1. Spirit Fanfics >
  2. Angel's Feather

Fanfics de Angel's Feather

Meu anjo suicida escrita por AkyaSanshi

Fanfic / Fanfiction Meu anjo suicida
Em andamento
Capítulos 4
Palavras 466
Atualizada
Idioma Português
Categorias Angel's Feather, Another
Gêneros Ficção Adolescente, Gay / Yaoi, LGBT, Literatura Erótica, Violência
Izaak e um garoto meio suicida mais vai acabar encontrando um amor improvável....
  • 1
  • 0

A melhor versão de mim escrita por Lostgirl77

Fanfic / Fanfiction A melhor versão de mim
Em andamento
Capítulos 4
Palavras 4.625
Atualizada
Idioma Português
Categorias Angel's Feather
Gêneros Fantasia, Ficção, Magia
a história é uma fanfic sobre os personagens Mephisto e Amaimon do anime "Blue Exorcist". Melissa é uma garota de 17 anos servida como sacrifício do Vaticano para Mephisto, que poderia fazer o que bem quisesse com ela. Nossa protagonista é diferente das outras pessoas corrompidas pelos acordos de Mephisto e isso o faz sentir interesse nela. Amaimon (irmão mais novo de Mephisto) não entende o fascínio pela garota e vai tentar compreendê-la a sua forma, e acaba ficando mais confuso do que antes.
  • 4
  • 1

Murasaki no Tenshi escrita por IoriKnight

Fanfic / Fanfiction Murasaki no Tenshi
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 619
Atualizada
Idioma Português
Categorias Angel's Feather, Ao no Exorcist
Gêneros Ação, Drama / Tragédia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Mistério, Romântico / Shoujo, Sobrenatural
A história se passa em Tokyo, 2014, quem a narra é o Estudante de 16 anos Iori Kobayashi, um Anjo Caído, entediado, disfarçado no mundo humano, mas, um dia, ele encontra Naomi Ren, outra Anja Caída, mas, ela esteve isolada do mundo, sem saber o que se passa entre Anjos, Caídos e Demônios
  • 1
  • 0

Uma adolescente comum escrita por tacinatica

Fanfic / Fanfiction Uma adolescente comum
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 110
Atualizada
Idioma Português
Categorias Angel's Feather
Gêneros Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Mistério
Hello amores aqui vocês vão acompanhar a história de uma adolescente comum que receberá uma notícia que mudará totalmente sua vida!
Que enfrentará muitos desafios para realmente encontrar sua essência!
  • 0
  • 0

Reviws da zoera ♡♥ escrita por malufnaf

Fanfic / Fanfiction Reviws da zoera ♡♥
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 264
Atualizada
Idioma Português
Categorias .hack//Liminality, .hack//Roots, .hack//Tasogare no Udewa Densetsu, 009-1, 11eyes, 21 Emon, 30-Sai no Hoken Taiiku, 3x3 Eyes, 666 Satan, A Channel: The Animation, A Little Snow Fairy Sugar, Angel Beats!, Angel's Feather, Ao no Exorcist
Gêneros Ação, Aventura, Comédia, Drabble, Drabs, Drama / Tragédia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica / Sci-Fi, Gay / Yaoi, Lésbica / Yuri, Literatura Erótica, Luta, Magia, Steampunk, Violência
E onde mostra opinião ,zoera e anime , serie e desenho sao melhores amigos
Apresentadores
Eu
Cérebro
J
Yongli
Kawi
  • 1
  • 2

A alcateia de Moon escrita por nathalieBrend

Fanfic / Fanfiction A alcateia de Moon
Em andamento
Capítulos 3
Palavras 1.330
Atualizada
Idioma Português
Categorias Angel's Feather
Gêneros Aventura, Drama / Tragédia, Ficção, Ficção Adolescente, Literatura Erótica, Luta, Mistério, Policial, Romântico / Shoujo, Terror e Horror, Violência
Essa é a história de uma pequena filhotinha chamada Moon, Moon sempre teve uma curiosidade sobre o território proibido, o território proibido esconde grandes segredos, e ela tentará descobrir todos eles, seus pais são bem protetores com ela, e seus 2 irmãos nunca a deixam em paz, de vez em quando ela consegue sair de fininho para correr e brincar com seus amigos,ela não entende prq seus pais a protegem tanto
  • 1
  • 0

Uma garota nada comum escrita por Ryuichi_OneeSan

Fanfic / Fanfiction Uma garota nada comum
Em andamento
Capítulos 3
Palavras 202
Atualizada
Idioma Português
Categorias Amnesia, Angel's Feather, Ao no Exorcist
Gêneros Drama / Tragédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Magia, Musical (Songfic), Poesias
Raphaella uma garota comum ou incomum?

