sirinx

sirinx
/unknown[?]
Nome: ♛ Sophie_chan_ ♛ Hazell_Grace ♛ Joana ♛ rainha da nutella ♛ sirinx
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Roque, São Paulo, Brasil
Aniversário: 20 de Março
Cadastro:

sirinx - /unknown[?]


"só é lutador quem sabe lutar consigo mesmo."


simples aborrecente, fascinada pela
cultura asiática, pagando-se de
escritora e designer


여기 붙어라 모두 모여라

;um possível adeus

Postado

Neste exato momento, estou me questionando se alguém irá ler esse jornal. E, no meio dessa indagação, vem outra: por que raios estou escrevendo esse jornal? Sinceramente, não consigo achar uma resposta para estas perguntas, como para tantas outras que cercam minha vida. No final, não sei de nada. E muito menos porque estou me despedindo, se nem sei se tenho alguém para me despedir aqui. Está meio obvio que não converso no site, apenas basta olhar meu perfil e ver que nunca estou na Timeline e, as pessoas que me tem no Whatsapp, percebem que nunca converso nos grupos. Então... Por quê? Por que estou escrevendo essas baboseiras? Pois, tento crer no fundo do meu âmago, que tem alguém que me acompanha, mesmo que eu seja essa garota antissocial e silenciosa. Alguém que entra no meu perfil para ver se eu postei algo ou procura por alguns blogs as capas que eu faço, esperando publicar algo novamente. Tento acreditar nisso. Então é por isso que estou escrevendo esse jornal. Para dar um adeus para esta pessoa, se existir.

E, sim, estou me despedindo dessa plataforma. Talvez, esteja dando um Bye Bye para tudo ao meu redor. Escola. Família. Vida. Quer dizer, ainda não tenho certeza dos últimos citados, alguma hora posso dar um fim neles, mas daqui, desse site e desse mundo da web, estou dando uma afastada. Basicamente, a razão disso pode ser resumida em uma frase: estou doente. Em outras palavras, estou me afundando cada vez mais na doença que todos apelidaram como "Depressão". Apesar de que eu sempre estive afundada, em alguns momentos, quase me afoguei, mas hoje, atualmente, meus pulmões estão quase deixando de trabalharem. Estou quase parando de respirar. E, mesmo que eu odeie dizer que o que sinto seja "Depressão" (para ser sincera, odeio essa palavra mais que tudo nesse mundo), sei que tenho ela comigo, dentro de mim, e isso há muito tempo. Quando ela começou, tinha 11 anos, no 6° ano, e, agora, vou fazer 16 anos daqui dois meses e estou entrando no 2° ano do Ensino Médio. Isso é muito tempo. Muito tempo com essa tristeza eterna dentro de mim. E, para falar a verdade, sei que ficarei com ela até o resto da minha vida. Se eu não der fim nela, quer dizer. Minha vida, estou me referindo.

Colocarei trechos de desabafos escritos por mim ano passado, para vocês verem que estou falando sério:

"Acho que está na hora de me matar. Apenas parar de caminhar. Parar. Matar. Está na hora. O relógio está batendo. Ele está avisando que é o minuto certo para pegar a lâmina e fincar no pulso. Cortar a veia. romper a vida. Matar. Está na hora de me matar. Eu cheguei a essa conclusão... Hora de me matar."


"Simplesmente, sei que sou inútil em todos os sentidos. E estou sendo sincera. E já aceitei isso há muito tempo. OK, não necessariamente aceitei, eu entendi. São duas coisas bem diferentes, apesar das pessoas acharem que não. Aceitar, quer dizer que você está de acordo com aquilo. Entender, quer dizer que você compreendeu o que ela quis dizer. Porém, apesar de não ter aceitado, sei que não posso mudar essas coisas. Sou inútil em todos os sentidos e permanecerei sendo assim, não importa o que eu faça. Não sou capaz nem de conversar com as pessoas. Como seria possível fazer as outras coisas? Sim, eu entendi. Sou inútil."


Tem mais, lógico que tem mais. Os que eu coloquei aqui são os mais leves e curtos. Há aqueles que são grandes e mais pesados, com a morbidez escorrendo das palavras. E eu sei que isso não é normal. Eu preciso me tratar, sei disso. Mas, primeiro, não sei se quero e, segundo, não dá. Como posso curar isso? Tomando remédios? Sinceramente, não, não confio em mim mesma com um frasco de pílulas ao meu lado. Já fiz uma loucura com eles, não lidarei mais com esse tipo de coisa. Ir para psicológica? Impossível se não tenho dinheiro e, destaco, não gosto de conversar. Perdi o gosto de bater-papo com as pessoas. E não posso sentar com minha mãe e meu pai e falar: Mãe, pai, preciso de ajuda. Eles já tem problemas de mais. Já tem meu irmão com autismo e o conselho do tutelar mordendo seus pés, além do meu outro irmão, pequeno e precisando de fraldas e roupas. Além da minha avó, que caiu no chão e o osso quase perfurou seu pulmão e, agora, está fazendo fisioterapia e cheia de dores. Sem contar que minha progenitora surtou quando descobriu que eu me cortava (isso, aos 11 anos) e foi o pior período da minha vida. Olhar para ela e enxergar a incredulidade em seu olhar era horrível. Para piorar, estamos em uma situação delicada financeiramente e com algumas questões familiares, não posso lhe trazer mais desgosto. Não quando eu já trago muito para dentro de casa.

