
Em 2018 entrei no meu primeiro projeto, MooMooProject me introduziu no mundo das one shots, desde então não parei de entrar e sair de projeto, o @HeteroUniverse é um projeto em que permaneço há quase três anos e fiz amizades incríveis!


[centro
Escreveu Sobre Amadurecer

Participando de tantos projetos, acabei tendo vontade de criar um. Minha melhor amiga — clichê, né, galera — e eu decidimos criar um, não sabíamos bem como, porém desajeitadas, o @GGland acabou nascendo.
Durou por pouco menos de um ano, logo teve seu fim, porém não demorou para o @OtsukareWorld surgir em nossa mente e darmos início à montanha russa que o otsukare é para mim.
Devo admitir que vivo em um relacionamento de amor e ódio com ele até hoje, é um projeto que eu realmente amo e me orgulho. O otsukare é o lar de muitas designers, escritoras e betas talentosas, é um projeto tanto o quanto especial para mim que está a passar por uma mega reforma e logo aparecerá com uma cara nova!
[/centro]

Escreveu Sobre desabrochar

em 2019 dei início a minha carreira de designer, baixei o Photoshop Cs6 portable em meu notebook e comecei a editar capas, devo admitir que não era tão gratificante no começo. Apenas neste mesmo ano, 2020, comecei a realmente gostar do que editava, e ao mesmo tempo me entrosar com diversas figuras do site.
As aclamadas @Harmonix, @Tranczy, @llolajikooka, @Mephrite, @Hobixx, @XxPujinxX_ , @Hypados, @plasticjeon, @Doukyuusei e @Vjzip foram figuras totalmente importante para meu desenvolvimento, realmente gosto muito de cada uma delas.



Escreveu Sobre morrer

Poucos sabem, porém 2018 foi uma fase um tanto quanto complicada para mim, vivia postando alguns drabbles sad e coisas do tipo, sentia uma tristeza um tanto quanto profunda, não me sentia feliz e chorava constantemente. Tive a oportunidade de passar em uma psicóloga, porém a mesma não parecia tão voltada a me dar uma diagnóstico, então apenas queria fofocar sobre as coisas que passavam em minha cidade pequena — não cheguei a contar, mas no meio tempo de 2016-2017 me mudei de cidade, e de 2018 até agora vivo em outra, porém logo mudando para uma outra novamente —, acho que a maioria das pessoas passaram por isso dentro da sua adolescência, e para a surpresa de ninguém, eu sou adolescente!
Com essa tristeza implacável me foquei mais em me tratar, tanto a mente quanto o espírito.
Comecei a tentar fazer um tratamento sozinha, a Glória sempre me dava auxilio, em crises e algo do tipo ela sempre estava comigo, mesmo que longe — não gente, Glória não morreu —, todas minhas fanfics passaram a ficar desatualizadas e antes de tentar melhorar meu perfil era recheado de drabbles sobre suicídio, tristeza e etc. Foi uma fase bem escura da minha vida que eu prefiro me manter longe.
2019 foi um ano bom, primeiro ano do ensino médio, coisas boas acontecendo, comecei a ver efeito em meu esforço para ficar bem. Várias coisas me auxiliaram, não consigo colocar tudo com os mínimos detalhes porque isso não é uma biografia, mas sim um desabafo, porém aposto que se eu fizesse um biografia ela nem ao menos sairia da editora — risos.
Devo dizer que insegurança como capista não era tão grande em 2019, havia acabado de iniciar e sabia que não era boa.
em 2020, neste mesmo ano, foi quando tudo se bagunçou de novo.
Me sinto realmente uma grande improdutiva. Eu estava vivendo um pico de coisas para fazer, muitos cursos, escola e brigas familiares, não vamos entrar muito em detalhes.
Então ele chegou. Sim, vocês devem estar pensando certo, o Mr. Corona Vírus, como um raio de destruição ele passou a tomar vidas, destruir famílias e dividir opiniões.
Não quero expandir muito para o momento político ou histórico em que estamos vivendo, acho que vocês não precisam ouvir isso de uma garota de 16 anos para saber que nosso presidente é um Sr. Babaca.
Voltando ao Spirit, vocês se perguntam como isso interliga com esse jornal, qual o motivo para eu contar essas histórias que talvez ninguém leia.
Vocês se lembram daquele momento escuro de 2018, então, ele parece estar voltando?
Sim senhora, é o que você leu.
Eu realmente pretendo fazer um grande esforço para entregar tudo, me sinto extremamente infeliz com meu trabalho como escritora dentro dos projetos o qual faço parte na área, eu apenas sinto que as coisas não fluem mais naturalmente, sinto que estou acorrentada com correntes que eu mesma prendi, então agora preciso encontrar as chaves.
Meu trabalho como designer também não é um dos melhores, eu não odeio minhas capas, porém também não posso dizer que estou 100% satisfeita com todo o meu trabalho.
Eu sinto uma pressão que não deveria, quando eu vejo as dezenas de trabalhos e outras obrigações acumuladas eu realmente tenho vontade de ficar na minha cama dormindo, é algo difícil de se imaginar como além de preguiça, só me culpo por não poder fazer o que eu realmente queira.
Como dito antes, não deixaria o Spirit, gosto do site, me sinto bem, porém deixo registrado aqui minha saída de alguns projetos. Certamente terminarei meus trabalhos pendentes e não citarei qualquer um deles por enquanto, é uma surpresa!
Apenas sinto que preciso de um tempo para Naliet desenvolver seus projetos pessoais parados a dois anos, terminar suas fanfics e dar início em outras plataformas.
Naliet precisa morrer para germinar novamente, então espero que aguardem meu retorno na área de projetos, amo muito os que estou e realmente não é nada pessoal, é apenas saúde.


