1. Spirit Fanfics >
  2. An Empty Bliss Beyond This World

História An Empty Bliss Beyond This World


Escrita por: jiejie

Fanfic / Fanfiction An Empty Bliss Beyond This World
Sinopse:
Megumi levantou a cabeça imediatamente ao ouvir o que Gojou disse, sentindo as orelhas esquentarem mais ainda com o sorriso cheio de divertimento que recebeu.

“Você gosta dele, não gosta?”

Era uma pergunta inocente. Claro, poderia ter sido inocente, contudo o tom de voz e a forma como a cabeça de seu sensei maneou em seguida disseram a Megumi que não havia nada puro ali — ele conhecia Satoru melhor que isso. Nada vindo de um homem cujas intenções eram envergonhá-lo a todo momento poderiam ser inocentes.

“Quer dizer, não é que seja difícil de perceber. Eu sei.” continuou a falar, vendo que Megumi não tinha a mínima intenção de responder “Eu deveria perguntar como Itadori não percebeu ainda.”
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 4.118
Favoritos 1.266
Comentários 66
Listas de Leitura 443
Palavras 3.376
Concluído Sim
Categorias Jujutsu Kaisen
Personagens Megumi Fushiguro, Yuji Itadori
Tags Fluffy, Fushidori, Fushiguro, Hurt/comfort, Itadori, Meguji, Yuuji

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama / Tragédia, Ficção Adolescente, Gay / Yaoi, LGBTQIA+, Romântico / Shoujo, Sobrenatural
Avisos: Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1
Loving you even with the rain, Yuuji
66
4.118
3.376

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por Unicornio_De_purpurina
Capítulo 1 - Loving you even with the rain, Yuuji
Usuário: Unicornio_De_purpurina
Usuário
Terminei Jujutsu essa sexta, e como uma bela fanfiqueira eu tive que dar uma olhada nas fanfics. E sinceramente, essa foi a mais linda que eu li, mesmo sendo bem curtinha. Meus parabéns
Postado por Fushigurinhoo
Capítulo 1 - Loving you even with the rain, Yuuji
Usuário: Fushigurinhoo
Usuário
Que obra! Meu Deus estou totalmente apaixonada. Era isso que queria procurar nesse shipp, não algo clichê ou bonito mas sim, algo significativo. O drama envolvido... é tudo perfeito, parabéns!
Postado por dulaay
Capítulo 1 - Loving you even with the rain, Yuuji
Usuário: dulaay
Usuário
primeira fic de jjk que eu leio e já me apaixonei, não só pelo shipp, mas pela escrita emocionante e maravilhosa, perfeita demais
Postado por TTyeol
Capítulo 1 - Loving you even with the rain, Yuuji
Usuário: TTyeol
Usuário
Eu não sei exatamente o que dizer depois de ler essa história, porque ainda estou em completo choque. Fushidori é um shipp que tomou espaço no meu coração esses dias, e vê-los tão graciosamente escritos em uma história me deixou sem palavras. A temática, a escrita, o desenvolver dos fatos... Acho que encontrei o paraíso, e o paraíso se chama "An empty bliss beyond this world". Eu amei o fato de que você construiu um Megumi extremamente fiel e com um medo tão delicado, mas que preencheu a obra de significado. O som da chuva, dias chuvosos, o Itadori, batidas de um coração... Quando cheguei no final de história, tive que conferir como estavam os meus batimentos, porque, Deus, eu me senti tão viva, tão melancólica, mas tão contente ao mesmo tempo. A frase final foi o que me destruiu, sobre o Itadori não poder fazer promessas, mas aquilo, mesmo assim, ser suficiente para o Megumi. Porque, sim, o Yuuji vai morrer, e todos nós sabemos disso, mas evitar falar sobre parece que anula o fato, não? Acredito que o Gojou tenha feito mais do que certo ao mencionar o assunto para o Fushiguro; o fato dele mostrar a realidade com tanta rigidez fez o Megumi se tocar da gravidade do problema. Aproveitar os momentos que restam ao lado do Itadori é tudo o que ele pode fazer.

Muito obrigada por partilhar uma obra de arte dessas com a gente! Eu me encantei com cada uma das suas palavras. Você recheou minha manhã de terça-feira e me lembrou, ironicamente, que estou viva, que meu coração bate e que o tempo escorrega pelos dedos