1. Spirit Fanfics >
  2. For my dear first love - Imagine Na Jaemin e Park Jisung

História For my dear first love - Imagine Na Jaemin e Park Jisung


Escrita por: chasyer e KakauXx

Fanfic / Fanfiction For my dear first love - Imagine Na Jaemin e Park Jisung
Sinopse:
"Na Jaemin foi o meu o primeiro amor, mas não o último."

Happy Julia Day!
clichê/fluffy
capa by: @wanbyeog
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 393
Favoritos 53
Comentários 8
Listas de leitura 26
Palavras 3.465
Concluído Sim
Categorias Neo Culture Technology (NCT, NCT 127, NCT U, NCT Dream, WayV, NCT DoJaeJung, NCT New Team)
Personagens Jaemin, Jisung
Tags Bishoujo, Bishounen, Fluffy, Happy Julia Day, Imagine Jaemin, Imagine Park Jisung

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drabs, Drabble, Droubble (Minicontos), Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romântico / Shoujo
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de difamar ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1
Único; porque nós não nos apaixonamos apenas uma vez
8
393
3.465

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Usuário: KakauXx
Usuário
Eu vou te matar, Domi! Tô sensível, aí. Me vi tanto como o Jisung, céus.
Sabe, não odiei o Jaemin, não sei o motivo, mas a escrita estava tão leve, que não subiu a raiva, ou algo do tipo.
"Eu não quero amar mais ninguém", pois é, nem cheguei na parte dela de ter um relacionamento desses, e já tenho metade dessa frase saindo de minha boca kkkkkkkk
Eu amo one's, talvez por me dar mais chances de me concentrar, e ver tudo mais como um tipo de obrigada ao para "imaginar e criar em minha mente", tal como, quando se conheceram, como o Jaemin agia com os outros, já que não foi mostrada uma cena assim, mas sim explicações e citações. E é tão maravilhoso ter de o imaginar, posso dizer que minha cena favorita foi ela com o Jisung enquanto essa explicava do livro, não sei bem, mas imaginar tal cena em minha mente, foi deveras lindo, e tão amorzinho, que não há como esquecer mais.
Talvez minha playlist não goste muito de mim, já que começou a tocar Hurts like hell, o que me deixou ainda mais sensível no final. Fui pega de surpresa pela interação como escritora, no final, deixando bem nítido que o clichê é muito mais do que um que termina em "felizes para sempre". Sabe, eu amo viadagens em fanfics, já que, claramente, são uma salvação - algumas - do que acontece no mundo, mas você mostrou algo cru aqui, e não teve medo de misturar com algo fantasioso, desde o início. Eu amei isso, mesmo que seja ao certo algo que pegue no final para te arrancar lágrimas.
Jisung de cabelo preto... Desculpa, na minha mente foi de cabelo azul kkkkkkk não consegui me segurar de o ver com os fios azuis e um moletom laranja.
"Nunca soube o quanto foi amada de verdade" isso foi como um tapa bem dado, e realista demais, pois, é estranho pensar que, nem tudo podemos ver e saber a verdade, se a pessoa está mentindo, falando a verdade, ou escondendo. Seja de longe, ou de perto, talvez seja por isso que gosto de temas "stalkers", ou aqueles bem baitola tímido, tipo, muito mesmo.

Estou tão tocada pela sua escrita, a parte da rosa descrita no Jisung, foi tão aaaahhhhhh
Mas vai, me diga qual era o final alternativo que você me disse? Estou curiosa. Eu amei, mesmo que meu jeito de iludida ainda tenha feito eu imaginar que eles se encontraram depois de um tempo, e souberam lidar com a situação e sentimentos, ajudando um ao outro, e tendo algumas chances.

Obrigada, eu fiquei tão boba apenas com a sinopse aaahhhh céus, eu tô muito boba kkkkkkkkkkkk é a primeira vez que recebo algo do tipo, como uma comemoração ao meu aniversário, e eu amei, demais. Sabe, eu não te vejo alguém pouco expressiva, na verdade, eu fico até com vergonha, por pensar que eu não consigo me expressar com os outros, ainda mais contigo, que me marca em publicações, me mima, me apoia, está ali para falar a verdade, e muito mais. Já até comecei a usar o Instagram mais vezes para procurar algo para te marcar também, não sei, tentar demonstrar mais afeto, porém, sempre me vem a vontade de te marcar em algo especial que simbolize bem você, ou o quanto amo nossa amizade, mas nada que eu encontro lá me parece bom o suficiente para tal...
Então, de verdade, te amo muito Domi! <333333333
Obrigada, você é um amor, sempre está ao meu lado, e isso me anima demais. Espero ter sua amizade para sempre, pois te esquecer, eu nunca serei capaz! ((Até sem capa está divando, e aliás, sua escrita é maravilhosa, nem vem neném, tu tem talento sim!))

Novamente, obrigada, e te amo mil milhões, pruuuuu~~