Mostrar Spoiler: Considerações finais
Citação:

Claro, se você chegou até aqui você deve realmente ser meu amigo, ou pior, uma pessoa que acompanha meus trabalhos inacabados — frustrante, não?.
Seja lá quem for você, obrigada por tirar um momento para ler a triste história de uma adolescente de 16 anos com problemas.
Caso queiram conservar comigo podem me chamar por MP que a gente troca uma ideia, belê?
ps. desde que eu escrevi esse jornal o meu Photoshop parou de funcionar🤡🤡🤡, quem amou?



de: Naliet
para: Quem quiser!

Permalink Comentários (10)

[26/07/2020] Abertura de pedidos para preencher novas canções by Minnielist

[19/07/2020] Naliet fica maluca e abre pedidos (de novo), junto com uma mega doação de capas!

[29/06/2020] Malu ficou doida e trouxe uma mega doação de capas

[26/04/2020] E vamos desafio de escrita atrasado


Atualizações do Usuário

Usuário: Naliet
Favoritei a história
História: Propício ao Erro
História: Propício ao Erro
Dentre centenas de coisas que Jaemin podia dizer sobre si mesmo, com certeza uma das mais relevantes seria a sua ridícula tendência a errar. Com vinte dois anos e um clube dedica..
Usuário: Naliet
Favoritei a história
História: A beleza que o espelho não mostra
História: A beleza que o espelho não mostra
Umji já perdera a conta de quantas vezes encarou o espelho daquela forma. O que havia de errado em si? Aos seus olhos, a mesma só tinha defeitos.
Usuário: Naliet
Favoritei a história
História: O Vampiro Dengoso
História: O Vampiro Dengoso
Kim TaeHyung conta seu dia a dia com seu humano HoSeok de uma forma cômica e cheia de glicose. E HoSeok tenta sobreviver aos dramas, birras e dengos de seu namorado barra melhor ..
Usuário: Naliet
Favoritei a história
História: Little boy in the grass
História: Little boy in the grass
Min Yoongi é um paciente diagnosticado com transtorno de ansiedade generalizada e agorafobia. Jung Hoseok é um enfermeiro da ala infantil no mesmo hospital onde Yoongi está inter..
Usuário: Naliet
Favoritei a história
História: Colorido no preto e branco
História: Colorido no preto e branco
Fora realmente uma surpresa para o jovem tatuador quando aquele cara passou pela porta de seu estúdio. De primeira, Kageyama apenas ficou confuso. O corpo daquele que estava a su..