Meu ano já começou numa verdadeira catástrofe. Talvez, alguém tenha visto minhas mensagens na Timeline, falando algumas coisas. Exclui no dia seguinte, então não dá para ler o que escrevi. Resumindo como passei a virada do ano de 2018: no quarto, chorando e desejando apenas dormir para sempre. Meu 2017 foi uma porcaria e, naquele momento fitando a parede suja do meu "esconderijo", cheguei a conclusão que 2018 também seria. E não é que eu estava certa? Apesar do ano nem ter começado direito, já iniciou de uma maneira ruim. Brigas. Brigas. E mais brigas. Sem dinheiro. Sem dinheiro. E menos dinheiro.

Não vou contar o que aconteceu, acho que já me abri de mais aqui e expus coisas que nem deveria. Nunca me desabafo com ninguém e, agora, estou postando um jornal num site onde outras pessoas podem ler meus sentimentos e rir deles. Assusta. Como assusta. Além de que tenho um pensamento esquisito, tratando-se do raciocínio que, para eu ser um pouquinho forte, tenho que guardar para mim e não dizer para ninguém. Falar, mostra o quão fraca sou. Por isso, avisando antecipadamente, talvez esse jornal seja apagado em algum momento, pelo simples fato de que minha consciência vai pesar e me sentirei altamente culpada e envergonhada. É o que eu sempre faço.

Retomando para a questão de que estou indo embora daqui. Pararei de visitar o site, o máximo que puder. Sairei de todos os grupos e projetos que participo, devidamente. Talvez, exclua todas as minhas fanfics, exceto aquelas que tem co-autoria, pois acho que não é correto de minha parte. Peço desculpas para todos aqueles que me mandaram mensagem, puxando papo comigo, perguntando alguma coisa ou apenas divulgando fanfics. Não sei o que tem em mim, mas algo me impede de conversar com as pessoas plenamente. Não sei explicar, apenas... Não consigo. Mesmo por um celular, notebook, computador, através de uma tela, sou incapaz. Por isso que escrevo textos, poesias, drabbles, é a única maneira que encontro de me comunicar. Me odeio por várias razões, mas talvez essa seja uma das principais. No entanto, saibam que sempre serei profundamente grata a todos. A todos aqueles que me elogiam, favoritam minhas histórias, comentam, ou apenas querem que dão uma olhada. Saber que um ser humano parou para ler algo meu, me deixa cheia de vida, diferente do que me sinto a parte do tempo.

A única coisa que me deixa machucada em relação dos usuários, são os xingamentos que já levei aqui. Sim, eu sei que sempre serei criticada, tanto fora da internet quanto dentro. Mas nunca esquecerei da vez que me arrisquei conversar na Timeline, na época que ainda havia o Ao Vivo, e recebi uma enxurrada de palavras ofensivas e indiretas. Apenas contei o que aconteceu num blog que participava (aliás, saudade dele, Sucker Designs sempre terá um espaço em meu coração), envolvendo a mim e uma cliente, sem citar seu nome, logicamente, e algumas pessoas que nem conhecia me xingaram. Houve uma pessoa que até mesmo um blog, envolvendo a palavra Kill no título e falando que "Aqui respeitamos os clientes, não xingamos" ou algo assim. Foi de manhã quando vi aquilo e, logo cedo, chorei. Fiquei sentada na minha sala, me sentindo uma porcaria e pensando a razão daquilo. Nunca conversava com ninguém e, quando tento... Plau! Aquilo aconteceu. Para piorar, no mesmo dia teria que encarar a escola, suportar aquele inferno e as pessoas me ignorando e me chamando de "muda" e '"bruxa". Foi triste, para mim. Além de ser julgada em todos os lugares que eu vou (escola e casa, pois minha vida é apenas isso), era julgada também em minha válvula de escape, o único lugar que me sentia bem.

Mas é apenas isso. De resto, amo esse site, mesmo que tenham apagado a Galeria e Vídeos. Quando minha "Depressão" (ah, como odeio escrever essa palavra) começou, foi aqui que eu achei um bote de salva vidas, para não me afogar logo de cara. Aqui que me incentivou a escrever e me fez encontrar a melhor coisa do mundo: a leitura. Não sei como seguirei minha vida daqui para frente, sem ninguém, sozinha tanto virtualmente quanto na realidade. Porém, tenho que me afastar daqui. Talvez, algum dia, volte a postar alguma história. Sei lá, uma long-fic? Talvez. Possivelmente, leia uma fanfic e outra, acompanhando os projetos que amo e aqueles que estão sendo criados. Não sei ao certo. Como disse no início, não sei de nada.