Igor um espírito que causou a amnesia da Rapha
  • 2
  • 0

Um aprendiz de alquimista escrita por Ruhtra963

Fanfic / Fanfiction Um aprendiz de alquimista
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 715
Atualizada
Idioma Português
Categorias Angel's Feather
Gêneros Aventura, Comédia, Drama / Tragédia, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Literatura Erótica, Luta, Magia, Misticismo, Romântico / Shoujo, Universo Alternativo
A história se passa no universo de fma, e conta a história de Nicolas, um jovem que deseja se tornar um alquimista, e que conhece seu futuro com isso.
  • 1
  • 0

Blood Vampires escrita por Wendy121211

Fanfic / Fanfiction Blood Vampires
Terminada
Capítulos 1
Palavras 842
Atualizada
Idioma Português
Categorias Angel's Feather
Gêneros Aventura, Comédia, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Mistério, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror
Jessie é uma menina sorridente que para os outro sorri mas de noite chora baldes de lágrimas, é uma menina depressiva que vai se mudar para o Japão com seus pais que viajaram em trabalho com sua filha que estavam e vai se apaixonar por um rapaz bonito mas Jessie vai se arrepender por certos motivos.
  • 1
  • 0

Chuva de novembro escrita por duda_justin

Fanfic / Fanfiction Chuva de novembro
Terminada
Capítulos 1
Palavras 493
Atualizada
Idioma Português
Categorias Angel's Feather
Gêneros Drama / Tragédia, Romântico / Shoujo
Sozinho posso te ver melhor,
Quando se vai o sol,
Procuro o fio do seu cabelo no lençol.

Baixei aquele filme que, ce disse que era bom,
E vi que nada é tão bom
Quando cê não tá aqui.

Um dia sem você é triste,
Uma semana é maldade.
Um mês não existe.
Dou meus pulos, atravesso a cidade.

Junto dinheiro pra financiar a viagem.
Uma bolacha, salgadinho,
2 "refri" e a passagem.

Já era, já fui, me espera amor,
Vo atrasar mais 10 minutos,
Parar pra te comprar uma flor
E tô pronto, na melhor roupa que eu tenho.
Uma rosa na mão esquerda, na outra mão um cartão com desenho.

Correndo pra rodoviária,
O "busão" sai às 9.
Desculpa o cartão molhado,
É que novembro sempre chove à tarde.

E hoje a chuva "tá" bolada,
Já me sentei, fiz minha oração,
Se Deus quiser,
Nem pega nada, vai.

Tô indo sentado,
Vendo as montanha.
Lembrando que quanto mais você me perde,
Mais vezes você me ganha.

E aquela briga ontem foi foda,
Eu não queria te dizer, que eu não queria ter você,
Mas eu queria que você soubesse que eu me importo.
E que eu sinto que essa chuva é o reflexo do estado do meu corpo.

E foi pensando nisso
Que me joguei pra cá.
Pra ver se quando eu te encontrar,
Eu faço essa chuva parar.

Será que isso é possível?
Eu sonhador demais,
Na entranha dor demais,
Essa estranha dor é mais do que saudade.

É como uma necessidade,
De poder ter a certeza que não era verdade,
O que você disse por telefone,
Que tava na hora de eu te provar que podia ser o seu homem.

Que um menino
Que nem pode sustentar um lar,
Nunca seria bom o suficiente
Pra tu casar.

Foi pensando nisso
Que eu entrei nesse "busão",
Mas talvez
Eu seja só um menino com uma rosa na mão.

E eu te ligo no celular,
Te avisando que eu tô indo,
E te pedindo,
Pra ir lá par me esperar,

Mas você,
Que nunca disse que me ama,
Mais uma vez desliga sem dizer
Se arruma e vai pra cama.

Tudo bem,
Dorme bem amor,
Te amo,
Quando acordar passa perfume
Que o seu homem "tá" chegando, vai.

(Me espera, tá? me espera...)

A cada segundo a chuva aumenta,
Nessa poltrona, a cada minuto que eu durmo,
Eu acordo quarenta.

Janela embaçada,
Tampando minha visão.
Eu fecho os olhos
E praticamente sinto sua respiração.

É como o silêncio do meu quarto sem você.
Culpa dessa distância
Que me impede de te ver.

Me impede de provar que te mereço,
E te mostrar que o dinheiro "tá" pouco,
Mas que a alegria não tem preço.

E eu pensando em você nesse momento,
Aproveito o tempo, pra treinar o pedido de casamento.
Depois da briga, acordei cedo,
Peguei toda economia e comprei a aliança em segredo.

Juntei moeda por moeda,
Pra poder "tá" aqui.
Pra mostrar
Que um menino pode te fazer sorrir.

Te sentir mais uma vez,
Sentir por uma vez,
Que achar que eu sou teu sonho
Não é uma insensatez.

Mas pera aí,
Eu ouço um barulho,
Que que "tá" pegando.
A aliança caiu do meu bolso, tudo balançando.

Quem "tá" gritando? Por quê tá girando?
Alguém sabe?
Tento chamar seu nome,
Mas minha boca nem abre.

Barulho de chuva, pneu, escuridão.
Lembrar seu rosto se tornou a última opção.
Agarro forte a rosa na lama.
Menino ou homem você me deixou partir sem dizer que me ama.

Eu não pensei que fosse pra tão longe essa viagem.
Toca o celular é você me mandando mensagem.
Eu preso nas ferragem sem me mexer.
Sei que você me escreveu mas fecho os olhos sem saber o quê....

  • 0
  • 0