1. Spirit Fanfics >
  2. Listas de leitura >
  3. × Acompanhado de um café

Lista de leitura × Acompanhado de um café

Lista criada por: eujungoo
10 histórias
escrita por yssminmin
Fanfic / Fanfiction Só Mais Um
Em andamento
Capítulos 11
Palavras 55.596
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Gêneros Comédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Gay / Yaoi, LGBTQIAPN+, Universo Alternativo
Onze.

Era aquela a realidade da família Jeon, mais precisamente, do patriarca alfa Jeon Jeongguk e seu esposo ômega, Jeon Jimin. Onze filhotes. Onze filhotes meninos, todos alfas lúpus.

A verdade era que, aparentemente, além de lobos, eles também eram coelhos. Jeongguk não fazia ideia de como eles haviam chegado ao ponto de serem reconhecidos em todo o país como o casal com maior número de filhos homens e alfas, e nem em como seu delicado esposo havia passado por sete duras gestações. Ele somente lembrava-se de saber que seu ômega desejava uma menina, uma doce menina que pudesse rechear aquele azul imenso de um rosa bebê, e que pudesse lhe fazer comprar vestidos, sainhas, tiaras e bonecas. E que, talvez, pudesse sair com pelo menos algumas características suas, considerando que, desde sua primeira gravidez, Jimin somente via refletido em seus filhotes a imagem de Jeongguk. Nada de si, oras, e fora ele quem dera a luz!

Então, passados exatos três anos desde sua última tentativa — que resultara em um lindo alfa de fofos dentinhos tortinhos de coelho —, Jimin achara ideal tentar mais uma vez, como uma bela última tentativa. Claro, que, jogando a culpa no fato de que ele odiava números ímpares, não no fato de que, para si, a esperança sempre é a última que morre.

Todavia, estaria Jeongguk de acordo com mais uma proposta? O pobre alfa estava farto de tantas noites acordado e de tantas fraldas, mas negar um filhote era, para o lobo de um ômega, uma recusa dolorosa. Mesmo que este mesmo ômega já tivesse tido onze filhotes, sempre seria algo doloroso.

E, então, ou Jeongguk aceitava e virava pai pela décima segunda vez, ou ele negava e deixava seu ômega profundamente magoado e triste consigo. E então, o que ele escolheria?

“Só mais um, Gukkie-ah.”
  • 3.566
  • 1.200
escrita por Seoyoon
Fanfic / Fanfiction I'm Your Toy
Em andamento
Capítulos 12
Palavras 38.962
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drama / Tragédia, Ficção, Gay / Yaoi, LGBTQIAPN+, Romântico / Shoujo, Universo Alternativo
Não havia a nada no mundo que ele me pedisse sorrindo que eu não fizesse chorando.
Eu era um idiota, mas era um idiota apaixonado que iria para o inferno só para ver um pequeno sorriso em seu rosto.
O sorriso que ao mesmo tempo em que era meu paraíso, era também minha perdição.
E como o bom brinquedo que eu era e sempre fui, faria absolutamente tudo o que ele quisesse.

"Quem se importa com os meus sentimentos?
Você pode brincar comigo até cansar
Se for você
Tudo bem, até se for me quebrar
Porque eu sou um brinquedo"
— Toy - Block B

| Jikook | Namjin | Yoonseok |
  • 730
  • 232
escrita por paulinhamrs3
Fanfic / Fanfiction Married and marked
Concluído
Capítulos 35
Palavras 146.674
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Gay / Yaoi, Romântico / Shoujo, Sobrenatural, Universo Alternativo
Para Park Jimin se casar não era somente um ato perante à lei de sua época e às pessoas, era acima de tudo um ato de amor. Ele sempre imaginou que quando subisse no altar seria com alguém que estimasse, respeitasse e amasse. Uma marca verdadeira não seria apenas aquela que o alfa deixaria em seu corpo, e sim aquela que ele deixaria em sua alma. Porém a situação em que se encontrava era deveras diferente. Ele não se importava se sua mãe, os Jeon, ou qualquer outra pessoa queria que ele se casasse com aquele homem. O que realmente tinha significância naquela situação toda para Jimin, era o fato de que a felicidade de seu irmão mais amado estava em jogo. E o que Park Jimin não faria por Park Yoongi? Ele realmente faria de tudo para que aquele sorriso tão único nunca saísse dos lábios do irmão mais velho, até mesmo se casar com alguém que ele odiava e repudiava: Jeon Jungkook.
  • 16.469
  • 6.785
escrita por Leemika_
Fanfic / Fanfiction O último dia de primavera.
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 5.689
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drama / Tragédia, Gay / Yaoi, LGBTQIAPN+, Universo Alternativo
Park Jimin era uma garota.