Mesmo que eu não saiba se alguém irá ler isso, adeus.

Escutando: City of the dead - Eurielle
Lendo: Palavras
Assistindo: Pensamentos
Jogando: Morte
Comendo: Memórias
Bebendo: Lembranças
Permalink Comentários (6)

Atualizações do Usuário

Usuário: sirinx
Adicionei um novo jornal
Jornal: ;um possível adeus
Neste exato momento, estou me questionando se alguém irá ler esse jornal. E, no meio dessa indagação, vem outra: por que raios estou escrevendo esse jornal? Sinceramente, não con..
Usuário: sirinx
Favoritei a história
História: Como posso cumprir minha missão
História: Como posso cumprir minha missão
Kyungsoo não podia fazer nada quanto as suas missões, coisa que destruía-lhe por completo. Entretanto, a última batalha estava se aproximando, será que ele finalmente teria a cha..
Usuário: sirinx
Favoritei a história
História: Acho que é sua camiseta branca
História: Acho que é sua camiseta branca
Jonghyun não podia simplesmente aceitar que estava apaixonado pelo garoto bonitinho que cuidava da floricultura perto de sua casa, por esse motivo sempre colocava a culpa na cami..
Usuário: sirinx
Favoritei a história
História: X1?
História: X1?
Chanyeol era um adolescente meio anormal. Além de ser um main Yasuo muito ruim, ele vivia dando rage em suas partidas, tinha uma coleção de bonecos funko pop!, um time no LOL ..
Usuário: sirinx
Favoritei o style
Style: Eclipse;
Style: Eclipse;
/.e?LIPSE qualquer pergunta sobre o style podem mandar mp; Mostrar SpoilerMostrar Spoiler: meu sofrimento pra vcsEU TO MORRENDO TO DESDE AS 22H/23H NESSE STYLE E EU NAO PODER..


Dados do Usuário

Animes Favoritos:
◙ Naruto
◙ Fairy Tail
◙ Tokyo Ghoul
◙ Inuyasha
◙ Lovely Complex
◙ Kamisama Hajimemashita
◙ Sailor Moon
◙ One Punch Man
◙ Nanatsu no Taizai

Bandas ou Músicos Favoritos:
◙ Evanescence
◙ System Of A Down
◙ Imagine Dragons
◙ Selena Gomez
◙ Katy Perry
◙ Ariana Grande
◙ Lady Gaga
◙ Rihanna
◙ Demi Lovato
◙ Miley Cyrus
◙ SNSD
◙ BIGBANG
◙ EXO
◙ 2Ne1
◙ Black Pink
◙ Supercombo
◙ OutroEu

Citação Pessoal:
''Minha mente é um papel e meus pensamentos são um pincel''

Filmes Favoritos:
◙ Onde Está Segunda?
◙ A Viagem de Chihiro
◙ O Castelo Animado
◙ Harry Potter
◙ Hobbit
◙ Jogos Vorazes
◙ Vingadores
◙ Enrolados
◙ Moana
◙ Valente
◙ Toy Story
◙ Sherk
◙ .... Todos os filmes da Disney e da Pixel

Gênero de Música favorita:
◙ Rock
◙ Heavy Metal
◙ K-POP
◙ J-POP
◙ J-ROCK
◙ Eletrônica
◙ A-POP
◙ MPB

Jogos Preferidos:
◙ Grand Chase (R.I.P)
◙ Elsword
◙ Alice Madness Returns
◙ The Sims
◙ Tomb Raider
◙ Call Of Duty
◙ Until Dawn
◙ Outlast
◙ The Evil Within
◙ Silent Hill
◙ Life Is Strange
◙ Hellblade: Senua's Sacrifice
◙ Horizon: Zero Dawn
◙ Undertale
◙ Fran Bow
◙ Alien Isolation

Mangás Favoritos:
◙ Boruto: Naruto Next Generations
◙ Cavaleiros do Zodíaco
◙ Boku no Hero
◙ One Punch Man
◙ Goblin Slayer
◙ Gakuen Alice
◙ Ameiro Paradox

Personagens de animes/mangás preferidos:
◙ Saitama
◙ Deku
◙ Sakura
◙ Sasuke
◙ Natsu
◙ Lucy
◙ Erza
◙ Gray
◙ Kagome
◙ Inuyasha
◙ Nanami
◙ Tomoe

Poeta ou Escritor Favorito:
◙ William Blake
◙ Nicholas Sparks
◙ David Baldacci
◙ Cassandra Clare
◙ Oscar Wilde
◙ Carlos Drummond de Andrade