Sua mãe a chamava de "filha".
Seus colegas a chamavam de "amiga".
Desconhecidos a chamavam de "senhorita".
Ela tinha seios fartos e órgãos reprodutores iguais os de uma mulher.
Até seus documentos constavam que ela era do sexo feminino.

Era, com todas as letras, uma garota.

Tendo todos esses atributos femininos, por que então Jimin nunca se sentiu como tal?

▪Jikook▪Anos 80 ▪Trans!Jimin ▪ Shortfic +18

Capa: @Bangtantvx
  • 199
  • 26
escrita por BusanCity
Fanfic / Fanfiction Solta minha linha!
Concluído
Capítulos 1
Palavras 4.510
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Comédia, Gay / Yaoi, LGBTQIAPN+, Universo Alternativo
Jimin era conhecido como o melhor pipeiro de todo o morro. Até a chegada de Jeongguk, um moleque pé no saco que vinha lhe dando dor de cabeça com sua marrinha, o cortando e acabando com sua reputação.
  • 795
  • 51
escrita por bullshift , JMINK e BusanCity
Fanfic / Fanfiction Te Juro Pinga
Concluído
Capítulos 1
Palavras 5.531
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Comédia, Gay / Yaoi, LGBTQIAPN+, Universo Alternativo
De rico, Jeon Jungkook tinha apenas sua conta no Overwatch. Mas, isso não impedia de invadir festas dos grã-finos, até porque ele podia ser pobre, mas o coração era nobre. E Park Jimin, que desconhecia a realidade de quem vivia nas zonas populares, reconhecia isso enquanto virava um copo de bebida barata, recebendo o juramento de que sempre teria pinga para os dois.
E, no final, era só isso que importava.

jikookBR | tentativa de comédia | +18 pelo yaoi
  • 468
  • 29
escrita por LadyHee
Fanfic / Fanfiction Fumaça
Em andamento
Capítulos 15
Palavras 60.330
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Ação, Comédia, Drama / Tragédia, Famí­lia, Literatura Erótica, Luta, Policial
Nanda não precisava de mais responsabilidades do que já possuía, muito menos de problemas, afinal, tinha se tornado especialista em evitá-los... E, tratando-se de problemas, Park Jimin com certeza encaixava-se nessa categoria. Evitar um ruivo babaca que não largava o cigarro entre os dedos e tinha o prazer de atormentar seus dias na faculdade e no trabalho, seria apenas mais uma de suas tarefas diárias. Ela só não sabia que ignorá-lo era tudo o que precisava fazer para chamar a atenção dele.
  • 970
  • 367
escrita por TioMonster
Fanfic / Fanfiction Garoto de Ipanema
Concluído
Capítulos 1
Palavras 533
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drama / Tragédia, Gay / Yaoi, LGBTQIAPN+, Musical (Songfic)
Porque Jimin foi a coisa mais linda e cheia de graça que Jungkook já viu em toda sua vida.
  • 175
  • 7
escrita por bullshift
Fanfic / Fanfiction Quando Você Deságua, Eu Oceano
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 3.313
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Gay / Yaoi
Yoongi possuía muito medo do mar, mas isso não o impediu de se apaixonar por Taehyung, um modelo que fugia de sua rotina simplesmente para mergulhar e esquecer-se dos problemas. Juntos eles aprenderiam que medo era algo psicológico e, apesar de tudo, não importava onde estivessem, se estivessem juntos.

taegi | threeshot | soulmates!au | sidefic de quando nos vênus, juro a marte | +18
  • 371
  • 15
escrita por MonaJoker
Fanfic / Fanfiction Teeth - Especial De Halloween
Concluído
Capítulos 1
Palavras 22.385
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Comédia, Fantasia, Gay / Yaoi, Sobrenatural, Universo Alternativo
Sempre achei que evitar o perigo era uma ótima forma de proteção, que iria garantir muitos e muitos anos de vida e que isso serviria para qualquer ser humano.

Mas talvez me pôr em perigo quando eu conheci Jungkook, quando eu o vi de perto enquanto sua boca estava manchada pelo sangue rubro… me fez sentir vivo, principalmente quando depois resolvi passar da linha do medo e encarar o perigo frente a frente. Por livre e espontânea vontade. E se não fosse por isso, eu não teria conhecido uma criatura tão maravilhosa como aquela… uma criatura que era julgada por todos, principalmente na noite de Halloween.

Ah, se eles o conhecessem como eu o conheço, no primeiro segundo suas expectativas seriam igualadas a zero. Afinal, Jungkook é e sempre seria único.

KookMin ● JungkookVampire!AU ● Especial De Halloween
  • 1.004
  • 48